O deputado federal Marx Beltrão respondeu de forma extremamente dura à solicitação feita pela Equatorial, de uma reunião fechada, para discutir as críticas feitas pelo parlamentar ao – crescentemente – mau serviço oferecido aos consumidores alagoanos.

Em ofício datado de 14 de fevereiro e assinado pelo seu presidente, Humberto Soares, a Equatorial solicita a Beltrão uma “reunião para tratar de assuntos relativos à prestação de serviços da empresa no Estado de Alagoas”.

Ao rejeitar o pedido, o deputado afirmou que sua voz crítica tem sido pública, portanto, “não há sentido em eu aceitar a proposta que Vossa Senhoria me apresenta: a realização de uma reunião fechada para tratar de assuntos relativos à prestação de serviços da empresa no Estado de Alagoas”.

E continua:

“Sugiro a Vossa Senhoria, em reverência às vozes ávidas por respeito e justiça de 3 milhões de alagoanos e alagoanas, que esclareça também de modo público e aberto à sociedade de nosso estado os pontos nebulosos e indecorosos da atuação da Equatorial Energia em nossa terra.”

Para fechar, uma frase de efeito e que dá bem o tom da resposta:

“O povo de Alagoas não merece tamanha vilania e ultraje.”

Em tempo

Têm sido crescentes as queixas contra a empresa, que comprou a ex-Ceal no final de 2018 (por R$ 50 mil).

Cobranças indevidas, quedas frequentes de energia elétrica, além de um pedido de reajuste na ordem de 12% (?!) na tarifa cobrada aos alagoanos.

Marx Beltrão tem batido forte na empresa, mas é necessário também que os órgãos de fiscalização atuem com efetividade, cobrando da Equatorial um serviço decente e mais respeito aos consumidores.

Rateio do Fundeb não compensa corte salarial do AL Previdência
Indecisão de Rui sobre saída do PSDB lembra desastre de 2018
  • JEu

    Realmente, o pedido de reajuste da tarifa no percentual de 12%, quando a inflação oficial não chega a 4% no ano passado, é algo que não se pode aceitar de bom grado e sem a necessária manifestação de repúdio… agora, tenho visto muita gente reclamando do corte de energia com menos de 30 dias de atraso… ora, foi aprovada uma lei que diz que o corte de energia deve ser feito no prazo máximo de 30 dias de atraso do pagamento do boleto, contados da data de vencimento da fatura, e que, após 90 dias, e havendo pagamento de contas posteriores, o corte não mais poderá ser feito e a cobrança da(s) conta(s) em atraso seguirá os trâmites legais, o que normalmente leva para a conciliação ou a ação judicial… então, a empresa, que não tem mais direção politiqueira, precisa agir nos primeiros 30 dias… quem não quiser ter a conta cortada, pague em dia… já a questão dos “apagões”, eles existiram, pelo menos na minha área, com maior intensidade nos primeiros 30, 40 dias depois que a empresa assumiu o comando da distribuição no Estado, demonstrando que foi algo “atípico” e “muito estranho”… e assim que “renovou” seus quadros de pessoal, a situação foi, para mim, normalizada e as quedas de energia não têm sido piores os mais rigorosas do que acontecia antes da gestão atual… recentemente, é preciso lembrar, devido às obras do viaduto da PRF, e com a necessidade de relocação de postes e das linhas de transmissão, então aconteceram algumas situações que estão devidamente justificadas… mas tendem a melhorar, pois não têm mais acontecido… é esperar para ver o que vai acontecer… e quanto ao Marx Beltrão, concordo com ele em rejeitar uma “reunião fechada”, pois, se a distribuição é pública, a explicação tem que ser pública também… muito embora entenda que a atitude do deputado é puramente politiqueira, pois, como todos os outros, perderam a “boquinha” na CEAL e, ou, Eletrobras-AL…

    • Meu NOME é Gal desejando rapaz: SEM cultura NEM crença OU tradição, AMO igual!

