O ex-ministro Maurício Quintella fez uma crítica ao ministro Mandetta que me pareceu fortemente injusta.

Ele disse que o titular do Ministério da Saúde virou “assistente de palco” das coletivas diárias.

Ele pode até achar que encontrou uma frase de efeito, mas não pode negar que Mandetta tem demonstrado coerência e conhecimento sobre as matérias que aborda cotidianamente.

O ministro conserva o protagonismo onde de fato ele importa – não no embate “político” ou na prova de macheza.

A lembrar: manteve a mesma posição em relação ao isolamento coletivo, em defesa da quarentena, e mais importante: permaneceu no cargo, mesmo após as humilhações sucessivas que vem sofrendo.

Isso é ser grande, e não o contrário.

Neste momento, a saída dele só faria a felicidade do próprio Bolsonaro – que não teve coragem para tanto – e aos que apostam na tragédia.

O que quero crer não é o objetivo de Quintella.

Para quem foi ministro de Estado, mesmo que no governo Temer, ele poderia ter sido mais solidário – com o povo brasileiro, não com o governo Bolsonaro.

Em tempo

O texto abaixo chegou ao blog como comentário. Publico-o como necessário e democrático direito de resposta:

Caro Jornalista Ricardo Mota,
Acho que vc não leu direito meu Twitter, a postagem está editada e fora de contexto!A crítica não foi ao Ministro Mandetta obviamente, foi ao Presidente, que tenta de forma subreptícia calar , deslegitimar, transformar em simples coadjuvante (por isso a metáfora “ajudante de palco), uma das poucas vozes sensatas nesse governo. Se vc tivesse lido a sequência de twitters que postei durante todo o mês de março, verificando a cronologia, teria visto o apoio que sempre prestei ao trabalho do Ministro! Está publicada para quem quiser ler.
Todas as críticas que fiz foram dirigidas a quem incentiva o fim do isolamento horizontal nesse momento, colocando a sí próprio e a comunidade em risco.Também critiquei a letargia do governo federal em prestar assistência econômica a quem precisa, sem isso, o isolamento tende a fracassar. Reafirmo aqui a minha admiração ao trabalho do Ministro da Saúde, desejo que sua liderança e lucidez prevaleçam; ao tempo em que mantenho minhas críticas vigorosas ao comportamento do Presidente da República e seus filhos, em relação a pandemia do coronavírus; e por fim, refuto a deturpação da minha posição, amplamente divulgada nas redes sociais em seu blog, completamente desconectada do conteúdo que produzi e que reflete o que penso. Armado com as orientações da OMS, do Ministério da Saude e da SESAU, combati os difusores da desinformação em relação aos enormes riscos que corremos se dermos o passo errado no enfrentamento a pandemia; defendi a causa que acho nobre publicamente, com convicção e espirito público.
Sem mais para o momento!
Mauricio Quintella

Arthur Lira pressiona Câmara por projeto que obriga empresas a emprestar R$ 80 bi à União
O que move os bolsonaristas radicais não é a ideologia - é o culto à ignorância
  • Idosamente MONGE no Sertão: busca SUS sem úi nem Ái!

    Pois é caro Ricardo MOTA … a criação do SUS tem História DIGNA!
    Vem da Constituição Federal 1988, coisa do Dr Ulysses a OSSATURA,
    ‘gnorada pelo impixado 1992, implantado o SUS com Zé Serra – ECONOMISTA.

    O SuS ganha músculos nos governos Fernando Henrique (1995-2002),
    + Lula (2003-2010) e Dilma (2011-2016) + Dr Temer VICE tampão (2016-2018)!

    Já + 1 pustema impotente, cabrão preguiçoso e desorgamizado do juízo,
    acoLLoiado a MILICIANOS assassinos destruiria impunemente tal colossal OBRA!

    E o Dr Luiz H Mandetta (Mini Saúde)
    … Ele ‘á na linha correta, fazendo o que qualquer ministro da Saúde faria.
    … O BolZonaro precisa deixá-lo trabalhar!

