Com o cenário político atual, de denúncias cotidianas de corrupção e de discursos em defesa da “suruba”, como definiu o foro privilegiado o senador Romero Jucá (PMDB), cresce o medo do chamado “efeito Bolsonaro”.

Apesar de acreditar que o personagem tem seu público seguidor, cativo, barulhento e cada vez mais militante, não creio que ele apareça em 2018 como a opção majoritária do eleitorado brasileiro.

Há um inegável conservadorismo no ar, que vai se expandindo, é verdade, mas não a ponto de levar Bolsonaro à presidência da República.

O que me incomoda nessa história é a que o grande temor com o crescimento das ideias ultraconservadoras no país – que devem ser combatidas no bom debate – se manifesta, principalmente, entre os chamados formadores de opinião com tradição de militância na esquerda. Os que sempre acreditaram na “sabedoria popular”.

Será que o povo brasileiro é mesmo tão vulnerável e vai seguir o padrão de comportamento do norte-americano médio em tempos de crise?

Sempre é possível.

Mas aí, gente, o perigo maior não seria mais o iracundo deputado pelo Rio de Janeiro, o “nosso Donald Trump” (sem as instituições do EUA que impõem limites à atuação de um presidente).

Teríamos de temer é a nós mesmos, cidadãos e eleitores brasileiros.

 

Nos ombros de gigantes
MP deve ir à Justiça contra aumento dos deputados estaduais
  • JUNIOR

    Com certeza

    • Joao TT

      No governo SARNEY 1985-1990, a certeza d’ALAGOAS era um trio – GB, Renan, e CoLLOr -, TRIO vitorioso na depuTARIA FEDERAL … “Amai-vos uns aos outros”!
      HOJE, o Brasil ostenta TAXA assassinatos das mais elevadas
      do @-mundo, SEM o Estatuto do DESARMAMENTO o número de homicídios seria 41% maior … “advogar o ARMAMENTO da população, NUM país com esse ABSURDO perfil de violência, chega a ser IRRESPONSÁVEL”
      [MATEmo-nos uns aos outros!], L Ruffato 22fev17
      http://brasil.elpais.com/brasil/2017/02/22/opinion/1487765805_894517.html
      Em 1990 a certeza seria IMPIXADA em 1992 com ajuda de GB em Maçayó, uma criOnça nascida em St’ANA, governador do ESTADO rompeu c’o TRIO vitorioso em 1986, certezas que rapidinho mostram-se TRISTEZAS.
      https://pt.wikipedia.org/wiki/Geraldo_Bulhões

  • sertanejo cagota

    Bolsonaro nem é problema….Problema são os SOBRENOMES MALDITOS que se eternizaram na politica nacional e aqui em ALAGOAS ( que devia mudar para ALADROAS). esse sim é o problema de Alagoas: SOBRENOMES MALDITOS que elegemos.

    • Joao TT

      No SERTÃO, a coronelada ABUNDA – tem pÁ quem quer COMPRAR de sobra dando e vendendo no ARMÁRIO desde 1817, como por exemplo em 1990 com governador d’ALAGOAS reciclando a TRIAGEM vitoriosa em 1986, Renan e Collor … “E o CORDÃO de puxa-sacos/ cada vez aumenta MAIS” [Cordão dos PUXA-SACOS, 1945],
      Do SERTÂO de lá e da ORLA de cá subiu a maré da presidência meia-boca em 1989 contra M Covas e U Guimarães mais LULA. Estupidez lusitana derrotada por GB aqui no governo de ALAGOAS em 1990, [GB], https://pt.wikipedia.org/wiki/Geraldo_Bulhões
      Daí a ALERGIA minha a ideias JUMENTAS portuguesas e RAMALHAS rumo ao impixo 1992: LOUCURA, loucura, LOUCURA … rsRs

  • PORFIRIO

    Meu caro Ricardo Mota, bom dia. Entre um Bolsonauro da vida, doido e meio como se vê, presidindo este pais, e os pilantras que hoje o governam, pode ser uma loucura, mas eu particularmente, ficaria com o Bolsonauro. Ademais, não estamos vendo ninguém em nenhum do 27 estados, primordialmnete da velha guarda da politica, com o minimo de seriedade para governar o pais, fu…. tudo Ricardo, a cada dia, ou em questão de horas surge um escândalo envolvendo gente do governo, uns camaradas já velhos, sem o minimo de decência moral e ética pra cuidar da coisa pública. Alguns dos novos, aos quais nós poderíamos dá um voto de confiança, em sua maioria, são filhos de velhas raposas, é um risco confiar. O país afundou.

  • Paulo

    Ricardo, não temos em quem votar, por isso vou arriscar em Bolsonaro.

  • Marcelo

    Votar em Bolsonaro é passar o atestado de Débil Mental.(ponto)O resto é muito pra discutir aqui!!!

  • SÓ ULTRASSONOGRAFIA!

