O governador Renan Filho vai decidir esta semana qual o modelo que pretende adotar para a Reforma da Previdência Estadual.

Vários estudos já foram elaborados sobre o tema pela equipe técnica, especializada, do governo, mas a decisão vai caber ao chefe do Executivo Estadual.

O objetivo do governo é conseguir aprovar “alguma” reforma, pelo menos, ainda este ano – daí a necessidade de resolver a questão o mais rapidamente possível.

Segundo o secretário George Santoro, da Fazenda, o governo pode dividir a reforma da Previdência – se assim decidir Renan Filho – em duas partes:

– O que está resolvido é o aumento de 11% para 14% na contribuição dos servidores. Dezessetes estados já aumentaram esse desconto e Alagoas deve se juntar a eles.

São 14 estados, no total, que vão fazer suas próprias reformas da Previdência, Alagoas incluso.

Com um detalhe: no caso local, a definição de idade mínima pode ficar para o próximo ano. Mais difícil de avançar por causa das eleições: o projeto terá de passar pela Assembleia Legislativa, e ninguém por lá há de querer entrar num embate com servidores.

Trump manda novo recado para o 'amigo': "A carne do Brasil é fraca"
Governador Renan Filho constrange o PGJ Alfredo Gaspar
  • niv_mace@hotmail.com

    Só se fala em reduzir salário, aumentar alíquota de desconto,mas na hora de cumprir a lei com implantação do IPCA anual a qual o trabalhador tem direito o governo não cumpre e fica por isso mesmo.

  • Williams Roger

    Ricardo, primeiro lembra a ele e ao chefe dele que eles têm/devem respeitar as leis. Principalmente a lei maior – Constituição Federal – e em segundo respeitar os servidores públicos concursados. Coisa que ele não é.
    Não foi pra ser perseguido, desrespeitado em meus direitos trabalhistas que votei nesse governo. Coisa que me arrependo.

    O CALÍGULA/governador acha que está certo massacrando os servidores,principalmente os da saúde.
    Em 2016 não tivemos reajuste, e em 2019, nada de reajuste!

    E$TRANHAMENTE, SEM GENERALIZAR, VÁRIOS $INDICATOS E $INDICALISTAS ESTÃO CALADO$ NO GOVERNO DELE.
    UMA VERGONHA!

    https://www.cadaminuto.com.br/noticia/340378/2019/06/07/tarifa-de-agua-aumenta-6-22-em-alagoas-a-partir-do-dia-7-de-julho-deste-ano

    👆o nosso reajuste vai ter esse mesma porcentagem?

    Constituição da República em seu artigo 37, inciso X e a lei de responsabilidade Fiscal 101/2000: em seu artigo 22, § único, inciso I.
    👆DATA BASE. RESPEITE. TUDO AUMENTA! TENHA SABEDORIA. COISA QUE LHE FALTA CALÍGULA.

    O governador quer que inclua os Estados na reforma da previdência “reajustando” o desconto de 11% para 14% dos servidores. Isso é apropriação indébita.
    Quero ver se os sindicatos e sindicalistas irão continuar se vendendo pra esse governo.
    E outra, aqui no ESTADO já fez um ajuste no al previdência. Vão fazer de novo!!! Pra prejudicar os servidores! Nem reajuste o Calígula/governador deu!

    DESCUMPRINDO as leis. Principalmente a Constituição Federal.

  • paulino lopes

    O funcionário público sempre sai perdendo, no mínímo aumento de 3% na aliquota , e o reajuste dos servidores, uma vergonha.

  • Cidadão

    Como já dizia o ditado; “A água bateu na bunda”

  • JEu

    Já era de se esperar tal comportamento do governador mininim… é contra tudo o que o governo federal propõe, mas quando se trata de fazer sua parte, aí segue o “movimento nacional”… e depois vai dizer que a culpa é do governo federal… eita governinho sem identidade própria… assuma alguma coisa, menininho… deixe as calças curtas e cresça… e procure ser, pelo menos, mais justo e pague a correção do salário do funcionalismo conforme determina a CF/88, e libere o reajuste conforme o índice do IPCA do ano passado… isso, pelo menos, traria algum fôlego para o já cansado, arrochado e maltratado funcionário público… não seja cruel com quem fez um concurso público…

  • CICERO FREDERICO DA SILVA

    Um estado rico, e como sempre ataca o servidor público no ponto fraco, o bolso.
    Os nossos governantes se especializam é massacre ao servidor.
    Veja descontava oito por cento.
    Depois aumentou para onze por cento e agora mais um massacre passar pra catorze por cento.
    Daqui Há pouco vamos pedir esmola.
    Só massacre até a morte

  • Rui

    Esse governador ainda quer ser senador!! Do jeito que seu governo anda sem prestígio nenhum com a população Alagoana, os servidores públicos e principalmente os Engenheiros do estado como um todo que ganham uma mereka e aguardando promessas de campanha que o mesmo ainda não cumpriu!!! Estamos nós Alagoanos, Engenheiros aguardando uma resposta de vossa excelência!! Promessa é dívida!

  • Norma

    Porque ele não falou que ia fazer essas coisas com o servidor quando fazia campanha?!….
    O salário do servidor já foi reduzido pela falta de reajuste da inflação e agora esse desconto cruel!
    Nós servidores do nível médio temos salários de fome. Os únicos de nível médio que ganham bem são os policiais militares.

  • Anna

    Porque ele não falou em dar aumento para os serviços diversos,nos existimos também e somos concursados olha pra essa classe governador!!!

  • Sergio

    Estado de Alagoas?

    Estado de inação!

    Dá vergonha ler noticias sobre Alagoas, só se fala de funcionalismo, fundo de participação….

    Tudo como 30 anos atrás…

    Nada evolui, terrinha de muro baixo…

    Futuro de Alagoas?

    Viver do passado!

  • Pedro

    Foi a forma que se achou para reduzir salários. No governo ferderal, tem gente falando em AI-5, tachando Jornalistas de patifes etc. Não sabemos onde tudo isso vai parar, mas sabemos quem está ou ainda vai pagar o “pato” . Vocês e eu! Fora Calígulas!

  • RCesar

    Filho de peixe…, nós não vimos nada ainda…!!

  • RCesar

    O pai dêsse cidadão é ptista lulista mascarado e foi contra a tudo…imagine o que irá acontecer com os alagoanos?.

  • Carlos

    Com certeza e muita satisfação em piorar ainda mais a situação dosa servidores públicos o desnaturado governador Renan Filho a versão piorada do herdeiro da politica do coronelismo das terras do Marechais,vai encaminhar para os títeres do poder legislativo aprovar a reforma da previdência Al. Deve ficar de fora da maldade do governador os militares, Assembleia Legislativa e poder Judiciário. O governador deve está em lua de mel, com à sua consciência perversa no processo de desumanização dos servidores públicos . A comemoração deve ser consumida de muitos vinhos importados.