A vida vai passando e temos a oportunidade de desenvolvermos diversas habilidades sociais, conjunto esse de ferramentas que nos auxiliam a mantermos contato com as pessoas e interagir de forma saudável e assertiva. Elas são fortalecidas ou enfraquecidas a medida que nos expomos a situações as quais elas sejam requeridas ou seja, quando estamos em contato com pessoas, quando escolhemos nos expor, quando nos permitirmos viver. O isolamento social nos afastou das pessoas, nos colocando em casa e muitas vezes em segurança, realidade essa que pode ser capaz de “enferrujar” o nosso traquejo social e nossa forma de ser quem somos. Esse é um texto super especial e se você deseja se conhecer um pouco melhor, vamos juntos até o fim.

Quando falamos sobre habilidades sociais estamos falando essencialmente sobre a nossa forma de nos conectarmos ao outro, que se subdivide em: habilidades comunicativas, civilidade, assertividade, empatia, sentimento positivo e voltadas ao universo profissional. A depender das nossas experiências de vida, tendemos a fortalecer algumas, mais do que as outras. Por serem habilidades, devemos lembrar que elas são adquiridas e trabalhadas, ou seja, não nascemos com elas e sim as desenvolvemos ao longo da vida. Para sermos excelentes nestas áreas precisamos estudar, nos expor e praticar, desta forma alcançaremos a excelência e fluidez.

O isolamento social desde 2020 tem colocado a maioria das pessoas no limite da tolerância, a ansiedade, estresse e medo se alastraram, fazendo com que muitas pessoas passassem a duvidar de suas próprias habilidades e “poderes”. Ao nos afastarmos uns dos outros, por questões de segurança, deixamos de praticar presencialmente as nossas habilidades sociais: comunicação, empatia, assertividade, tolerância e paciência. Nos transportando para um ambiente digital, onde somos vistos muitas vezes no plano fechado (close-up) e nossa expressão corporal restringe-se ao rosto, ombros e mãos, limitando assim a percepção daquele que está diante de nós.

Ao nos afastarmos presencialmente das pessoas vamos enfraquecendo aquela nossa habilidade de interagir com as pessoas, de conversar, de nos fazermos interessados pelos outros e simplesmente de estarmos presentes. Essa é uma realidade a qual devemos estar muito atentos, não é digna de preocupação, mas se perceber é fundamental neste momento. O mundo está passando por diversas fases de desconfinamento, realidade essa que nos colocará próximo das pessoas novamente e é neste momento que poderemos voltar a exercitarmos as nossas habilidades sociais. Esteja atento a antigas práticas que não funcionam mais e a novas estratégias para se conectar com as pessoas, isso o ajudará bastante a ter novas resultados e experiências sociais.

Perdermos o jeito é natural, mas se treinarmos direitinho e nos expusermos a experiências positivas, certamente lograremos êxito. Portanto, esteja atento aos seus momentos e busque fortalecer suas habilidades sociais que não são tão fortes e mantenha em bom funcionamento aquilo que você já faz com maestria, aproveite a sua vida!

 

Atualmente não há comentários.