A campanha está em ritmo frenético no interior e na perifera da capital – quando o assunto é cadastro de eleitores.

Os relatos que têm chegado ao blog dão conta de que tudo que ocorre hoje no submundo da campanha repete – até de forma amplificada – a mesma prática criminosa que nos mantém como ‘o mais pobre entre os pobres’.

Um “especialista” nessa matéria estima que o cadastro eleitoral, distribuído pelos quatro cantos de Alagoas – nas áreas mais pobres, principalmente – pode garantir até 400 mil votos  (de 2,2 milhões de eleitores) ao conjunto de candidatos que usam desse meio para chegar ao final vitorioso das suas campanhas.

Isso é suficiente, por exemplo, para garantir a eleição de um senador da República, apesar de que o cadastro, normalmente, é feito para atender à encomenda de candidatos proporcionais – à Assembleia e à Câmara Federal.

– Um só candidato a deputado estadual, bastante conhecido dos alagoanos, já tem registrados cerca de 30 mil eleitores cadastrados.

O principal, explica, é que muito fácil identificar quem são os “ponteiros” – os que fazem o cadastro de encomenda – em cada comunidade, seja no interior, seja na capital.

Eles agem sem cuidados especiais, conscientes da impunidade que lhes é reservada pelo cliente.

Lembrando que esta é apenas uma parte do problema, que envolve uma rede de criminosos eleitorais – que se soma aos redutos comandados pelos caciques políticos, donos da vontade e dos votos de centenas de milhares de eleitores.

É um processo de retroalimentação que não cessa: a pobreza gerando mais pobreza.

Alguém aí pode chamar o “ladrão”, por favor?

MEC: Alagoas avança em português e matemática, deixando as duas últimas posições
Alckmin não vem fazer campanha em Alagoas - e quem vem?
  • Vieira

    O judiciário bem que poderia “chamar” o ladrão, mas deixa sob responsabilidade da vítima. No litoral sul, por exemplo, esse método é bem conhecido e explica a perpetuação do parasitismo político. Avante (e sem cadastro) Rodrigo Cunha e Heloisa Helena!

    • Democracia ao PONTO: garçon + 1 cana, tira gosto SARDINHA péÓóRrrrr sem ELA!

      Aqui no Sertão teria disso, Caro Viera? … rsRs
      – Tem NADA! … m’engana q’EU gOsto e como gAsto!
      no LITORAL a fiscaliZZação é c’U vereador Lobão da Levada do VERGEL, we love reggae!
      Ao SOM de cafund´´ós dançamos leves e soltos no beléleu do Nego DITO Itamar (1949-2003)
      > É nóis do Beleléu (1980) sempre com Leléu + Eu:
      – YoUtubado em 4’31”: https://www.youtube.com/watch?v=16QbOrvJJEU
      Tem’inté Banda Isca de Polícia mergulhando o CORPO de coração e ALMA n’ostras quentes.
      Com proteção BIVALVE ovulante apertada entre COXAS apetitosas: elas tem FOME de que?
      > Bebida é água! – Comida é pasto! – Vc tem sede d Q? – FOME de quê?
      – A gente não quer só comida: QUEREMOS diversão e arte! – Saída pra qlquer parte!
      https://www.vagalume.com.br/titas/comida.html
      As mulheres parecem VENENO a cabrões, na VERDADE são delícias pá quem as respeita!
      – Como ELAS gostam! – ÁáááááH!!

    • Carlos

      Pois é Vieira a turma da região sul, não faz cadastro não, se amostram e tem mas a pressão que os pobres entre os pobres vem sofrendo só faz aumentar a cada pleito… A passeata dos 30 reais, do dia 24/08/2018, foi uma demonstração de como a banda toca.

  • JEu

    A pergunta que não quer calar: onde estão o MPF e o MPE?… é preciso uma “operação” das polícias federal e civil estadual, lógico que com o aval da justiça eleitoral, para identificar e prender todos os (ir)responsáveis por esses crimes… e é preciso que aconteça antes das eleições, pois depois será só leite derramado…!!! vamos acordar e trabalhar, pessoal…!!!