    O GRANDE PERIGO NO BRASIL, É A FALTA DE SERIEDADE NO TRATO DA COISA PÚBLICA, A EXEMPLO DE GOVERNOS PARALELOS DE PRESIDENTES DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASILZILSILZIL, O DE DIREITO NOSSO TEMER, DANTES COMO NO QUARTEL DE ABRANTES DE FHC, LULA & DILMA RUIMSELFF, TEM PROCURADO NA PARCA, BANAL, IRRISÓRIA, MIXURUCA VONTADE DO FAZER, SOLUÇÕES QUE MINIMIZEM OS SOFRIMENTOS DA BASE DA PIRÂMIDE SOCIAL (OS ++++ POBRES), NO ENTANTO BATE DE FRENTE COM OUTRO MODELO POLÍTICO CORPORATIVO Q/TEM ++++ OUTRO PRESIDENTE!!!, O O O DE FATO Q/DEFENDE A MINORIA DETENTORA DA FAMIGERADA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL, CHAMADA DE ‘CAPITAL’, EM DETRIMENTO DO ‘TRABALHO’, QUE VIROU PANDEMIA POLÍTICA AMPLAMENTE DISSEMINADA. HAJA VISTO +++ DE 23.000.000 DE DESEMPREGADOS E SUBUTILIZADOS!!! COMO O ‘FHC’ DEIXOU UMA DÍVIDA PÚBLICA ‘líquida’ DE R$ 160 BILHÕES (31/12/2002) E DE MANEIRA ASSOMBROSA ENTRE 2003/2016 DESGOVERNOS DO ‘PT’ DE LULA & DILMA RUIMSELFF, AUMENTARAM EM ++++ R$ 3 TRILHÕES!!! OU SEJA 18,75 VEZES ++++ O QUE ‘FHC’ DEIXOU!!! O PIOR DE TUDO É QUE NINGUÉM SABE ONDE FOI PARAR ESSE DINHEIRO TODO, O PRÓPRIO GOVERNO FEDERAL SE OMITE, CORRE DE AUDITORIA NA FAMIGERADA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL COMO O DIABO CORRE DA CRUZ!!! Q/OS TAIS R$ 3 TRILHÕES DEVERIA SER GASTOS EM ‘INVESTIMENTOS’ GERANDO ASSIM EMPREGO E DISTRIBUIÇÃO DE RENDA, OU NÃO? O PROBLEMA É QUE NINGUÉM SABE DIZER ONDE FOI PARAR ESSES EMPRÉSTIMOS DE R$ 3 TRILHÕES Q/O GOVERNO FEDERAL FEZ, AÍ TEM? COMO O GOVERNO, NO BOM SENTIDO, NÃO FAZ AUDITORIA, MUITO MENOS DEVASSA, SÓ TEMOS UMA SAÍDA PARA DETECTAR O PARADEIRO DOS R$ 3 TRILHÕES, CHAMAR O ‘CFM’ – CONSELHO FEDERAL DE MEDICINA PARA FAZER ULTRASSONOGRAFIA NOS DESTINOS DOS R$ 3 TRILHÕES DE EMPRÉSTIMOS TOMADOS PELO TESOURO NACIONAL OU DE OUTROS MECANISMOS NO SUBMUNDO DA FALTA DE SERIEDADE NO TRATO DA COISA PÚBLICA E/OU CORRUPÇÃO!!!
    AGORA MESMO LEIO NA GRANDE MÍDIA UM GRÁFICO Q/MOSTRA ARRECADAÇÃO INFERIOR AS DESPESAS NA ‘PREVIDÊNCIA’, MENCIONADO QUE DE 2010 A 2016 AS DESPESAS PASSARAM DE R$ 392,4 BILHÕES PARA R$ 515,9 BILHÕES CONTRA UMA ARRECADAÇÃO NO MESMO PERÍODO DE R$ 325,9 BILHÕES PARA R$ 364 BILHÕES, GERANDO UM ROMBO EM 2010 DE (-) R$ 66,5 BILHÕES PARA EM 2016 DE (-) R$ 151,9 BILHÕES!!! O CHAMA ATENÇÃO É O LEVANTAMENTO DOS ‘AUDITORES FISCAIS DA RECEITA FEDERAL’ Q/COMPROVAM UM SUPERÁVIT ENTRE 2006 A 2015 DE ++++ DE R$ 585 BILHÕES NA PREVIDÊNCIA!!! SERÁ QUE A INFORMAÇÃO DA MÍDIA ‘VEJA’ EDIÇÃO 2519 ANO 50 Nº 9 DE 1º DE MARÇO DE 2017 INCLUIU OS DESVIOS INDEVIDOS DAS ‘RECEITAS PREVIDENCIÁRIAS’ PELA ‘DRU’ PARA PAGAMENTOS VERGONHOSOS DOS TAIS FAMIGERADOS ‘JUROS DA DÍVIDA PÚBLICA’, QUE NADA TEM HAVER COM NOSSA ‘PREVIDÊNCIA’. SEM ESQUECER QUE ‘CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS’ SÃO PAGAMENTOS ‘ANTECIPADOS/CONSIGNADOS’ PARA RECEBER COMO APOSENTADORIAS E JAMAIS DESVIADOS PELA ‘DRU’ PARA PAGAR ‘JUROS’ DA FAMIGERADA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL!
    AS MEDIDAS DOS GOVERNO TEMER COM RELAÇÃO A AJUSTES FISCAIS É O MÍNIMO MINIMORUM, O MAIOR PROBLEMA É O ENGESSAMENTO DE MÃOS ATADAS EM 20/30/40 ANOS DE UMA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL DE R$ 4 TRILHÕES? CARENTE DE ULTRASSONOGRAFIA, Q/JÁ FOI PAGA, ANTIÉTICA E IMORAL, AO PONTO DA TERRORISTA COMUNISTA ENTÃO PRESIDENTa DILMA RUIMSELFF DE PROIBIR A PARTICIPAÇÃO EM AUDITORIA NA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL, NO ‘PPA-2016/2019’ DAS ENTIDADES DE CLASSE (ASSOCIAÇÃO PROFISSIONAL) DE ECONOMISTA, CONTADORE, ADVOGADO, ENGENHEIRO, MÉDICOS, ARQUITETO E DEMAIS PROFISSIONAIS!!!)
    ESSA É A GRANDE BOLHA BRASIL!!! ACORDA PRESIDENTE MICHEL TEMER, SEJA PRESIDENTE DE FATO, PQ. DE DIREITO JÁ É!!!
    SDS. DEMOCRATAS!
    P/Domingos Correia.

