Termina neste sábado, dia 4, o prazo de filiação partidária dos candidatos às eleições deste ano – inclusive para os que estão pulando a “janela da infidelidade”. O processo é virtual.

Mantido o calendário eleitoral – o que acontece até agora -, só poderá entrar na disputa quem estiver filiado a um partido. E conta a última filiação.

Há uma corrida desesperada de dirigentes partidários para filiar candidatos com ou sem mandato, antes que o prazo seja encerrado.

Existe uma expectativa de que grandes legendas não consigam formas chamas competitivas para brigar por vagas de vereador – principalmente em Maceió.

A situação dos pequenos é ainda pior: sem fundo eleitoral, sem fundo partidário, sem tempo de rádio e TV, eles deixaram de ser um atrativo para quem quer se aproximar dos grandes ou conseguir, na soma dos votos, alcançar o quociente eleitoral.

Um aviso necessário à Braskem
Covid-19: Pilar reduz duodécimo da Câmara na proporção da queda da receita do município
  • Carlos

    Aqui em Coruripe, os escadas dos Beltrão, vivem de ilusão! São atraídos por ajuda financeiro e material e o escambal e quando chega na hora do prometido os que conseguem chegam no máximo 30 % , no caso se tem alguma nem que seja pequena de se eleger. Já tem 8 Beltrão, candidatos a vereadores e com certeza todos serão eleitos. Os rolos de sempre

  • Silva da Silva

    Carlos, em Coruripe essa gente do poder não tem o menor respeito pelo povo, principalmente os precisam trabalhar, eles pagam os comissionados até novembro, janeiro ninguém recebe. Agora estão pagando R$300, 500 para os pobres comissionados que por se tratar de pessoas simples , aceitam essa humilhação, muitos não tem condições de pagar as contas básicas.Resumo da ópera com o salário de 1 pessoa paga a 2 ou 3 e já deixa a pessoa grata por receber essa miséria e votar neles como forma de agradecimento. Eh vida de gado. Agora com a pandemia eles podem até se aproveitar para justificar esse ato vergonhoso, imagino que isso também não seja uma prática só de Coruripe não , deve ter mais município fazendo isso.

  • Carlos

    Exatamente infelizmente essa prática é uma estratégia que vem dando certo há muitos anos! Concordo com o seu comentário Silva da Silva, parece que Coruripe , não faz parte da federação do Brasil. É uma prática e o silêncio das autoridades do judiciário é um aliado. Deixa para lá.