    • Há Lagoas

      Deixemos o larápio – político – e o otário – eleitor – que fazem parte desta construção dos tempos idos da República Oligárquica – o famigerado voto de cabresto. Olhemos para o “poder” judiciário, qual a nossa esperança?
      Se temos uma safra horrível de políticos, eleitores que não sabem exercer sua cidadania – não porque é pobre, mas por falta de honestidade – não seria o judiciário o fiel da balança?
      Na República das Bananas, todos se merecem, pois são “farinha do mesmo saco, banana do mesmo cacho”!

  • SH

    Já disse e repito, cadê a PF e o MP?

    Só não pega se não quiser, TODO MUNDO que anda no interior ou periferia de Maceió sabe de alguém que está cadastrando, até por isso acho que 400 mil é muito longe da verdade, 1, 5 milhão acho mais perto da realidade.

  • Carlos

    kkkkkk…. Na região sul os ponteiros rodam mais do que pião e os cadastros são atualizados a cada pleito e os donos dos pobres entre os pobres arrotam prestígio e ainda fazem chacotas que tem coragem de enfrenta-los nas disputas para prefeito chamando os derrotados de poca urna. A coisa corre a céu aberto….Há daquele que vai denunciar para perder o sossego junto com a família. Para que serve a polícia civil eu não sei há não ser para investigar os calças frouxas pobre entre os pobres.

  • Onofre da Pindorama

    Carlos, na Pindorama, Bonsucesso, Bota fogo e santa Terezinha o cadastro tem até pente fino. Tem pobre entre os pobres que coloca o nome para mais de um ponteiro e os caras já tem experiência de mais 25 anos de estrada cruzam as informações. As equipes tem varais funções : Os que cuidam da “doação “de material de construção, remédio , consultas e exames etc. A população cresceu e a violência também os assaltos, os item mais solicitados foi material de construção para levantar os muros …. Sem deixar de lembrar as contas de água, luz e botijão de gás.

  • Aldheine

    Se eu não estiver enganada o TRE é responsável por fiscalizar as compras de voto que religiosamente sempre acontece.Não pegam os políticos compradores de votos porque não querem.Existe conivência aí…

  • EX ELEITOR

    AQUI NO BAIRRO DA MANGABEIRA TEM DUAS CASA DE LUXO UMA DE FRENTE A OUTRA ALUGADAS A DOIS CANDIDATOS A DEPUTADOS ESTADUAIS, A MOVIMENTAÇÃO É GRANDE O DIA TODO E A NOITE, VC SÓ VER CARRÕES NA FRENTE UMA VERDADEIRA FARRA COM O DINHEIRO DO CONTRIBUINTE.

  • solon

    Enquanto isso o engodo do combústivel, aumenta quando aumenta e não baixa quando baixa, regalia para empresários bandidos num estado de bandidos, do politico ao eleitor, e o judici´ario é somente para quem tem adEvogado rico.
    Já cantarolou Renato Russo, “Que Pais é esse?”

  • Tô de olho

    Caríssimos todos,

    Quem nasceu primeiro, o ovo 🥚 ou a galinha 🐓, façam um pequeno teste, saiam candidato a qualquer cargo eletivo, na capital ou interior. Verás que serás assediado de todas as formas em Direito, não permitidas, pedidos, solicitações as mais diversas e tudo começa no ciclo das amizades e familiares.
    Muda o povo brasileiro, teremos eleições limpas, quem sabe.

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    Meu predileto blogueiro “Peninha”, havias assestado o seguinte:
    “Vai ficando cada vez mais claro que a eleição “não pegou”, este ano.
    Esse distanciamento, por óbvio, só interessa aos candidatos que não precisam do voto espontâneo, do eleitor que não mira um ganho pessoal.
    Se não houver uma reação da sociedade, mesmo que pareça difícil encontrar um “candidato que preste” – e não é -, o que está ruim hoje pode piorar amanhã.
    É lembrar que escolher um bom presidente ou um bom governador – considerando o que está posto – não basta: parlamentares decentes e comprometidos, e eles existem, podem melhorar muito um governo.
    Do contrário, eles têm tudo para empurrar ladeira abaixo os escolhidos para o Executivo”. (Sic.) – Na íntegra in http://blog.tnh1.com.br/ricardomota/2018/08/29/o-voto-para-deputado-e-tao-importante-quando-ao-governo-e-a-presidencia/
    O que o fez mudar, “Peninha”?
    Enfim, está pegando, “pegou” ou “não pegou? 😉  😀
    Temos dito e reiterado: “é bom, muito bom mesmo, JÁ IR aceitando: “adeus, queridos”!
    Abr
    *JG