      Pois é, JEu … Coruripe ninho de Beltrão’$, mora ao lado de baixo do EQUADOR, rsRs
      > NUM existe pecado do lado de baixo do Riacho d’AmoR, SanFranci$cando!
      – Vamo fazê 1 pecado rasgado suado a todo vapor SAFADO debaixo d’meu cobertor
      # Escracho, capacho, teu cacho: lição de ESCULACHO, sai de baixo desde 1990.
      – Sou professorA em o4′ 19″ _ https://youtu.be/Sf-WGYJHO8g

    • Pedro

      Impressionante o comentário do Jeu onde todos estão errados, exceto a perfeita Equatorial Energia com seus apagões perfeitamente compreensíveis. Será que as pessoas que perderam equipamentos elétricos também estão satisfeitas ou compreendem que foi apenas uma situação “atípica”?

    • Lino

      Apesar de tantas irregularidades claras e de fato as ações judiciais penetradas pela população contra a equatorial não estão tendo “nenhuma serventia” ou seja “perda de tempo”, pois a equatorial “sempre vai está com a razão” Antes do blá,blá, blá é bom verificar essas situações e “sentenças” mais a fundo Sr. Max

  • silvio

    Os politicos empresários sabidos doido para pegar o filé afirmam que privatizar boa parte do patrimônio público advém de que o Estado é bastante ineficiente em gerir os recursos, seja pela falta de incentivos que valorizam o mérito, seja pelas muitas ingerências políticas nas atividades dessas empresas.
    A iniciativa privada é mais eficiente na gestão das empresas e dos recursos, segundo os defensores das privatizações, pelos bons resultados obtidos em privatizações feitas nas últimas décadas porém as empresas privadas priorizavam o lucro e os serviços são ineficientes e caros.
    Nas privatizações o Estado abdica de estatais consideradas de soberania nacional com participação em setores da economia que são de interesse público fundamental , colocando em risco a população carente de receber recursos básicos, privando, como água, energia elétrica, entre outros.
    Me façam entender o empresário que comprou a CEAL foi Diretor Administrativo Financeiro CELPA e CEMAR Companhia Energética do do Para e Maranhão. Ocupou os cargos de Coordenador de Captação de Recursos e Gestão da dívida e Coordenador Administrativo.
    Principais Responsabilidades como Gerente Financeiro:
    – Tesouraria, Contas a Pagar e Contas a Receber;
    – Captação de Recursos;
    – Gestão da Dívida;
    – Gestão de Seguros;
    – Gestão da Rede de Arrecadação.
    Minha Pergunta porque ele com toda toda essa bagajem na area de gestão financeira foi ineficiente em gerir os recursos da estatais por onde passou e hoje é dono não só da empresa pública de Alagoas-CEAL privatizada como também do Maranhão e Para.
    Quanta gente inocente é a favor da privatização.

  • Coriolando

    Caro Ricardo Mota.. Esse parlamentar,com raríssimas exceções, e mais um querendo tirar proveito , e posar de bom moço, visando projeção politica para 2022, por cima da Equatorial que faz o que quer , e o que bem entende com a população de Alagoas , e em outros Estados em que ela atua.
    Porque é que ele não brigou contra a privatização até o final de 2018???
    O que ele está fazendo contra Renan filho , seu amigo politico , que além de 25 % que cobrar de icms, em cima da conta de luz , agua e telefonia junto mais o imposto da pobreza, e dos Combustíveis…É conivente também com a safadeza da empresa, e com o governo Renan Filho , que prejudica aposentados , pensionistas, e servidores da ativa. Cadê ele que não foi para tribuna em Brasília , contra a reforma da previdência aqui em seu Estado.. Isso é tudo jogada política… Vamos marcar a cara de todos , e nessas eleições, principalmente o povo do litoral Sul de Alagoas , que a em sua grande maioria , são coniventes, em suas cidades , em o eleger ele mais uma vez, e sua família ..Vamos ver quem são os candidatos dele a prefeito , que ele os demais apoiam , Renan Filho apoia, e não votar este ano , como também em 2022….
    O problema , e que povo tem memoria curta , e nas eleições se vende por qualquer bos..

