Uma longa matéria publicada em O Globo (assinada por Malu Gaspar) apresenta o deputado Arthur Lira, presidente da Câmara Federal, como um dos homens mais poderosos da República.

Inegável é que o parlamentar, um dos principais comandantes do Centrão, tem o poder de decidir, por exemplo, se aceita ou não um dos mais de 120 pedidos de impeachment do presidente Bolsonaro.

Ele?

Não!!!

Insistindo na desnecessidade de encampar uma proposta extrema no momento, Lira, no entanto, dá as cartas onde e como pode.

Por exemplo?

Diz a matéria: ele controla a destinação de R$ 11 bilhões, em emendas parlamentares, do chamado “orçamento secreto”.

A grana seria liberada a partir do aval do presidente da Câmara Federal.

Lira nega:

– Tem comissão do Orçamento, tem plenário, tem relator-geral, não é presidente da Casa quem define isso. O relator é quem envia aos ministérios. Você imagina que vou sair ligando de deputado para deputado?

Sei não. Assessor existe para quê?

Covid-19: novo decreto deve flexibilizar ainda mais isolamento social
Entre Lula e Bolsonaro, ex-deputado alagoano se lança à presidência
  • Tales

    Este é o preço da manutenção de Bolsonaro no lugar onde ele nunca deveria estar.
    Pagamos nós.

  • Lion

    Resumo: A oposição está sem saída…..kkkkkk…Tanto local, quanto nacionalmente…..

  • Clovis

    Não só isso, como deixamos as mesma pessoas no poder. Democracia e alternar, e não permanecer no cargo ou função por tempo indeterminado. Alagoas e pioneira nisso. Renan Calheiros e político desde que eu era Bebê. Nossa e uma piada! Alagoas não muda, a mesma coisa faz com Lira perpetuar no poder. Homens pobre e miserável era Renan Calheiros e Lira, no entanto enriqueceram as custas da calamidade alagoana. O lugar e brilhante, mas a ignorância do voto e exorbitante, por isso faz esses descompromissado ficarem ricos

  • Antonio Carlos Barbosa

    A cada dia, BolsonaroFascista fica refém do Centrão. deputados Arthur Lira e Ricardo Barros, e o senador Ciro Nogueira, na casa civil, a mãe do Ciro assume o mandato no senado. Os três políticos/empresários, e todos os membros do Centrão que atuavam como sócios do PT no governo Lula e Dilma, hoje são sócio do governo do BolsonaroFascista, que foi eleito para mudar a forma de se fazer política, embora, mudou para permanecer com as mesmas práticas dos governos petistas. Os negócios/políticos do Arthur e seus cúmplices, vão de vento em popa com a benção do capitão/presidente.
    LulaCínico é igual ao BolsonaroFascista. O Brasil necessita de um outro governo.

  • Antonio Carlos Barbosa

    Ciro Nogueira em 2017, durante a campanha presidencial, que BolsonaroFascista foi eleito;
    “Bolsonaro é fascista e o Lula é o melhor presidente”
    BolsanaroFascista vai se filiar ao PP do Arthur e do Ciro e já entregou o Brasil aos dois, Arthur Lira e Ciro Nogueira e a todos os inocentes do Centrão. BolsoanroFascista não manda mais em nada, somente servindo de palhaço de quinta categoria, dando declarações tresloucadas e mentirosas, não trabalha, o Brasil elegeu um presidente retardado, mentiroso, um psicopata muito perigoso.
    Infelizmente, se Lula foi eleito, Ciro Nogueira e Arthur Lira e o Centrão serão alugados pelo Lula e os petistas, os Centristas aguentam serem esculhambados de tudo, que não tem problema, contanto que tenham negócios entregues para eles comandarem e faturarem os bilhões, foi assim com LulaCínico e Dilma, com o Temer e agora com BolsonaroFascista

  • Carlos

    Exatamente Antônio Carlos Barbosa, seu comentário digno de reconhecimento. O fascismo e cinismo são da mesma família. Não existe diálogo com, fascista,pois um fascista é também um Cínico.