    > Quando MINISTRO da Saúde (1998-2002), ZÉ Serra lidou c’a explosão da DENGUE:
    – E AVALIA hoje 2020no país: É muito mais grave agora ! ! !
    [Senador Zé Serra, SPaulo], 31mar20
    https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/03/bolsonaro-e-irresponsavel-e-precisa-deixar-mandetta-trabalhar-diz-serra.shtml#

  • Frota

    O secretário Maurício Quintella está fazendo sucessivos discursos de ódio aos que precisam trabalhar para não passarem fome. Tá utilizando a tragédia do covid para fazer ataques estreitos estéticos e destemperados em um momento que precisamos de sensatez é lucidez. Não me surpreende sua derrota eleitoral. Lamentável

    • ROBERTO PAIVA

      FROTA
      ACOMPANHO O MAURICIO QUINTELLA PELO INSTAGRAM,
      NÃO OBSERVO ISTO QUE VOÇÊ TA FALANDO.
      A CRITICA QUE ELE FEZ A CARREATA : O BRASIL NÃO PODE PARAR
      É JUSTA E SENSATA.
      OBS. O LOCUTOR DA CARREATA NÃO SABIA DO QUE SE TRATAVA.
      GRITAVA O TEMPO TODO QUE NOSSA BANDEIRA NÃO É VERMELHA.
      ´

  • Pedro

    Eu vejo é o Ministro da Saúde grande demais para um presidente nanico. Os masoquistas que apoiaram o bozo ainda acreditam que este louco pode desmantelar nossa democracia. Se querem um ditador, viagem para Corea do Norte. Aqui é Brasil. O movimento para retirar essa anomalia da cadeira de Presidente já está crescendo. Vou dizer mais uma vez. Esse louco não aguenta até o mês de Santana.

  • Wellington Teófilo dos santos

    Maurício Quintela, tem que tomar banho de Álcool gel!!

  • Maurício Quintella

    Caro Jornalista Ricardo Mota,
    Acho que vc não leu direito meu Twitter, a postagem está editada e fora de contexto!A crítica não foi ao Ministro Mandetta obviamente, foi ao Presidente, que tenta de forma subreptícia calar , deslegitimar, transformar em simples coadjuvante (por isso a metáfora “ajudante de palco), uma das poucas vozes sensatas nesse governo. Se vc tivesse lido a sequência de twitters que postei durante todo o mês de março, verificando a cronologia, teria visto o apoio que sempre prestei ao trabalho do Ministro! Está publicada para quem quiser ler.
    Todas as críticas que fiz foram dirigidas a quem incentiva o fim do isolamento horizontal nesse momento, colocando a sí próprio e a comunidade em risco.Também critiquei a letargia do governo federal em prestar assistência econômica a quem precisa, sem isso, o isolamento tende a fracassar. Reafirmo aqui a minha admiração ao trabalho do Ministro da Saúde, desejo que sua liderança e lucidez prevaleçam; ao tempo em que mantenho minhas críticas vigorosas ao comportamento do Presidente da República e seus filhos, em relação a pandemia do coronavírus; e por fim, refuto a deturpação da minha posição, amplamente divulgada nas redes sociais em seu blog, completamente desconectada do conteúdo que produzi e que reflete o que penso. Armado com as orientações da OMS, do Ministério da Saude e da SESAU, combati os difusores da desinformação em relação aos enormes riscos que corremos se dermos o passo errado no enfrentamento a pandemia; defendi a causa que acho nobre publicamente, com convicção e espirito público.
    Sem mais para o momento!
    Mauricio Quintella

    • Democracia ao PONTO: garçon + 1 cana, tira gosto SARDINHA péÓóRrrrr sem ELA!

      Dr Maurício … data venia, nobre parlamentar.
      Mas, qual é a sua INTENÇÃO quando metralha: dezenas de tuítes ao DIA, centenas ao MÊS?

