O que falta para você acreditar no seu potencial? – Vamos Falar da Gente

Com o passar da vida aprendemos muitas coisas, algumas são essenciais para nossa vida e outras nem tanto, mas todas elas nos revelam um caminho a percorrer. A depender das experiências que temos na vida tendemos a nos sentir mais seguros de quem nos tornamos, ou podemos apenas não nos reconhecermos no dia de hoje. Independente de qual seja o seu momento de vida, o que falta para você acreditar no seu potencial?

A dificuldade para acreditar no nosso potencial pode ter algumas raízes; falta de acolhimento na infância, ausência de estímulos na adolescência, sistema familiar disfuncional, péssimas experiências de vinculação, pouco acesso a oportunidades que fortaleçam a segurança interna e baixíssimo autoconhecimento, dentre outras. Constatar que talvez tenhamos vivenciado algumas destas e quem sabe todas elas, pode ser aterrorizante e ficamos a pensar “certo, e agora?”.

Sempre que percebemos que algo não vai bem ou que tivemos um passado que compromete o nosso presente devemos nos concentrarmos no nosso poder de realização. O que devemos fazer com tudo aquilo que fizeram conosco ou que nos permitimos viver? Nosso passado serve para nos lembrar o que devemos e não devemos fazer, com as experiências que tivemos podemos viver um presente mais genuíno e um futuro mais inspirador, só precisamos nos concentrar nisso e nos ajustarmos.

A vida tem passado tão depressa que parece que estamos fora de ritmo, um compasso que nunca conseguimos acompanhar e que nos traz uma falsa sensação de inadequação. Estar ciente disto nos traz um verdadeiro privilégio, o dar-se conta, nos damos conta do que aconteceu, do que está acontecendo e do que pode acontecer. Cientes desta realidade podemos mudar nossos pensamentos, alterar nossos comportamentos e por fim tentar nos sentirmos diferentes diante da vida que escolhemos ter.

Devemos nos enxergar no espelho e lembrar o que nos trouxe até aqui, pontuar cada potencial existente em nós, fortalecer aqueles que precisam de atenção e acolher o que nos tornamos. Chega de identificar em nós o que os outros esperam, assuma a responsabilidade e o prazer de ser quem você é, por mais que isso desaponte algumas pessoas aos seu redor, não vale a pena conviver com um ser que deixou a autenticidade de lado.

Atualmente não há comentários.