  • breno

    Cadastro = voto de cabresto = curral eleitoral = mesmos politicos = ALE nunca será renovada

    • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

      Adição: “cadastro = voto de cabresto = curral eleitoral = mesmo políticos = ALE nunca será renovada” = programas sociais = bolsa-família = auxílio reclusão = fundo partidário = fundo eleitoral… (ad infinitum)
      Abr
      *JG

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    Reenviando; esperando edição! 😉
    Sobre “Educação” – ou sua falta e inexistência, como apraz e satisfaz aos esquerdinhas esquerdistas de esquerda e ` à esquerda – espero anuência para edição do excerto a seguir, para ciência de todos, e reiterando resposta ao que fora então indagado, a saber:
    Respondendo às indagações ou rechaçando-as e objurgando-as em suas assertivas por desconcordar de suas imputações, meu preclaro, perlustrado e perscrutador “Peninha”, saibas que as ditas “vivandeiras” ou “seus filhos”, segundo enquetes das principais News, excedem aos 84% e 87% da população mais jovem, justamente por pensarem num país melhor para a juventude bombardeada pela educação – ou falta desta – da “pátria educadora” sob a égide de Paulo Freire e séquitos doutrinadores escarlates, que abominam à indigitada “ditadura militar”, ainda que venerem Cuba, Venezuela, Bolívia, Nicarágua, Guatemala e etc., só para ficar na América Latina! Senão vejamos!
    “Primeira indagação: em que país do mundo uma intervenção militar promoveu paz, justiça social, liberdade responsável, pôs fim à desenfreada corrupção”?
    Recentemente o Egito, anteriormente Chile e nosso Brasil, quando fomos seguros, tranquilos, desenvolvidos e felizes por ininterruptos 21 anos, e bem sabes disso:
    a) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2016/11/eramos-felizes-ah-como-eramos-felizes.html, e;
    b) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/03/preito-de-eterna-gratidao-aos-militares.html.
    – “Falsificar o passado é o método que a esquerda usa para produzir o futuro”. – Nicolás Gómez Dávila.
    A pergunta há de ser devolvida: em que país do planeta o comunismo/socialismo (dos atuais progressistas) se teve a “promoção da paz, justiça social, liberdade responsável e pôs fim à desenfreada corrupção”? – Na íntegra in http://gouveiacel.blogspot.com.br/2018/05/as-vivandeiras-ou-juventude-que-pensa.html
    Abr 😉 🙂
    *JG
    P.S.: É bom, muito bom mesmo, JÁ IR aceitando!

  • M.T

    Novidade.
    Aqui, de um bom tempo, para cá, só consegue ser eleito, quem faz parte desse esquema.
    Seja ele para o executivo, legislativo, o negócio, o esquema de política é pesado.
    O jogo é sujo!
    Você não vê pessoas de bem, irem muito longe nessa carreira.
    Envolve tudo que não presta.
    Assassinato, tráfico de drogas,e armas, destruição de honra, de pessoas que ousaram enfrentar estes crápulas,acorberta de policiais que fazem trabalho sujo para eles,lavagem de dinheiro,
    E ainda ,existem vários, milhares de pessoas que brigam,defendem, por causa desse tipo de gente.
    Político não tem consideração por ninguém.
    As vezes nem pela própria família.
    Quanto mais, por alguém que se dispõe a colocar preço.

  • Diogo malta

    BASTA O POVO DEIXAR DE SER BURRO E RESPONDER NA MESMA MOEDA!!! É SO PEGAR O DINHEIRO E VOTAR NA OPOSICAO

  • Lilian

    O cidadão pode fazer sua denúncia ao MPF.