As filas “físicas” nos postos de Saúde de Maceió não existem mais, garante o secretário José Thomaz Nonô. Ele confirma que a imagem veiculada na propaganda eleitoral – de uma fila – era real, mas foi pontual:

– Foi o resultado do retorno das atividades mais ou menos normais. Era a demanda reprimida, acumulada durante a pandemia, mas já resolvemos a questão.

Alvo da maior parte das críticas dos candidatos a prefeito de Maceió, este ano, Nonô atribui os ataques aos marqueteiros contratados:

“A realidade de Maceió na área de Saúde, hoje, é diferente da grande maioria das capitais brasileiras. Apenas em Curitiba e aqui a avaliação do setor é positiva junto à população. Criticar a saúde não dá  mais voto em Maceió”.

Convidado do Ricardo Mota Entrevista desta semana, José Thomaz Nonô analisa cada uma das críticas apresentadas no guia eleitoral pelos candidatos a prefeito.

Confirma, por exemplo, a baixíssima cobertura do PSF na capital de Alagoas, uma das menores do Nordeste, mas justifica a situação pelo alto custo de cada equipe, com remuneração muito superior aos demais servidores da Saúde, além do repasse, cada vez menor, do governo federal para o programa.

Ele faz pelo menos uma afirmação surpreendente sobre a interferência dos vereadores nos posto de Saúde de Maceió.

Nonô confirma que eles indicam técnicos para chefiar as unidades de Saúde, mas garante que cobra eficiência: “Quando isso não se confirma, nós trocamos a direção do posto. Em alguns casos, já mudamos até cinco vezes a direção de uma unidade”.

Eis que vem o arremate: o secretário de Saúde garante que “os vereadores não marcam consultas”.

Exames, medicamentos, reforma do PAM Salgadinho, contratualização, eleições, tudo entrou na conversa.

Vale a pena conferir.

Ricardo Mota Entrevista

Sábado, às 13h10 (uma e meia da tarde), na TV Pajuçara

Convidado: José Thomaz Nonô – secretário Municipal de Saúde

Sai a turma de Renan Filho, entra o marketing de Rui na campanha de Alfredo
IBOPE revela que campanha a prefeito de Maceió não empolga - melhor para Davi Filho
  • Povo ainda tem voz

    Aprecio esse blog, porem nunca postei comentários sobre as matérias, mas essa de hoje doeu na alma.
    A única pessoa “desinformada” aqui é secretario. Deixem passar uns dias e vão de surpresa aos postos de saúde e vcs vão ver a realidade e olhe que é apenas para consulta com um clinico porque para as demais especialidades o mesmo precisa encaminhar. Pessoas dormem, chegam 2 horas da manha e só tem 5 fichas. Não vou dizer quais são mais os dias são sexta e quarta.

  • Povo ainda tem voz

    …continua. Estou aguardando a marcação de um retorno para mostrar exames a 4 meses e olhe que só consegui a consulta especialista por causa da pandemia, quando poucas pessoas estavam saindo de casa e o retorno nada. “talvez” pela pressão das eleições esta se conseguindo marcar alguns exames mais rápido(coisa de 30 ou 60 dias) e isso é no cora em frente ao salgadinho porque no cora dos postos só se consegue mais rápido exames laboratoriais. A cada 8 dias tem que mandar mensagem zap e esperar que digam não tem nada marcado tente daqui a 8 dias. Quanto a historia q “vereadores não marcam consulta” eu prefiro nem comentar rsrsrs. O Sr. Secretario precisa ter certeza junto a sua equipe da realidade porque quem sofre é o povo e a desculpa da pandemia não cola.Médicos estão recebendo seus salários e garanto que não é um caso isolado.

  • Ritinha

    Quero deixar claro não votar em nenhum candidato e nem apoiar nenhum partido, mas ao fim das eleições eu gostaria de saber do Secretario de Saúde da prefeitura de Maceió Que autonomia é essa dada a FUNBRASIL? e pontuar varias situações… por enquanto é só lembrar que o povo não dorme.

  • CMJR

    Salvo engano, escutei que a propaganda do candidato do prefeito é ampliar a cobertura do PSF em 100%. Pura mentira! É bem verdade que o custo das equipes são altíssimos em virtude das benesses conquistadas por algumas categorias como PCCS próprios, progressão por titulação fruto de acordões de gestões anteriores, que no final não tem como a conta fechar. Todos os anos as promessas são praticamente as mesmas. Entra prefeito, sai prefeito e quase nada melhora. Parar de palhaçada e de enganar o povo. Então, eleitor, fiquemos de olhos bem abertos. Funcionalismo público do estado e Prefeitura foram abandonados! Há uns 7 anos sem aumento real na prefeitura e sem as progressões por mérito e por titulação implantadas. Nem com a “justiça” se tem os direitos. Atraso total!!! Funcionário público que votar em candidato do Rui é votar na RUÍna total!!!

