Porta-voz dos cartórios em Alagoas, o deputado Sérgio Toledo (PSC) quer levar as bandeiras do setor para Brasília, em 2018.

Depois de acampar no governo estadual, em vários cargos de segundo escalão, Toledo tem a bênção dos cartórios de Alagoas na mais importante disputa política da vida dele.

Aliás, do parlamentar de tantos a pagados mandatos se poderia se esperar bem mais do que ele tem oferecido aos eleitores, até pela formação diferenciada que parece ter em relação à maioria dos seus pares.

Se não foi o que se viu até agora, quem sabe em Brasília?

Microempresários cobram R$ 8 mi de dívidas da Secretaria de Saúde
Rui rejeita festa na convenção que vai torná-lo presidente do PSDB
  • JEu

    Falou muito bem, afinal quem é Sérgio Toledo?!!!! tá igual ao samba do Zeca Pagodinho o tal do “caviar”… nunca vi, nem ouvi falar…!!! ele tá mesmo na ALE/AL e agora quer ir para a câmara federal?!!! a coisa tá ruim mesmo…

  • Lucas Farias

    Prezado Ricardo, segundo levantamento realizado pela Corregedoria Geral da Justiça de Alagoas divulgado do Diário de Justiça de 02 de agosto deste ano, há 242 cartórios no estado, dos quais 199 estão vagos, isto é, a esmagadora maioria das serventias ou não funcionam, ou funcionam com pessoas investidas a título precário, que foram lá colocadas sem aprovação em concurso público. Diante disso, pergunto: quais são as “bandeiras do setor” que o deputado em questão pretende defender? Vai defender a realização de concurso público para todas essas serventias? Vai combater os preços abusivos cobrados? Vai lutar para que os cartórios obedeçam a legislação e concedam o desconto de 50% nas taxas e emolumentos na aquisição do primeiro imóvel pelo sistema financeiro de habitação?