      #1. Vejo twitter com DROGA: atrofia a mente e castra a RAZÃO: vicia o cidadão: atrofia e torna IMPOTENTE a razão.
      #2. Ficaria ALUCINADO observando GRÃOS de areias: formando DUNAS ao sabor dos ventos, Sr Deputado!
      #3. Numa DEMOCRACIA política demanda persuasão e retórica: afeto e poesia, sem patéticas gírias de casernas cínicas, SEM provas.
      * … ‘combati […] riscos […] no enfrentamento […] defendi[…] com convicção’
      #4. Senti HORROR em imposição formal quase-desrespeitosa, passo mal c’exclamações burocráticas TIPO
      * ‘Sem + pr’o momento!’

  • Traira

    Gente faça como o Miliciano nos debates,fique em casa!

  • ROBERTO PAIVA

    ESTAMOS NO VERDADEIRO TEMPO DA TRAVESSIA.
    TEMOS QUE TER FÉ, CALMA,SOLIDARIEDADE E MUITO
    HUMANISMO.
    ESSA PANDEMIA VAI PASSAR.
    QUEM ENTENDER SE TORNARA UM SER HUMANO
    MUITO MELHOR.
    TALVEZ O PLANETA ESTIVESSE CLAMANDO POR UMA PAUSA.
    ESTÁVAMOS DESTRUINDO TUDO.JÁ FALTAVA OXIGÊNIO.

  • Carlos

    Lembrando o senhor é secretário do desnaturado governador Renan Filho. Do Al previdência, mais perverso do Brasil… Bolsonaro na contramão do combate ao coronavirus e o governador de Alagoas, com a mais perversa da reforma que dá de dez a zero na governo federal.

  • JEu

    Vão chorando que a banda vai continuar passando… se existe preocupação para com a saúde da população, por parte dos detratores do Presidente, isso só ocupa o terceiro ou quarto lugar… o que querem mesmo é tentar retirar o Bolsonaro da cadeira de Presidente que lhe foi concedida por mandato popular legítimo, e nada mais… e isso sempre aconteceu, desde que foram divulgados os resultados das eleições de outubro/18… tudo o que fazem e sempre fizeram foi tentar atrapalhar, atravancar, prejudicar as ações governamentais… nada mais… isso é baixeza das maiores, pois não leva em consideração o bem do povo… e agora, repito, mais uma vez, se utilizam de uma situação fortuita para criar um “clima” de caos e desorganização social, onde muitos sofrerão inocentemente… coisas de gente pequena…!!!

    • Jovem Eleitor

      Jeu, boa tarde!
      Já estava preocupado contigo. Em tempos de corona vírus, um artigo do Ricardo falando sobre o seu presidente sem um comentário seu exaltando a pessoa dele e vociferando todas as teorias de conspiração para tirá-lo do poder, é algo muito preocupante. As vezes esqueço que o vírus para vocês será uma simples gripizinha.
      Em relação a tentativa de tirar o Bolsonaro do poder (ainda não o vi usando o tal poder, mas …), eu tenho uma solução, basta vocês gritarem: é gopi! é gopi! é gopi!
      Se cuide, meu caro. Ainda quero ler mais os seus comentários, principalmente quando ele tiver caindo. Abraço

  • MENINOS E MENINAS, VOCÊS SABEM QUEM É QUEM É MAURÍCIO QUINTELA LESSA?

