Da Seprev, o blog recebeu a nota abaixo, que eu publico na íntegra.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) vem por meio desta nota esclarecer os fatos apontados, nesta quarta-feira (15), pela Arquidiocese de Maceió.

A Seprev desconhece a realização de qualquer evento político-partidário com a participação das comunidades acolhedoras. Desconhece ainda o evento realizado no município de Santana do Ipanema, conforme divulgado pela nota emitida pela Arquidiocese de Maceió.

A instituição aproveita para informar que, seus representantes participaram de um único evento, na segunda-feira (13), envolvendo algumas comunidades acolhedoras. O encontro, organizado pela Associação Alagoana das Comunidades Acolhedoras (AACA), teve por objetivo discutir a implantação de um cronograma de capacitações técnicas para conselheiros acolhedores que atuam nas comunidades.

A Seprev lembra ainda que a participação de seus representantes neste referido evento, realizado na Comunidade Divino Pai Eterno, no município de Feira Grande, se deu a partir de um convite feito pela própria AACA, formada por 22 comunidades acolhedoras espalhadas por todo o estado e que se fizeram presentes no encontro.

A Seprev volta a enfatizar que é a favor de uma abordagem totalmente técnica quanto ao tratamento de dependentes químicos e que defende a isenção política de todas as comunidades e instituições acolhedoras de dependentes químicos, que devem estar totalmente focadas no tratamento e recuperação das pessoas com dependência química.

 

 

Dom Muniz repudia atuação de secretaria controlada por Carimbão
De novo! Biu e Arthur Lira têm mais R$ 10 milhões bloqueados pela Justiça
  • carlos

    Toda nota técnica,para quem sabe escrever é muito fácil é só escrever a atividade fim de uma entidade! o sr.só faltou dizer na nota,que se quer conhece o dep. que por pouco não veste batina! Faz sim politica o Sr. pode ser um técnico competente,porem não quer dizer que foi pelo processo seletivo curricular e sim QI(quem indica).

  • JEu

    Ora, vão tentar enganar outros otários, puxa-sacos…

  • Edson Bezerra

    ..como eu havia dito: olha o cinismo do Carimbão !!!!

  • Rita

    Olá´boa tarde!
    Sr.Dom Muniz desculpe a minha ousadia a qual pedido o Senhor não foi atendido pelo deputado do qual o Senhor reclama. Porque desde que eu me entendo de gente o deputado em questão sempre fez trabalho com as igrejas sempre colaborando com as mesmas e Senhor Dom Muniz nunca reclamou agora vem com essa conversa, por favor!

  • Fernanda Moura Santos

    Boa noite!
    Todos sabem que o Dep. Carimbão, sempre trabalhou com esse segmento, interessante que a maioria das secretarias são indicações de politicos, porque isso tudo com essa secretaria que ajuda tanta gente, principalmente os dependentes químicos e suas famílias. Dom Antônio, como pode a igreja ser contra um trabalho tão humano. Porque isso agora, fico sem entender esses posicionamentos do senhor, infelizmente vejo que o senhor se afasta de todos que fazem um bom trabalho.

  • sandro borges

    por favor sr dom muniz olhe um pouco para traz o quanto o deputado givaldo carimbão fez não só por voçe e sim por todas as comunidades catolicas e religiosas do nosso estado e qual real interesse do sr se não tomar a secretaria fundada pelo deputado carimbão ora mim poupe

  • Anaju

    É uma vergonha o governo do Estado não apurar algo dessa gravidade! Quem está de longe sequer pode imaginar quem é o Deputado Carimbão! Um exemplo de hipocrisia… usurpador dos bens e serviços do Estado para benefício próprio! Quem já trabalhou com ele sabe perfeitamente quem ele é! UM LOBO VESTIDO EM PELE DE CORDEIRO. Acordem desse sono! A publicação do Arcebispo é uma de muitas faces desse deputado que cresceu na política usando sim, o dinheiro do Estado (o que não deixa de ser um crime)… através da igreja sempre procurou comover as pessoas por serviços mal prestados aos dependentes químicos. Um homem que não tem respeito por ninguém! Grosso! Mal educado! Quer aparecer como homem simples do povo para depois intimidar e ameaçar quem possa atravessar seu caminho. O Arcebispo com certeza cansou de ser usado como muitas outras pessoas! O que ele deu para a igreja é muito pouco para o que ele movimenta através das suas alianças interesseira. Acho que o senhor Governador do Estado deveria apurar melhor os acontecimentos pq esse rastro sujo pode respingar a qualquer momento em quem o apoia. Porque para está à frente de uma secretaria de Estado é necessário ter no mínimo um certo respeito a legalidade e as pessoas, coisa que esse Deputado não tem e nunca terá. Pode ter a certeza que o Deus dele é o dinheiro e nada mais. Agora refletir sobre isso é apenas uma questão de bom senso! Pensem!Porquê só não vê, quem não quer.