Pelo menos esta é a intenção anunciada, internamente, pelo jovem deputado estadual.

Quem será?

É outro papo.

Com convenção marcada para 5 de agosto, último dia do prazo estabelecido pelo calendário eleitoral, o PSDB ainda continua cozinhando o galo para o anúncio de um nome para o governo do Estado.

Não há no cenário, por óbvio, nenhuma surpresa à vista nessa seara.

Quanto ao principal nome hoje do partido em Alagoas, Rodrigo Cunha, a disputa por uma vaga no Senado está definida.

A companhia, garantem os do seu entorno, não será o ex-governador Téo Vilela.

Concurso travado: TJ marca audiência de conciliação entre Defensoria e MPE
Fake news oficial: partidos e candidatos cumprem o calendário eleitoral do TSE
  • Sérgio Eduardo

    Boa tarde Ricardo! Se for a nobre vereadora Tereza nelma, o deputado Rodrigo Cunha já negou.

    Resposta

    A vereadora é candidata a deputada federal.

  • mgbt@hotmail.com

    Solange Jurema

  • JEu

    Creio ser não somente uma boa ideia, mas também uma prova de respeito à igualdade de gêneros e, mais ainda, uma forma de cumprir o que determina a lei eleitoral no que se refere ao número mínimo de mulheres candidatas nos partidos… de resto, o que importa é que seja alguém de nome limpo (tal e qual Rodrigo Cunha)… e, por último, acho uma tolice ficar tentando “adivinhar” o nome… coisas tais como “querer agradar”… vamos acabar com essa ilusão de nomes “grandes”, “títulos”, “ídolos”, etc, etc, etc… coisas de gente “pequena”…!!!

  • Vieira

    Fora renans, beltrãos, bius, cinco, Collor e assemelhados. Avante Rodrigo Cunha e Heloísa Helena.

    • Claudio Mcz

      Fora os profissionais da politica que emprega toda a familia e tem muitos processos na justica por roubo dinheiro publico.

  • Moura

    Na atual conjuntura política de nossa Alagoas és um nome que devemos análisar para o senado. Porem, o partido que Ricardo Cunha é afiliado não me agrada. A dúvida corrói o pensamento.

    • JEu

      Meu amigo, na conjuntura atual não existe um partido que preste…!!! e se não estiver filiado à um partido não pode se candidatar… esse sistema eleitoreiro deste país é uma verdadeira “cama de Procusto”… então vamos votar no candidato e esquecer as porcarias dos partidos… e esperar que alguma coisa mudança aconteça para, nas eleições posteriores, podermos ter candidatos avulsos…

    • Melquisedeque

      Meu prezado, o bom candidato está acima do partido.

      Logicamente que votar num candidato filiado ao PT, por exemplo, seria complicado. Ou a qualquer um da ala de esquerda, porque sabemos que ali perpétua a ideologia.

      Rodrigo Cunha independente de qualquer coisa,.merece o voto.

  • 2018 vote certo, Ficha Limpa!

    2018 vote em FICHA LIMPA! Um deles RODRIGO CUNHA!

  • Vicente

    Já vi a besteira não para, querer ser uma opção diferenciada aos eleitores alagoanos é um louvor, agora se ficar com muito mimimi. ..e não começar a levar à sério o jogo político, vai apenas servir de mangação para a corja já existente que de otários não tem absolutamente nada.