  • ARTUR GAIA

    Ricardo, vamos esperar quem vai ser indicado para presidente e qual partido, só não aceito os mesmos que contribuíram para essa desmoralização política. Por enquanto o BOLSONARO gostando ou não é o diferente e odiado pelos que cometeram essa imoralidade.

  • Joao TT

    A candidatura BARANGA vitoriosa em 1989 derrotando M Covas e U Guimarães mais LULA mostrou-se apenas portuguesa RAMALHA impixada em 1992 -LOUCURA loucura LOUCURA derrotada n’ALAGOAS em 1990 … rsRs
    [GB], https://pt.wikipedia.org/wiki/Geraldo_Bulhões
    Um governador d’ALAGOAS rompido c’o TRIO vitorioso em 1986, Renan e Collor mostrando que
    * Se o DOTÔ cai do GALHO e vai ao chão/ a turma log´EVOLUI d´opinião – E o CORDÃO de puxa-sacos/ cada vez aumenta MAIS. [Cordão dos PUXA-SACOS, 1945],
    Essa AMEAÇA bolso furado, BOLSO com NADA deve continuar entre 5 e 15% de PERIGO pra uns, CONSOLO pra outros afins de R$ 1,99?
    * Lá vem dando VIVAS aos seus MAIORAIS: cada vez AUMENTA mais – Quanta REVERÊNCIA nos cordões ELEITORAIS
    [Cordão dos PUXA-SACOS, 1945], http://www.vagalume.com.br/roberto-martins/cordao-dos-puxa-sacos.html
    Entre um GOLPE e outro SEMPRE há gente$ querendo COLO de homem VIRIL … Kkkkk
    Este SACRIPANTA criminoso QUASE confesso … “compre MERDAS (drogas?) por aí. Não vou te visitar na PAPUDA(presídio). Se a IMPRENSA te descobrir ai, e o que está fazendo, vão comer seu FÍGADO e o meu.”
    [DE Jair PAI pra Eduardo BOLSONARO FÍO desencapado, 09fev17], http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/bolsonaro-repreende-o-filho-eduardo-que-nao-votou-nele-para-presidente-da-camara
    E criou-se o HOSPÍCIO alagoano BI-centenário deRna 1817, bajulas RAMALHOS d’El Rey de PORTUGAIS traindo PADRES pernambucanos.
    [SOUSA, R G 25fev17], http://brasilescola.uol.com.br/historiab/revolucao-pernambucana.htm
    Contamos HOJE com pelo menos 9 (nove) golpes em BRASIL deRna 1822 – 2016 ainda é CONTROVERSO. [25fev17, FERNANDES, C]
    No Séc XIX, INCULTOS gananciosos mau$-rÉu$-xais RAMALHOS rebaixaram Pedro II em 1889 no Rio-PÚTRIDO bem antes das duas grandes DOIDÍCIAS européias @-MUNDOS a fora: 1914-1918 e 1939-45.
    Em 1930, uma GAUCHADA curta e grossa: o FINO Getúlio golpeia o paulista ARROGANTE Wa$yngTon Luís c’apoio de RÉCUAS de coronéis acossados por LAMPIÕES de gás.
    http://brasilescola.uol.com.br/historia/quantos-golpes-estado-houve-no-brasil-desde-independencia.htm
    GETÚLIO, deposto em 1945 pela milicada NACIONAL contra Mussolini na Itália retorna à presidência pelo VOTO DIRETO em 195O, aclamado BI-golpista em 1937 com o plágio da CLT, nossa perfumada excrescência FASCISTA. Saiu de CENA com luz própria em 1954.
    [Carta del LAVORO de Mussolini, 1927], https://pt.wikipedia.org/wiki/Carta_do_Trabalho

