O futuro prefeito, JHC, terá dois problemas pela frente que são de difícil solução – mas que têm jeito: os contratos da limpeza urbana e da iluminação pública.

O primeiro enfrenta uma disputa judicial entre duas empresas, desde o ano passado, quando foi realizada a licitação.

Assim: a empresa M Construções e Serviços LTDA, que apresentou uma proposta de R$ 111.516.810,72, venceu o certame contra a Naturalle Tratamento de Resíduos LTDA (segunda colocada e que já fazia o serviço), que apresentou uma proposta de R$ 129.597.511,62 para fazer o serviço.

A perdedora recorreu ao TJ e conseguiu uma liminar, que lhe garantiu assumir o serviço, desde julho, e a questão vai seguindo o roteiro próprio dos chamados imbróglios judiciais – sem prazo para acabar.

No momento, a prefeitura tenta retomar, com o apoio do Ministério Público Estadual, o contrato com a vencedora da licitação, mas ainda depende do julgamento do mérito da ação inicial, pelo Tribunal de Justiça.

A situação da iluminação pública parece ainda mais complicada: a licitação realizada, depois de tantas idas e vindas, foi anulada pelo juiz Antônio Emanuel Dória, da 14ª Vara da Fazenda Municipal – e voltou à estaca zero.

Vaga de Amélio no TC caiu das urnas no colo de Marcelo Victor
Maioria confirma Galba Neto (MDB) como novo presidente da Câmara de Maceió
  • Firefly

    Na SIMA, o problema é mais sério e precisa de uma auditoria mais detalhada.

  • Maria José

    PREFEITO JHC CUMPRA O QUE VOCÊ PROMETEU.
    ACABAR COM A MÁFIA DA ILUMINAÇÃO PÚBLICA NA SIMA.
    DESDE 2013 QUE O ESCÂNDALO É NOTÓRIO COM CASO DE PF.
    EMPRESA VS DE PERNAMBUCO FOI CONTRATADA POR 30 MESES E ESTÁ LÁ A 110 MESES COM O CONTRATO SUPER,MEGA FATURADO.

  • Servidora atenta

    TEM ALGUNS PERSONAGENS DA POLÍTICA TOMANDO RIVOTRIL 3 VZS AO DIA,QUANDO O JHC FALA EM AUDITORIA NA SIMA.
    ATÉ PORQUE A DONA DA EMPRESA JÁ AMEAÇOU DETONAR TODOS.
    DENTRE ELES ESTÃO UM EX DEPUTADO E SECRETÁRIO DE GOVERNO, UM EX SECRETÁRIO DA PREFEITURA.QUE TENTOU SER UM POLÍTICO E O SEU CHEFE MAIOR.

  • ANTONIO ARECIPPO NETO

    Soltar palavras ao vento é fácil demais, difícil é trabalhar sério e colocar algo para funcionar nessa cidade. O edital da iluminação pública era tecnicamente bem montado e com vantagem econômica, na redução de valores a serem pagos pela administração pública. Mas o que é sério não sai com facilidade por estas bandas.

  • Patricia Aciole

    Bom mesmo e dar um pente fino na saúde pois lá nossas contribuições para o INSS só estão lá como pagas até 2017 ou seja a prefeitura não esta repassando o que desconta nosso todo mês ao INSS.Isso trará problemas futuras em um pedido de aposentadoria.

  • kika

    Será que JHC vai resolver tudo isso? Já to vendo um monte de ex Rui compondo sua equipe.