    Começou na política com Ronaldo Lessa, seu parente mais famoso (para o bem e para o mal), de quem se desligou tempos depois. Antes do rompimento, claro, se elegeu vereador de Maceió e foi deputado federal, sempre destacando o parentesco famoso. Na campanha eleitoral para o governo em 2006 apoiava Teôtonio Vilela Filho, mas trocou de lado e foi para os braços do usineiro João Lyra para ter ‘mais estrutura’ de campanha (Dinheiro!).
    Já apoiou o Lula Ex- Presidiário de Curitiba e a Dilma Anta, porém, mudou outra vez de lado (de novo?) e ajudou a derrubar o governo Dilmista junto com Michel Temer (MDB) e Eduardo Cunha (MDB), e como prêmio tornou-se Ministro dos Transportes do Governo mais rejeitado do mundo.
    Na eleição de 2018 em Alagoas, estava no grupo de oposição com Bendito de Lira (PP), Rui Palmeira (PSDB), entre outros. Como Rui decidiu não ser candidato ao governo optou por deixar os aliados para ser candidato a senador junto com os Calheiros e o PT.
    Apesar de possui a melhor estrutura de campanha para Senador em Alagoas, vez que teve um helicóptero ao seu dispor 24 horas por dia, que também serviu para dar carona ao governador Mini Mim (MDB) quando viajam juntos para o interior, amargou o 3º (terceiro) lugar na disputa.
    Alguém entendeu alguma coisa?

    • Fernando Ávila

      Vai ser burro assim na China. Não sabe o que é política, se tem ciúme não acompanhe ou se envolva com político, jogador(a) de futebol ou político, pois ambos não tem fidelidade. Na época do Teo Vilela (arrogante), o próprio Téo afirmou que não tinha estrutura financeira para o Maurício na época. Não tinha porque não queria. João Lyra chamou e deu total apoio. Como sempre Téo Vilela quando está com Renan Calheiros se acha o melhor do mundo. Atualmente não ganha nem pra síndico, fora que pode está inelegível. Então usou Rodrigo Cunha como seu fantoche… e o jovem senador está ou continua decepcionando o povo, seus fiéis eleitores. Voto de Protesto!
      Rui Palmeira? O cara foi um covarde, quebrou todos ao seu lado pela emenda. Ficou em cima do muro, teve medo do Filho do Rei do Gado e não veio pra Governador.
      Rui deve muito ao Maurício, pois sempre o apoio e tratou com muito respeito. Perguntem ao Rui onde foi comemorar a primeira eleição como Deputado Estadual…
      Biu de Lira sempre será respeitado, assim como Artur Lira, pois mesmo nessas jogadas políticas fazem os deles. Infelizmente o problema da equipe do Maurício com o pessoal do Biu, foi culpa do então vice prefeito de Maceió que soltou sua asneira sem necessidade, através do grupo de whatsapp (quem estava no grupo sabe bem o que rolou…). Entre Biu e Maurício estava tudo tranquilo…

      Quando um parlamentar apoia um presidente da república mesmo em oposição, é para crescimento do país. Ao contrário do momento atual, onde muitos que votaram no próprio presidente Jair Messias não tem prazer em relembrar seu voto de protesto. Um presidente que não tem moral suficiente para comandar um país, pois é fraco, mentiroso, perseguidor, mal-informado, arrogante, miliciano. Não que a turma do Lula seja boa, pelo contrário, não apoio essa corja. Tanto lula como bolsonaro não tem eleitores, tem militantes, uns verdadeiros miseráveis e que só pensam em seus queridos mitos e não no bem do povo.

      • Zil

        Só esqueceu de falar que Maurício é da mesma raça! Muito mimimi para defender algo indefensável! Um assessor de ex deputado, atual secretário, chamar um cidadão, que so falou a verdade, de burro é muita deselegância! Espero que na hora do voto, o eleitor não esqueça da bibliografia do seu patrão! Abraços e um beijo no coração!

  • Carlos

    Passando só pra lembrar ,tenho quase certeza o coronavírus, em decorrência do isolamento social e a higienização deve fazer um mal menor os idosos de Alagoas do que a perversa Al previdência do desnaturado governador Renan Filho. Como todos os vírus não tem vida longa em região muito quente há não,ser um novo vírus este venha ser uma exceção !

  • Robson

    Quem e Maurício Quintella para falar de Mandetta! Não vejo moral nenhuma.