  • sebastião iguatemyr cadena cordeiro

    SEI QUE O CUMPADI E MUITOS OUTROS INTELECTUAIS COM TENDÊNCIAS IDEOLÓGICAS QUE SE AFINAM COM O LULOPETISMO BOLIVARIANO TEMEM (EPA!) ESTA IRREVERSÍ-
    VEL TENDÊNCIA CONTINENTAL. A VERDADE É QUE TODOS OS OUTROS CAMINHOS(OPÇÕES)ESTÃO BICHADOS… OU , ALGUEM CITARIA UMA ALMA SAUDÁVEL NO ATUAL PANORAMA POLÍTICO DESTA PORCARIA DE NAÇÃO,QUE FOSSE FICHA-LIMPA OU ANGARIASSE UM MÍNIMO DE CREDIBILIDA-
    DE !? TEM !? PODE ME DIZER QUE É ESTA CRIATURA IMPOLUTA , SALVADORA DA PÁTRIA!? JESUS,NÃO VALE ! ESTE CANDIDATO EXTRAPOLA AS NOSSAS EXPECTATIVAS. . .

  • EWERTHON WEVEU

    Olá caro Ricardo Mota não entendi porque o senhor fala a mídia incluindo o senhor é tão perjorativa, Qual motivo para todo esse alarde?
    por acaso se o mesmo se eleger democraticamente e se colocar empratica seus projetos só irá atendera vontade da maioria.
    Para nós apoiadores de Bolsonaro o grande perigo é a volta do PT (Lula) e seus comparsas ao congresso nacional isso sim representa um Regresso lastimável.

  • Williams Roger

    Não mesmo. O grande perigo é o “pouvo”!

    O pt de Alagoas fez parte do golpe contra Dilma, quando fez parte do governo do PMDB. Saiu por “livre espontânea” PRESSÃO. E agora, por CARGOS, quer fazer parte de novo. Tenham vergonha na cara.
    Kkkkk Toma “pouvo” safado!
    Como eu me sinto sendo governado por uma quadrilha de bandidos?
    Furtando o meu dinheiro, faltando médico, remédio, educação e segurança. E eles vivendo no luxo com o dinheiro do povo, público e meu. De impostos. TUDO COM O MEU CONSENTIMENTO. O MEU VOTO.
    Daí, como eu posso reclamar se eu sou conivente, omisso e muita das vezes corrupto. QUANDO VENDO MEU VOTO!
    PAÍS DESMORALIZADO.

  • amorim

    O Bolsonaro,nunca foi perigo, perigo mesmo é o comportamento da nossa sociedade nos últimos tempos. O mal exemplo foi dado ultimamente pela sociedade de um estado do Sul,onde os seus habitantes se aproveitando de uma grave policial, passaram a agir como um povo de uma terra sem lei,outro péssimo exemplo:Quando um carro transportando produtos tomba nas estradas o que acontece? Veja a fila que se forma e desça pra observar e o que falar da nossa classe política, sem comentário! Se entrar alguém pra pegar pesado, aí sim, faz medo a muita gente que amealhou riquezas de forma escusa. Pra quem já elegeu tiririca,Pior não fica.Nunca irei temer alguém que exige ordem e respeito, aí esta o principio da grandeza de um povo e nunca o estado de anarquia que estamos vivendo. Sabe de quem eu tenho medo? Da classe política atual, não escapa um ser vivente sequer, chega dá gastura só de falar.Será que teremos candidatos com isenção nas próximas eleições. É esperar pra ver,já renovei inclusive meu título, mas que fique claro! Não vendo, nem troco o meu voto.Isso é dignidade.

  • Alexandre

    Creio que seja um refúgio do povo brasileiro em tempos que não conseguimos enxergar uma luz no fim do túnel!

  • Joao

    Devíamos ter medo é desses corruptos n do Bolsonaro que é um homem honesto! #Bolsonaro 2018!

  • MONTEIRO

    NÃO EXISTE OU OUTRO A NÃO SER BOLSONARO ESSE SIM LUTA PELA FAMILIA E A MIDIA NÃO VAI DESQUALIFICA-LO.

  • wal

    Tudo menos o TEMER e sua turma.
    Como estão os ANTI-DILMA ?

