A decisão do ministro Ricardo  Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendendo a privatização da Ceal, abriu uma nova esperança para o governador Renan Filho: a de receber uma bolada pela empresa que foi federalizada em 1998.

Segundo os cálculos feitos pelo governo de Alagoas – a partir da consultoria de uma empresa especializada -, o Tesouro Estadual teria direito a receber ainda, de diferença, R$ 1,7 bilhão.

O ministro, que suspendeu a venda da Ceal, liminarmente, não atendeu a este pedido do governo de Alagoas.

Mas nada impede que ele venha a fazê-lo.

Vale a pena destacar que a Ceal, se for privatizada, terá um lance mínimo inicial de R$ 50 mil.

Coooooomo?

Pelo rombo acumulado durante os 20 anos em que foi uma estatal à brasileira.

Por lá mandaram, neste período, Renan Calheiros, Téo Vilela, Paulão e Joaquim Brito, Renan pai de novo, e agora, Marx Beltrão.

Estatal ‘pública’?

Nunca!

Fora da disputa presidencial, Collor vira assombração no Palácio
Faixa azul da Fernandes Lima está em mais desmoralizada do que o governo Temer
  • wal

    Não passo 2 meses sem pagar a ELETROBRÁS, ou meu nome vai para o SPC, se chegar a 3 meses, tenho a energia cortada,deve ser assim com todos os pobres alagoanos.
    Ou seja; como uma empresa que só recebe, cai em dívida ???????
    DIZ AÍ GOVERNO…
    .
    Qual o percentual ( R$ ) que vai para o benefício para os usuários da ELETROBRÁS ???????

  • João Cardoso

    Aí Joaquim Brito e Paulão vão no Palácio e: bença, pai!

  • JEu

    Infelizmente, creio que o mal menor será privatizar a Eletrobras-AL (antiga CEAL) pois até agora só deu prejuízo para o erário público, através da ação politiqueira em sua administração com a única intenção de usar seus recursos para benefício próprio e político-eleitoreiro… até quando vamos suportar tamanha usurpação do erário público?!!!

  • Vassourada das Barreiras.

    Pense num município, sem sorte…. Coruripe, Ceal, já foi presidente Joaquim Beltrão e a agora quem manda é o irmão, Marx Beltrão ( situação de Coruripe, em relação os serviços de energia, principalmente nos povoados. Queda de energia e às escuras. Marx Beltrão, ministro do turismo, que ironia Coruripe,o setor anda na contramão sem investimento. Pousadas e restaurantes fecharam às portas. Observação o setor cresce em todos os municípios, que tem potencial natural. Região norte e a longínqua Piranhas, que fica a cerca de 350 Km,vai de vento em popa.cada um que tire suas conclusões.

  • Edinho do Hélvio

    Exatamente, Vassourada das Barreiras. Venho há mais de 20 anos, alertando o povo o descaso que é está administração familiares dos Beltrão.

  • Onofre da Pindorama

    Parabéns vassourada das Barreiras, pelo seu comentário e um grande abraço para o Edinho do Hélvio, tenho acompanhado nas redes sociais, sua luta por um Coruripe, livre e democrático.