O coordenador da bancada federal de Alagoas, deputado Marx Beltrão, é alinhado ao governo Bolsonaro, onde conseguiu um bom trânsito.

O que não impediu, entretanto, que ele criticasse a declaração do deputado Eduardo Bolsonaro, que sugeriu a possível volta do AI-5.

Qualquer tentativa nesse sentido, disse o deputado do PSD, seria “rechaçada pelo povo brasileiro”:

– Não há outro caminho para o Brasil a não ser o respeito à pluralidade, à liberdade política e de expressão, à defesa irrestrita da democracia e o repúdio à censura.

Mesmo considerando importante o pedido de desculpa do tresloucado parlamentar, Marx Beltrão enfatizou que um novo AI-5 seria “descabido, inoportuno e inadmissível.”

Entre os integrantes da bancada de Alagoas, além do coordenador, repudiaram a manifestação antidemocrática do filho do presidente Bolsonaro o senador Renan Calheiros e o deputado Paulão.

Espera-se que esta lista aumente – o Brasil precisa de todas as vozes possíveis que se contraponham ao autoritarismo e à volta do obscurantismo

É hora de formar uma Frente Nacional em Defesa da Civilização
Renan Filho e Rui Palmeira dividem o mesmo objeto do desejo
  • Há Lagoas

    A prole de Bolsonaro demonstra muito bem que o projeto de poder que se baseia no compartilhamento familiar é um erro crasso. A política não pode – não deve – ser um meio de vida de certos clãs arcaicos.
    Quanto a educação do militar-mor e de seus filhotes, não é preciso nenhum comentário.
    Minha sugestão era entregar uma enxada de cabo curto para cada um deles carpir tiririca em sol a pino. Creio que estariam prestando um serviço a nação muito melhor do que no Congresso.

  • maricota

    Votei no Bolsonaro, mas esses filhos deles são os TRÊS PATETAS.

  • Vieira

    Os analfabetos funcionais ou não ouviram e nem assistiram o vídeo em que Eduardo se manifestou ou estão indo, como gado, no embalo de pessoas patrulheiras, ou realmente não entenderam o que ele disse.É uma pena os espíritos estarem armados no Brasil .Os patrulheiros não querem calar a família Bolsonaro ?Fica aí a indagação.

  • Joca

    Bom é ver o sumiço da “elite” alagoana, com suas camisas verde e amarelas, naquele fervor…Gritando palavras de ordem…Outro dia fizeram algo em defesa do capacho de toga Moro…4 gatos pingados…KKKKKKK….Classe e classes de profissões mais abastardas, judiciário, técnicos universitários e professores, policiais federais tbm, aposentados com altos salários…No primeiro arrocho que levaram do antes herói nacional, do Messias…Correram…KKKKK, ninguém sabe , ninguém viu…Tantas brigas, amizades desfeitas…Pra quê?
    Mais do mesmo ou pior que antes?
    kkkkkkkkkkkk

  • JEu

    Creio que o melhor é “deixar” que toquem “fogo” no país inteiro, com assaltos, depredações, assassinatos, e outras coisas mais, só para tirar o Bolsonaro da presidência… eis o que querem, mas não vão conseguir não… pois manifestações têm que ser pacíficas, ordeiras e devidamente anunciadas e planejadas junto às autoridades competentes… e se assistiram ao que disse o deputado filho do presidente, então estão só se aproveitando de “meias palavras” e usando da mais pérfida maneira de distorcer as coisas… claro que houve exagero na figura utilizada e ele sabe que, na situação atual do avanço da democracia no país, coisas como o mencionado são mais existirão na sociedade brasileira e as próprias forças armadas já se pronunciaram ao contrário… agora, permitir que destruam tudo, isso também não será mais possível, porque o povo brasileiro também não permitirá…

    Resposta

    Amorim:

    Quem é que está tocando fogo no país?
    Não se deixe emocionar pelo nº 2 do nº 3.

  • Cidadão

    Todo mundo surfa nas baboseiras que os filhos do presidente falam, dêem menos atenção a esses patetas, O Brasil não tem mais abertura pra ditaduras, parem de dar atenção a esses moleques.

  • Maria

    O mundo está as avessas onde o bom tem que ir ao psicólogo para conseguir lidar com os traumas que o mau faz e ainda quando o médico perguntar onde dói a resposta será: A REALIDADE! bolsa psicólogo URGENTE!