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    RETROCESSO VERSUS PROGRESSO: res publica em risco!
    Joilson Gouveia*
    Causaria espécie, surpresa, estupefação, assombro, abismo ou “cairia-o-queixo” do mais simples meridiano cidadão subliterato pouco afeito à compreensão patriótica, cidadã e cívica da atual conjuntura política brasileira de nossa aviltada, espoliada e achacada Pátria Amada Brasil senão fora uma praxe comum, contumaz e trivial da imensa maioria ou grande parte de ditos pensadores-críticos, “intelectuais inteligentes” ou “progressistas atoleimados, receosos ou temerosos e apavorados com o avanço” de um político senão honesto, honrado, probo e conservador ao menos de mãos e ficha limpas ou incorruptível – como bem o diz: “Me chamem de corrupto; Porras!; até o momento!
    Eis, pois, toda loquaz, mendaz, audaz, satírica e mordaz tradução subliminar astuta, arguta, capciosa e sub-reptícia de um dos mais preparados, cultos, inteligentes e competentes “agentes-de-transformação-social”, deveras preocupados em salvar o mundo e a humanidade das ameaças conservadoras “retrógradas” de um conservador ou direitista de Direita, in http://blog.tnh1.com.br/ricardomota/2017/02/25/sera-que-o-grande-perigo-e-mesmo-o-bolsonaro/, a saber:
    • “Com o cenário político atual, de denúncias cotidianas de corrupção e de discursos em defesa da “suruba”, como definiu o foro privilegiado o senador Romero Jucá (PMDB), cresce o medo do chamado “efeito Bolsonaro”. (Sic.)
    Qual o temor, justo receio ou pânico? Acaso, preferirias optar pelos mesmos de sempre, praticantes de surubas ou não, que estão nessa orgia desde a debacle redemocratização? – Ver: http://gouveiacel.blogspot.com.br/2016/10/redemocratizacao-fracassada-direita.html
    • “Apesar de acreditar que o personagem tem seu público seguidor, cativo, barulhento e cada vez mais militante, não creio que ele apareça em 2018 como a opção majoritária do eleitorado brasileiro.” (Sic.)
    Crença, confiança e fé ou choro, torcida e sonho ainda são pessoais, individuais e de cada um sujeito (de per si) da Sociedade, e, pelo menos, ainda não são cobradas, eu disse ainda. Portanto, aproveitem enquanto é grátis: http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/02/chorar-sonhar-e-torcer-nao-custa-nada.html
    • “Há um inegável conservadorismo no ar, que vai se expandindo, é verdade, mas não a ponto de levar Bolsonaro à presidência da República.”
    Ad argumentandum tantum, suponhamos que não seja ele o nosso próximo presidente dessa tão depenada, assaltada, desfalcada, “desviada e doada Nação”, vá lá que seja! Mas, a toda evidência, não ode nem deve mais ser nenhum daqueles “paladinos pela Ética na política” – muitos foram presos na indigitada “ditadura de araques” e, também, na atual democracia tupiniquim, que serve de orgia grupal e coletiva desses progressistas -, os mesmos progressistas integrantes da citada suruba, meu dileto literata! Ah! Isso não, não mesmo! Chega de tanto progressismo e outros ismos; ou não? – A ver: http://gouveiacel.blogspot.com.br/2017/02/a-isonomia-e-uma-ofensa-aos-comunistas.html
    • “O que me incomoda nessa história é a que o grande temor com o crescimento das ideias ultraconservadoras no país – que devem ser combatidas no bom debate – se manifesta, principalmente, entre os chamados formadores de opinião com tradição de militância na esquerda. Os que sempre acreditaram na “sabedoria popular”. (Sic.)
    Debate? Acaso se consegue dialogar, debater, discutir ou querelar dialética, urbana e civilizadamente com os referidos “formadores de opinião” tradicionais senão arcaicos, ultrapassados e fracassados defensores de um comunismo/socialismo que não deu certo em nenhum lugar desse mundo?
    A “sabedoria popular”, no último pleito de 2016, a toda visa, evidência e obviedade já demonstrou que acordou, cansou de ser iludida por prestidigitadores escarlates “ludibriadores de jumentos”!
    • “Será que o povo brasileiro é mesmo tão vulnerável e vai seguir o padrão de comportamento do norte-americano médio em tempos de crise?
    • Sempre é possível.
    • Mas aí, gente, o perigo maior não seria mais o iracundo deputado pelo Rio de Janeiro, o “nosso Donald Trump” (sem as instituições do EUA que impõem limites à atuação de um presidente).
    • Teríamos de temer é a nós mesmos, cidadãos e eleitores brasileiros.”
    Eh! Consultem aos seus oráculos, prescientes, exímios nas conjecturas e prestidigitações, e até roguem às divindades celestiais ou “santos comunistas” (que inexiste; claro), que não professam nenhuma fé, apelem ao Papa argentino, como fizeram para barrar Donald Trump, que derruiu os 80% de Hilary, né?
    Enfim, a saída ou solução outra não é senão “Endireitar nossa Pátria Amada, Brasil”, para que possamos ser livres, alegres, contentes, tranquilos, seguros com portas e quintais sem muros e cercas eletrificadas, enquanto cidadãos e cidadãs honestos, honrados, dignos, decentes e de bem; ou não? – A ver: http://gouveiacel.blogspot.com.br/2016/11/eramos-felizes-ah-como-eramos-felizes.html
    Ora, o que a Esquerda, esquerdistas e progressistas fizeram ao Brasil, desde a redemocratização debacle, ainda não foi nem é o bastante para atestar, provar e comprovar toda essa safadeza, suruba e orgia de inescrupulosos, oprobriosos ou criminosos incompetentes, indecorosos e ímprobos gestores ou legítimos malversadores da res publica?
    Abr
    *JG
    P.S.: Postado no Blog de Ricardo Mota, a saber: http://blog.tnh1.com.br/ricardomota/2017/02/25/sera-que-o-grande-perigo-e-mesmo-o-bolsonaro/

  • danila

    #bolsonaro2018

  • Vivo

    Mota, boa noite.

    Não acho o Bolsonaro nosso maior perigo. Ele é conservador mesmo, de direita à direita, mas em muitas coisas está coberto de razão.

