Trata-se de Francisco Araújo, que foi secretário de Assistência Social de Cícero Almeida.

Ele ocupou a Secretaria de Saúde do DF até  agosto do ano passado, quando foi preso  por um suposto esquema fraudulento de teste para Covid.

A pedido do senador Izalci Lucas (PSDB do DF),  a CPI vai analisar o requerimento apresentado pelo senador Girão, titular da comissão, para que Araújo seja ouvido.

O tucano acredita que ele conhece em profundidade os integrantes de uma organização que atua em vários estados brasileiros desviando recursos  públicos.

A trajetória meteórica de Francisco Araújo é um grande mistério. Ele saiu muito mal da prefeitura de Maceió, denunciado por improbidade, mas terminou se tornando um personagem importante na política do Distrito Federal.

PP de Arthur Lira quer nova filiação de Bolsonaro, mas ao PSL de Bivar
Festas de São João serão suspensas mais uma vez este ano
  • Luciana

    É impressionante a capacidade que as pessoas têm em não enxergar a segunda chance que a vida dá! A ganância é tanta que os olhos de ver, só vê mesmo o proveito próprio, infelizmente…

  • Consigliere Alagoano

    Francisco Araújo, É um TÉCNICO – CORINGA, atua em QUALQUER ÁREA que for colocado, e serve fielmente ao seu INDICADOR.
    .
    Não se vai TIRAR grande COISA do Francisco, ele sabe guardar segredo, que são tecidos em silêncio, com cuidado, em lugares escuros, mas certamente não se pode dizer que era desconhecido ou secreto .
    .
    Ele, é daqueles que COMUNGA, mas sem NUNCA se CONFESSAR…
    .

  • Pedro Antônio

    E o governador Renan Filho?