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    SUSTENTAMOS A UMA ESCÓRIA NABABESCA DE PARASITAS DO ERÁRIO
    Joilson Gouveia*
    O nosso pseudo “estado democrático de direito” ou raquítica, tíbia, pífia e falsa democracia tabajara ou tupiniquim é mesmo hilária, abstrata, invenção, ficção ou ilusão fictícia, para nos enganar a todos os contribuintes e trabalhadores otários, imbecis, idiotas e dementes subliteratos ou analfabetos de todos os gêneros, dentre os quais me incluo; que sustentamos a toda chusma de plutocratas dessa cleptocracia ou argirocracia; claro!
    Urge relembrar que alguns escarlates vociferaram: “eu não votei no vice; fora Temer e etc.”; Lembram? Porém, a rigor, ninguém vota nos ditos “suplentes”, e estes assumem e auferem do Erário sem terem recebido um voto sequer; mas todos achamos que estamos, somos ou seremos “representados” pelos tais! Ou não?
    Reitero: vivemos sob os auspícios, égide, domínio e dominação de uma horda de escarlates esquerdistas de esquerda e à esquerda, desde a “debacle redemocratização”: são mais de seis lustros de engodo, enganação e ardilosa enrolação sob o jugo da tríade de dominação: “democracia; partidos e eleições temporárias”, para “legitimar” ou “legalizar” a uma falaciosa “democracia” – onde deveria prevalecer o governo da vontade da maioria do povo ou de seu eleitorado e não dos “ínfimos votos válidos”, mormente se e quando inferiores à metade dos eleitores registrados (que já bem menor do que a população residente) haja vista que o número de ausências, abstenções, brancos e nulos (ainda que em protesto ao que aí está) tem sido bem maior que os tais “votos válidos” (os quais são sufragados pela militância escarlate ou eleitores beneficiados pelos generosos programas sociais: curral eleitoral famélico) -, que é e tem sido o caminho seguro, tranquilo e perene do comunismo/socialismo, hoje autodenominados de progressistas.
    -*Sobre a tríade de dominação, veja aqui, a saber:
    a) https://gouveiacel.blogspot.com/2017/07/combustiveis-da-triade-poderosa-tesoura.html;
    b) https://gouveiacel.blogspot.com/2017/11/condenacao-de-taturanas-nao-passa-de.html;
    c) https://gouveiacel.blogspot.com/2018/07/o-toma-la-da-ca-nao-deixara-nenhum.html.
    O pior de tudo, o mais grave e verdadeiro acinte escarnecedor ou ludibriador da boa-fé do cidadão e da cidadã dignos, decentes, honestos, honrados e de bem, é que ainda instam, instigam, açulam, propagam e apelam para que não deixemos de exercer nossas cidadanias democráticas e manifestas através do nosso voto “consciente” – “que nada decide, quem conta quem decide tudo” (Josef Stalin) – mormente nessas urnas digitais eletrônicas, para que possamos continuar sustentando com cinco/seis meses de nossos salários aos nobres nababos parlamentares e políticos, das três esferas, com o exorbitante fundo eleitoral e fundos partidários a perder de vista ou sem fundos:
    a) https://gouveiacel.blogspot.com/2015/12/o-brasil-no-fundo-de-um-poco-profundo.html;
    b) https://gouveiacel.blogspot.com/2017/05/onde-sociedade-justa-fraterna-e.html;
    c) https://gouveiacel.blogspot.com/2018/06/mais-de-dois-quintos-do-inferno-ja-nao.html;
    Encerro como antes tenho encerrado! Aliás, sobre os tais “quintos dos infernos” e “reformas e mais reformas”, insto aos leitores acessarem aqui, a saber:
    a) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2015/05/o-quinto-dos-infernos-e-fichinha-diante.html;
    b) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2015/08/o-brasil-e-seus-dois-quintos-dos.html;
    c) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/03/reforma-da-previdencia-nada-prudente-e.html, e;
    d) http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/08/repudio-reproche-e-objurgacao-ao-tal.html.
    Enfim, em nossas plagas, como sói acontecido, além errarmos mais de duzentas vezes, ainda anelam reeleger declarados “fichas-sujas”, condenados e réus de vasta folha-corrida criminal e processual pelos mesmos idiotas de que trata Nelson Rodrigues: “A maior desgraça da democracia, é que ela traz à tona a força numérica dos idiotas, que são a maioria da humanidade”.
    Abr
    *JG