    Talvez você não ache, também não quero dizer que sou a favor em gênero, número e grau. Mas que em muitas assertivas ele está certo, está.

    Veja essa questão do desmantelamento das forças armadas. As nossas fronteiras desguarnecidas, onde proliferou o tráfico de drogas e armas.

    O direito do marginal em detrimento ao cidadão de bem. A valorização dá inversão de valores, em quase todos os níveis, basta ver os saques no Espírito Santo, praticados por pessoas que em tese, não eram marginais.

    Ele não é o maior perigo mesmo, realmente assim como você coloca em letras fraudas, o perigo somos nós, povo, eleitores, não por poder coloca-lo na presidência, mas por conduzir as escória política de novo ao ápice do poder.

    Virão Romeros, Renans, Sarneys, Padilhas, Moreiras e outros do mesmo naipe e com uma possibilidade de ver Lula da Silva de volta.

    Isso sim é perigoso …

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    POLITICAMENTE CORRETO É SER PROGRESSISTA ESQUERDA CAVIAR: REPUBLICANOS VERSUS DEMOCRATAS.
    Joilson Gouveia*
    Por que será que a imensa maioria da imprensa, nacional e internacional, é temerária e assombrada ou contrária e, declarada, ostensiva e veementemente CONTRA aos princípios, premissas e valores fundamentais éticos, morais e axiológicos conservadores “retrógrados” (como rotulado e segundo eLLes) de Direita ou à direita?
    Aos que queiram saber, entender e compreender ou até mesmo responder à questão suscitada acima, insto aos leitores lerem “A Esquerda Caviar”, de Rodrigo Constantino, que destaca o seguinte, a saber:
    • “Se dependesse de nossa imprensa, a imagem pintada de um Republicano seria a de neandertal. Nossos colunistas e jornalistas olham para a direita americana como se esta fosse formada basicamente por fundamentalistas religiosos, saudosistas da era medieval, que adorariam puxar mulheres pelos cabelos e manter escravos negros.
    • Qual não seria o espanto dessas pessoas se alguns fatos históricos fossem revelados! Por exemplo, que o Civil Rights Act de 1964 contou com mais apoio dos Republicanos do que dos Democratas. Ou que os grandes segregacionistas raciais eram todos do Partido Democrata, incluindo o governador que impôs a regra de que os negros deveriam se sentar atrás no ônibus, algo que jamais partiu do setor privado.”
    • Rose Parks, quando ousou desafiar a regra e se recusou a ceder seu lugar a um branco no ônibus, estava enfrentando um governo Democrata, assim como foram os Democratas que mantiveram por tanto tempo a Lei Jim Crow de segregação racial. Também eram Democratas os mais importantes membros da Ku Klux Kan. E claro, Lincoln, tão celebrado recentemente em filme de Steven Spielberg, também era Republicano, como foram os Republicanos que pressionaram pelo direito ao voto dos negros nos estados sulistas, contra forte oposição dos Democratas.
    • Além disso, são sempre os Republicanos os acusados de violência e a imprensa costuma mergulhar em ataques precipitados quando algum maluco abre fogo contra inocentes. Ironicamente, quase todos os ataques forma cometidos por pessoas identificadas com a esquerda radical, com o comunismo. Ann Coulter resumiu em Demonic:
    • “A regra esquerdista é: qual quer ato criminoso cometido por homens brancos com armas é uma conspiração de direita, ao passo que qualquer ato criminoso cometido por não-brancos com armas de fogo é o governo a violar as liberdades civis de alguém. (Se um homem negro alguma vez atirasse em um abortista, os cérebros esquerdistas iriam explodir).”
    (…) Continuando: “Como diz Eduardo Gianett da Fonseca em seu livro Auto-Engano:
    • “O enganador auto-enganado, convencido sinceramente de seu próprio engano, é uma máquina de enganar habilidosa e competente em sua arte do que o enganador frio e calculista.” Sic.
    • O enganador embarca em suas próprias mentiras, e passa a acreditar nelas com toda inocência e boa-fé do mundo. Assim fica mais fácil convencer os demais. É justamente esse o receio de Goldberg:
    • “Se você colocasse repórteres e produtores da rede de notícias em máquina de polígrafo e lhes perguntasse: ‘você acha que você é culpado de viés esquerdistas?’ A maioria quase certamente responderia: ‘Não’. E eles passariam no teste do polígrafo, porque não estão mentindo. Eles sinceramente acreditam no que eles estão dizendo. E esse é o maior problema de todos.”
    E diz mais, Rodrigo Constantino, a saber:
    • “Muitos jornalistas costumam se identificar com a esquerda caviar, com suas bandeiras sensacionalistas, com a cruzada moral e com a imagem de abnegados em busca de justiça social. A compaixão alegada é mais importante do que os resultados concretos. E a histeria ante as ameaças, reais ou imaginárias, é total!”
    Finalizando a transcrição, ainda citando palavras de Goldberg:
    • “Toda essa preocupação não é sobre injustiça e riscos reais, mas sobre se sentir melhor para nós mesmos, fazendo o menor sacrifício pessoal possível. Nada como a sensação de ser um bom samaritano sem sair do lugar.
    • Basta checar as redes sociais para verificar como essa tendência foi potencializada na modernidade. Com um simples clique no ‘curtir’, o sujeito propaga as mais belas utopias e bandeiras, conquista a imagem de sensível e altruísta, e sem gastar sequer duas calorias.
    • Vivemos no mundo do politicamente correto. A grande imprensa mais que todos, precisa seguir as regras do corretismo para sobreviver. A linguagem politicamente correta é a marca registrada da esquerda caviar. Alguém, portanto, ainda fica surpreso com o viés da mídia?
    Temos dito, repetido e reiterado, além de postado, comentado e publicado em nosso Blog ou rechaçado, repelido, objurgado e contestado noutros blogs à hegemonização do politicamente correto de uma ideologia escarlate ultrapassada, arcaica, fracassada, além de nefasta, nefanda e funesta senão inescrupulosa, oprobriosa e criminosa de adeptos de orgias e surubas com Erário, Tesouro, Divisas e Riquezas nacionais desde a debacle redemocratização mantida pelos samaritanos “defensores dos pobres” analfabetos em currais famélicos mantidos por programas sociais: a esquerda adora os pobres, daí preciso mantê-los pobres para garantir sua permanência do Poder, onde está desde 1985, e Brasil descendo ladeira abaixo com seus mais de 13 milhões de desempregados.
    Chega! É hora de uma guinada à Direita, anda que não tenhamos Republicanos só Democratas!
    Abr
    *JG

