A crescente judicialização da disputa política no Brasil, com resultados pífios – o STF não julga ninguém grande -, vai estar presente como nunca nas eleições deste ano.

Na semana passada, o Pastor João Luiz, cassado pelo TRE em julho 2016 e afastado do mandato pelo ministro Napoleão Nunes Maia Filho do TSE em maio de 2017, se filiou ao PRTB e vai disputar uma vaga na Assembleia Legislativa.

E daí?

Em tese, ele seria inelegível pela Lei da Ficha Limpa, já que tem contra ele uma decisão colegiada – do Tribunal Regional Eleitoral.

Só que o TSE aceitou o recurso apresentado pelo ex-deputado (por enquanto), que pede para voltar à Assembleia?

E por que não?

Na verdade, o território da “legalidade” virou, definitivamente, uma monumental bagunça – uma mixórdia não muito diferente da vivida pelos demais poderes.

É interessante lembrar que o ministro Napoleão Maia foi o mesmo que evitou a cassação de Marquinhos Madeira (do MDB), que tinha contra ele uma sentença do mesmo TRE.

Cada caso é um caso?

É claro que sim, principalmente quando o próprio STF eive se atropelando – e se xingando -, na lógica de que cada ministro é uma Constituição Federal.

O contraditório por lá virou agressão pessoal e acusações gravíssimas, que frequentam o noticiário por pouco tempo: todo mundo teme o Supremo, menos os detentores de foro privilegiado.

Que fique claro a quem imagina que os “taturanas” condenados pelo TJ: a Lei da Ficha Limpa será por eles ignorada olimpicamente.

Cabeleira, Dantas, Brandão, Damasceno Freitas e Bulhões disputam o poder no Sertão
Derrotar Heloísa Helena vira prioridade do MDB de Alagoas
  • Sertanejo ENLUTADO esperando Justiça e PAZ com FÉ

    ôI, Ricardo, … MÓ tesão: alisando CRESCE? … rsRs
    > A crescente judicialização da disputa política no Brasil,
    – com resultados pífios – o STF não julga ninguém GRANDE -, … Kkkkk
    Isso me EXCITA, como as meninas do Xibom BOMBOM (199)!
    https://pt.wikipedia.org/wiki/Xibom_Bombom
    > Bom xibom, xibom, bombom! (4 Xs)
    – Analisand’essa cadeia hereditária: me livrar des’situação precária
    > Onde o RICO cada vez + rico e o pobre cada vez + POBRE
    – E o motivo todo @-mundo já conhece: o de CIMA sobe, baixo desce
    > Mas eu só quero EDUCAR meus filhos, torná-los CIDADÃOS
    – DIGNIDADE e viver bem ALIMENTADO c’a grana q’eu ganho?
    > Dá NEM pra melar panelas: o de cima sobe e o de baixo desce
    [DE R Gaspar e W Rangel], https://www.vagalume.com.br/as-meninas/xibom-bombom.html

  • Williams Roger

    Não existe mais segurança jurídica.
    Ele tem que voltar sim.

  • JEu

    Com o atual STF, simplesmente voltamos à época das capitanias hereditárias (se é que algum dia saímos delas), ou seja, manda quem pode, obedece quem tem juízo e precisa… por isso que já disse, várias vezes, e repito, para acabar com a “corte real” do país, só um movimento popular do tipo revolução francesa (e pode até ter alguns poucos traços da revolução russa também, principalmente quando se tratou do envio de pessoas não gratas para campos de trabalho pesado na Sibéria)… de outro modo, só se o povo fizer um movimento com muita força, fechando todos os poderes (e o povo pode) e com isso forçar uma tomada de decisão por quem “pode”… fora disso, só se começar a votar de maneira correta e exigir mudanças nas garantias dos seus “representantes”, podendo destituí-los a qualquer momento, seja por corrupção, seja pelo não cumprimento de suas promessas ou obrigações constitucionais… senão, vamos continuar vendo a bandalheira se apossar cada vez mais da vida, do sangue, da dignidade e dos direitos dos brasileiros… pois já não existe qualquer possibilidade de se fazer “Justiça” neste país… isso é uma lástima e muito triste mesmo…

  • Há Lagoas

    Não entro no mérito do judiciário por não acreditar no mesmo.
    Mas acredito na crucial diferença entre um cargo político e um pastor, padre, rabino e etc.
    Se tem um chamado para pastorear igreja deve seguir apenas o sacerdócio.
    O referido pastor – como teólogo – deve saber que quem condenou efetivamente a Cristo foram os saduceus – a seita mais política entre os judeus.

  • wal

    Só DEUS na causa…

  • Rodrigo

    ET vem ai…para desespero de muitos!!!!!! Aguardem!!!!!

  • breno

    Mais um inútil na ALE.

  • SEM HIPOCRISIA!

    Se você votar em religioso está sendo omisso ao EVANGELHO.

    Não podemos servir a dois senhores, ou seja, a Deus e ao dinheiro.

    O que faz as bancadas BBB – BÍBLIA, BALA, BOIS? Somente roubam!.

    Fique longe dessa corja.