  • Baptista

    Correta a decisão do Deputado.

  • ERIVALDO

    Parabéns ao Deputado Marx Beltrão, por defender o Povo Alagoano dos abusos sem limites e contínuos da empresa Equatorial Energia, a qual somente causa indignação e prejuízos ao Povo Alagoano.

  • Zé Neto

    Prezado Ricardo, obrigado por ser nossa voz por melhores dias para Alagoas.

  • Carlos

    Do silêncio ensurdecedor , dos serviços péssimos da era CEAL ( onde o irmã atual prefeito de Coruripe ,foi presidente e por muitos anos até a privatização as indicações era do durão Marx Beltrão da diretoria da CEAL, onde agora o “durão” deputado), está sendo contundente do dia pra noite será por puro ciúme ou o acordar de um novo Marx,de olho no Palácio República …. Aqui em Coruripe, na era CEAL ,nos povoados os lampiões e velas estavam sempre de prontidão para qualquer momento entra em ação e o agora contundente não falava nada… Quem conhece Coruripe, a maneira de faze politica dos Beltrão , já esperava essa reação. De qualquer jeito seja bem vindo a combrança.

  • Pedro Pedreira

    E você acreditou Ricardo Mota?

  • jezualdo

    Corte de energia, somente após o aviso de do corte.
    A empresa terá um prazo mínimo de 15 dias para efetuar o corte a partir do aviso prévio.
    Mas os lindos que achavam que privatizando não haveria politicagem, entregaram a Eletrobras a algum político por apenas 50 mil.
    Acabou enfim a corrupção. (Entregaram a algum bem feitor de graça).

  • Vassouradas das Barreiras

    KKKKKKK… DEPUTADO FEDERAL MARX BELTRÃO ,TEM FARO FINO E ENXERGA LONGE E ESTÁ DE OLHO ESBUGALHADO NA CADEIRA PALÁCIO REPÚBLICA DOS PALMARES E MAIS OLHÃO. JÁ SE COMENTAM EM CORURIPE, QUE EM 2028, O FILHO ESTÁ SENDO PREPARADO PARA SUCEDER O IRMÃO NA PREFEITURA DE CORURIPE. SOU DE CORURIPE E ESTOU FORA DESSE CURRAL.

  • traíra

    Conheço poucos GADOS como esse Jeu e olhe que os GADOS que conheço são de babar até o talo,kkkkkkkkkkkk

  • José Márcio Ribeiro

    Esse Deputado…por favor!
    Sabemos o que ele (s) quer (em): mídia.Como o amigo já colocou aí: já teve irmão dele diretor e PN fez!
    Vai voltar a jogar handebol que ´´e a única coisa que tu sabia fazer!!!

  • Luiz

    O caro deputado só está aumentando o seu acervo de informações na mídia… que fez isso e aquilo e que conseguiu verbas…tudo pensando nas eleições eu quero ver é resolver o problema.

    • Carlos

      kkkkk Pois sim , Luiz , a casa da moeda reservou de repente umas as maquinas só para fabricar dinheiro para atender as “determinações ” do deputado Marx Beltrão, todos os municípios de alagoas estão sendo contemplados como os milhões de reais. A bancada federal de alagoas , só existe um deputado.

  • SEBASTIÃO IGUATEMYR CADENA CORDEIRO

    REUNIÕES ENTRE “AUTORIDADES” DE PORTAS FECHADAS TEM O CHEIRO MOFADO DO ANACRONISMO , ATUALMENTE OS ACORDOS ESPÚRIOS , GRAÇAS À IMBATÍVEL IMPUNIDADE , DEIXARAM DE SER FIRMADOS À SORRELFA E SÃO COMBINADOS PUBLICAMENTE . . .

  • Jose

    Eletrobras a comando político e sempre prestou péssimos serviços, mas como sempre na conveniência ninguém expunha nada…Como será doloroso o desmame e do Cidadão e da classe política.