  • Diógenes Paes

    Caro jornalista Ricardo Mota, quanto mais fala desse FASCISTA mais ibope se dá a ele, em mesas de bate-bapo e conversas eventuais me recurso a falar ou opinar sobre esse verme da Ditadura Militar.

  • JEu

    Para mim tanto faz: esquerda, direita, centro-esquerda, centro-direita e outras combinações… o que espero ver no poder (talvez num Estado Utópico) é cidadão de bem, probo, honesto, íntegro em sentido ético e moral, que pense primeiro no bem social antes que no bem próprio… Será que pessoas desse quilate existem mesmo?!!!! Logicamente não estou falando de “santos” e sim de pessoas que saibam “santificar” suas ações em busca do bem público… porém, o que vemos: sempre a inversão de valores… primeiro eu, segundo eu e se tiver terceira opção será sempre eu… precisamos de uma mudança nesse panorama…!!!!

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    AZÁFAMA ESQUERDISTA ESCARLATE ou PETRALHAS EM POLVOROSA
    Joilson Gouveia*
    A ignomínia de ignominiosos ignaros, ignotos e ignorantes ou incautos mentecaptos “filhotes da ditadura”, que costumam adjetivar o outro ou oponente daquilo que o são (fascistas), sempre naquele usual, comum e trivial mantra despudorado, esfarrapado e desbragado refrão dogmático de Lênin: “acuse ao outro daquilo que você o é e daquilo do que você faz”;
    É, pois, risível, haja vista que sequer se dá conta de que o injuriado, caluniado e infamado “verme da ditadura”, como assacado, assestado e xingado por doutos leitores cultos, que destilam, vociferam, esbravejam e bramem suas risíveis intolerâncias, abominações e aversões, especialmente “em mesas de bate-bapo e conversas eventuais me recurso a falar ou opinar sobre esse verme da Ditadura Militar.” (Sic.)
    Aliás, sequer sabe (se sabe é-o por má-índole e mordaz má-fé) que o indigitado, aduzido e alegado “bolsomito” nascera em 1955 (logo com 9 anos de idade) pelo que jamais poderia ter feito parte da “odiosa” patranha invencionice ditadura-militar, como fora pechado o regime constitucional castrense federal, instaurado a rogo do próprio Congresso Nacional de antanho.
    E, assim, tivemos durante seus 21 anos de progresso, crescimento, desenvolvimento, tranquilidade social e econômica e, sobretudo período de absoluta segurança aos dignos cidadãos e cidadãs decentes, honestos, honrados e das famílias de bem. É fato!
    Houve erros na “ditadura-militar”? Sim! Com efeito, porquanto eram seres humanos e imperfeitos como os demais cidadãos civis comuns, mas o maior erro foi anistiar aos guerrilheiros terroristas subversivos que ascenderam ao Poder, numa debacle redemocratização (http://gouveiacel.blogspot.com.br/2016/10/redemocratizacao-fracassada-direita.html) : inclusive, foram presos antes e agora! O que me dizem?
    Ademais, éramos felizes e bastante felizes, já o disse, repeti e reiterei: http://gouveiacel.blogspot.com.br/2016/11/eramos-felizes-ah-como-eramos-felizes.html. Leiam-no, sim!?
    Ora, por que teme-lo? Qual o receio de que seja candidato?
    O bolsomito só poderá disputar, vencer as eleições e ascender à Presidência da República, se houver eleições com votos impressos auditáveis, conferíveis e aferíveis, sem descurar de que “o voto nada decide; quem os conta decide tudo” – Stalin.
    Sosseguem esquerdistas, para que tanta polvorosa? Afinal vocês têm o “asceta de prístinas virtudes”, o nada mais, nada menos, que “o alma mais ‘onesta’ dessepaiz”, o “virtuoso HEPTA-RÉU” – basta que não ponha os pés em Portugal – ou até mesmo a competentA gerentA inteligentA: “coração valentA”; ou não?
    Enfim, a esquerda assegura que os pobres votam nela, daí tê-los mantidos pobres, necessitados e miseráveis dependentes de BOLSAS, num curral famélico, para cômoda, conivente e conveniente retribuição, nas eleições! Ou não? Há um legado de mais 23 milhões de desempregados, somados aos 54 milhões de votos deLLa, já estarão perpetuados; ou não?
    Abr
    *JG

