Na entrevista, após o anúncio do novo decreto de isolamento, o governador Renan Filho deixou aberta a possibilidade de mudar algumas medidas de isolamento social já na próxima semana.

Os setores que podem ser atendidos?

Bares e restaurantes, alvo da pergunta que lhe foi dirigida.

Mas que fique claro: desde que os números da pandemia melhorem.

Palácio aposta que desgaste com o decreto de isolamento é passageiro
Em campanha, Collor investe no vazio deixado por Renan Filho
  • Nado

    COVID MATA!

  • Carlos

    É equação difícil de resolver.
    Mas às medidas restritivas controla o vírus e só não controla os trabalhadores que trabalha para se alimentar e não tem a quem recorrer.

  • Sérgio Eduardo

    Enganado isso os ônibus e ponto de ônibus estão lotados. Isso o governador e o prefeito de Maceió n ver né .

  • Alagoas

    Ricardo,
    importante falar sobre os critérios amplos demais para designar “profissionais da saúde”. Tem personal trainer, pessoal que trabalha com estética, na casa dos 45 anos, tomando a vacina. Enquanto militares seguem morrendo.

  • Paulo

    Governador e prefeito, à população está vendo os erros da administração de vcs , não vai ter perdão no ano que vem , vcs vão ver , às urnas vão traduzir a desgraça que os dois estão fazendo com o povo. Ônibus lotados , bancos lotados , muitas outras coisas com aglomerações e vcs fazem vista grossa, e os empresários com seus negócios parados pq vcs dizem que causam aglomerações. Absurdo! Vcs só se preocupam com o bolso de vcs.

  • Pedro

    Se liberar geral, a chacina aumenta. É tudo que o Bozo e seus seguidores desejam, uns…até em nome de Jesus! Cruz credo!!!

  • CÍCERO FREDERICO DA SILVA

    Isso pode se concretizar, pois vemos pessoas dono de bares e restaurantes tem muito cuidado.

  • Vanessa

    Sr governador, todo serviço é essencial!! Tem famílias passando fome enquanto, o Sr está com a conta bancária recheada, e sua mesa também! Desemprego, fome, suicídio é isso que vc está causando! Vacine a população e deixe o pobre trabalhar! Bares , restaurantes e similares são essenciais pois empregam pais de famílias.