A queixa quanto à falta de uma fiscalização mais presente e efetiva – por parte do governo Estado -, não é apenas externa, de uma parcela significativa da população.

Integrantes da equipe de Renan Filho têm reclamado da ausência de agentes públicos – principalmente das forças policiais – nas ruas, ostensivamente.

Nessa nova fase do “velho decreto” de isolamento social, a Secretaria de Segurança Pública deve investir mais nesse trabalho, ainda que seja impossível a onipresença – como muitos reivindicam.

Ontem, o secretário Alexandre Ayres voltou a se reunir com o secretário Alfredo Gaspar e conversou também com o secretário de Segurança Comunitária, Thiago Prado, que tem se empenhado, sim, nesse trabalho.

Eles prometeram já para esse final de semana um rigor maior na fiscalização.

Tomara que dê certo.

Renan Filho dá mau exemplo e discurso ao negacionismo
Decreto é última tentativa de evitar o lockdown à brasileira
  • Carlos

    Conte com o meu apoio desse ilustre desconhecido… Desde que começou as medidas de isolamento só não falto ao trabalho sou da área hospitalar. Sigo a risca o protocolo de prevenção.

  • Meira

    Pode começar nesse exato momento, a arena beach tênis açaí na jatiuca está lotada e os dois bares funcionando. Única ressalva q os secretários do ilustre governador jogão quase q diariamente, talvez por isso 190 não aparece.