O senador Renan Calheiros, ao estilo, avisou que a CPI da Covid-19 pode pedir a prisão do secretário-geral da Presidência, Onyx Lorenzoni, “caso ele persista nas ameaças” aos irmãos Miranda – deputado Luiz Miranda e o irmão dele, Luís Ricardo Fernandes Miranda, chefe da Divisão de Importação do Ministério da Saúde.

Onyx foi escalado para fazer a defesa/ataque do governo federal e do presidente Bolsonaro no escândalo da Covaxin por ser, eis o busílis, do DEM – mesmo partido de Miranda.

Lembrando que até o Ministério Público federal já investiga o que seriam as tenebrosas transações do imunizante indiano – que têm até intermediário.

O ministro é um personagem que só tem perdido tamanho dentro do governo, mas não larga o osso.

Sem Patrícia Mourão, ministro do Turismo é recebido pela família Caldas em Maceió
Governo deixa na conta da Assembleia cobrança de 14% do AL Previdência em junho
  • Maria Cícera

    Sobre os 17 processos no STF tem alguma explicação a dar ?

  • J FARIAS

    Governador, abre logo um concurso pra delegado, vai que o seu pai se inscreve e passa. Porque pelo que parece ela está querendo ser um, com tanta tara que está pra prender alguém!!

  • Pedro

    Melhor seria se o pedido de prisão fosse para o genocida. Se considerarmos os brasileiros que se foram sem registro nos órgãos oficias , o número já vai a mais 700 mil. Essa conta o mostro há de pagar.

    • Cláudio

      Quem é “mostro”?

      • Pedro

        Ponha o a letra “n” antes da letra “s”. Vai facilitar bastante a sua compreensão.

  • Carlos

    O senador nunca escondeu que a CPI, que pode ser chamada de sua CPI, sempre comete o seu ato falho. É uma CPI, pre – condenatória.