  • Bel

    LUCIANO BARBOSA de Ministro da Integração Nacional à EXPULSÃO do MDB! Kkkkkkkkkkk

  • Anisson

    Esse secretário é um brincalhão!! Vive no fantástico mundo de Bobby😂😂

  • LimaJR

    Quantas vezes o secretário foi atendido pela saúde do município? Se é tão eficiente pq ele recorre ao atendimento particular?

  • Will

    É uma piada, isso? Esses inúteis conseguiriam fechar o mini pronto socorro do jacintinho, por abrir uma upa na cruz das almas (que eles chamam de upa do jacintinho). O mini era muito mais eficiente, melhor atendimento e estrutura que isso que eles investiram nosso dinheiro. Fora a localização do mini, que por sinal, é muito mais abrangente que a da upa.

  • Paulo José

    Existe uma carência enorme de médicos nos postos de Maceió! E não estou falando de especialistas não! A maioria das UBS faltam clínicos! Pediatra praticamente não existe! Quem achar que não é verdade, busque qualquer posto de saúde de Maceió e vai constatar! Tem equipes de PSF sem médico! Uma total desassistência!

    • Maria

      A carência existe, mas na maioria das vezes eles estão em outros hospitais públicos /privados quando na verdade era pra estar nas upas e não tem relógio de ponto que dê jeito. Quanto a pediatria não vejo carência e sim não tem demanda, pois a qualquer hora tem vaga de sobra. Outra situação é na upa jacintinho Onde o cora marca para o especialista e quem atende sao os estagiários dele e quando ele vem chegar não tem mais graça. Os estágiarios é que assinam as guias e solicitam exames que já tem lugar marcado para cirurgia. Onde será? É muito babado secretário e o Sr. Tem certeza do que acontece nos postos? Muito constrangimento isso sim e não é fake é fato é só ir lá.

      • Morador jaça

        É pra rir ou pra chorar Secretario? Sra. Maria essa situação dos “estagiários” é no posto Joao Paulo II e não na upa não é mesmo? Já vi essa situação por lá.

      • Paulo José

        Me diga a UBS que tem pediatra! Pois os pacientes do vilage campestre 1 e 2 , Graciliano Ramos e demais unidades não tem pra onde levar seus filhos pequenos pra fazer a puericultura! Não tem demanda! Vc vive em que planeta?

  • Contador

    SIMPLES ASSIM. DIAS: 15 E 29/11/2020. FIQUEM EM CASA. Gente, nem multa vai ter. Ordem do “CORONA VIRUS”

  • Henrique Rebelo

    Em Maceió, apenas as ONGs dos vereadores é que conseguem fazer a marcação de consultas e exames. Não consigo entender como o MP não autua essas ONGs por abuso de poder político. Kelmamn, Davi Davino, Galba, dentre outros mais, seguem sua política assistencialista utilizando a máquina pública, precarizando os postos de saúde. Seus indicados não realizam as marcações nos postos para que a população procure as ONGs que “funcionam” na marcação da consulta. Se nas ONGs se consegue agendar as consultas com os especialistas pelo CORA, pq não se consegue nos postos? Viva aos que vivem da política em Alagoas!

    • Morador jaça

      Vai ter que marcar outra entrevista Ricardo Motta com o secretario para que o mesmo possa responder a população. Aproveitando se for possível ver com o sinmed qual a exata carência de profissionais nos postos do municipio e como os que estão atuando estão divididos. Será que é possível? A população precisa saber a verdadeira realidade para que possamos cobrar dos representantes. Não só com números e sim com nomes. Agente já tem acesso disso no portal da transparência?

  • Rocha

    É piada secretário dizer que os diretores de posto de saúde tem formação técnica, tem indicação política isso sim.

  • Alan Bulhoes

    Esse secretario é uma piada: vereadores não marcam consultas? E quem são os indicados deles, cabos eleitorais. Trabalho no posto de Saúde do Canaã, cedido pelo Ministerio da Saúde e vejo o que acontece lá, tudo politica nojenta desses vereadores de ponta de rua, diretores indicados por eles que nem sabe o que é um teclado de computador kkkk. Esse secretario é hilário, sabe nada inocente kkkk

  • Pedro Antônio

    Marcam sim