  • Joilson Gouveia Bel&Cel RR

    O INOLVIDÁVEL ESCÓLIO DE EÇA DE QUEIROZ
    Joilson Gouveia*
    Há evidências a toda prova de que o brasileiro e a brasileira, o cidadão e a cidadã honesto, honrado, decente, digno, trabalhador, consciente e de bem não é muito chegado e afeito à Política, especialmente a desses nossos “representantes” de araques, praticantes de homéricas surubas – ou seriam “roméricas” – e orgias com o Erário.
    Todavia, é imprescindível trazer à baila, à tona e a lume o inolvidável escólio de Platão: “O castigo dos bons que não fazem política é ser governados pelos maus”. Ou, no mesmo sentido, o ensinamento do preferido das esquerdas assestado por Bertold Brecht: “Que continuemos a nos omitir da política é tudo o que os malfeitores da vida pública mais querem.”
    E mais ainda ao dito lapidar de Eça de Queiroz, cuja sentença na “frase atribuída ao escritor português (1845-1900) é: “Políticos e fraldas devem ser trocados de tempos em tempos, pelo mesmo motivo”.
    Entrementes, malgrado se atribua uma indevida, descabida e injusta agnosia, amnésia ou omissão e até covardia de uma imensa gama de cidadãos e de cidadãs que abominam à Política, urge relembrar, rememorar para jamais olvidar umas coisas simples, muito simples, simplíssimas senão meras, comuns e triviais, a saber:
    1. Desde a debacle redemocratização, após o maior erro senão o mais letal e fatal, para a Democracia e da aduzida, alegada e indigitada “odiosa ditadura-militar” – uma ditadura sui generis, por sinal, pois havia eleições sazonais federais, estaduais e municipais, Congresso Nacional e demais Poderes, Instituições e Órgãos republicanos funcionando, inclusive eleições indiretas quinquenais, para a Presidência da República, até o “Diretas, já!”, de Dante de Oliveira, do menestrel das Alagoas e do senhor diretas: Ulisses Guimarães, dentre outros.
    2. Daí vieram as “fiscalas do Sarney” e “os filhotes da ditadura” (após eleição indireta e da estranha e inesperada morte de Tancredo Neves) com seu cruzado e, logo depois, emergiu o meteórico midiático global “caçador de marajás”, derruído pelo impeachment, até então cívico, legal, cidadão e democrático – inclusive aqueles que o chamam hoje de G.O.L.P.E. intentaram-no mais de 50 vezes: de 1990 até 2002; doravante foi e é GOLPE!
    3. Aí surgiu um renomado professor (que nada mais fez que desdizer seus ditos e escritos) que nada fez pelos demais professores e pela Educação brasileira; um trabalhador (que nunca trabalhara, mas se aposentou por perder o mínimo, dedo!) que nada fez pelos trabalhadores e criou sua criatura, uma “coração valentA”, que jamais lutou pela Democracia senão pela ditadura do proletariado, como confessado pelos seus comparsas, companheiros, cúmplices, camaradas e alimárias da mesma súcia matula escarlate perversa e assassina de antanho.
    Ora, o que caracteriza uma saudável, salutar, saneada, sanativa e benéfica Democracia é a variada alternância, sucessiva, temporária, periódica e sazonal de poder no Poder.
    Ainda que não tenhamos partidos de matizes conservadoras ou à direita e de Direita, por sua vez, a Esquerda já confirmou, por mais de quatro ou cinco lustros, o dito e desdito pelo renomado ilustre professor de Sorbonne: “a esquerda é burra, no Brasil”; eu diria mais: burra, desonesta, ímproba, incompetente, inescrupulosa e, especialmente, criminosa, como amplamente noticiado pela imprensa nacional e internacional; ou não? O Brasil é pentacampeão; eLLe é hepta: Hepta-Reú!
    Urge, pois, endireitar de vez nosso país, e já! Bem por isso oportunizar, deferir, conceder e ascender um personagem despojado dos matizes ideológicos samaritanos progressistas que nos legou mais de 23 milhões de desempregados: creem que pobre gosta da esquerda, daí multiplicarem a pobreza dos pobres ou sua mantença mediante bolsas-esmolas, para perpetuação no Poder – avalia-se a eficiência e eficácia de um programa social pelo números de pessoas que deixam de precisar dele e nunca por sua recrudescente majoração.
    Abr
    *JG

  • Adilio Faustini

    Preferia ver como candidato o General Augusto Heleno.