Hoje, os representantes do Sindicato dos Agentes Penitenciários se reuniram com o secretário Christian Teixeira, do Planejamento e Gestão.

Não houve qualquer avanço na negociação.

Os agentes pedem uma bolsa de R$ 1.500,00/mês, mas o governo reafirmou que não pode pagar. O problema é que não foi apresentada nenhuma proposta alternativa.

Com a chegada do final de semana, a urgência de um entendimento, ainda que provisório, requer a intervenção direta do governador Renan Filho, que vem sendo alertado sobre a crise no sistema prisional.

Com a presença da secretária Nacional de Segurança Pública, Regina Miki, é possível que a negociação encontre um denominador comum.

É melhor para todo mundo.

"Dívida da Casal atingiu R$ 1 bilhão", diz presidente da empresa
TC aprova por unanimidade lista tríplice para escolha de conselheiro
  • divacipolicia

    É urgente a saída dos militares do Sistema Prisional, pois não se enganem! !!! Tudo isso é efeito de uma administração incompetente. Nunca vi nada nesse Estado ter avanço quando dirigido por eles !!!!!

  • JEu

    Talvez a Regina Miki consiga convencer o pessoal lá do planalto a mandar recursos para o Estado atender alguma coisa das reivindicações dos agentes penitenciários, senão, aí a segurança pública vai pagar um “miko”…

  • Llli

    Parabéns! Sensatez é a resposta, quem conhece o sistema prisional pode ver que os agentes penitenciários fazem milagres. Há uma inversão de valor muito grande do governo que paga quase 4000,00 por um preso bem menos de salário para um agente. Senhores acordem a máquina é feroz, funciona a pleno vapor. Há uma verba milionário que está enriquecendo os poderosos. Senhores agentes continuem dentro da legalidade, não façam nada sem segurança. Incendiar ônibus, ameaçar de morte os agentes, causar pavor social é só o começo.

  • Arthur Ferreira de Lima

    A qualquer momento pode ocorrer uma tragédia nos presídios e nas ruas de Alagoas. Os reeducandos se encontram muito agitados e tensos, eles já mandaram o recado para o Governador ontem com os incêndios aos ônibus. Não tenham dúvidas que se não houver visita este final de semana vai ter mortes nos presídios de Alagoas. E aí Governador vai ficar só olhando a tragédia acontecer nos presídios e nas ruas de Alagoas?

  • José Pinto de Luna

    Existem muitas nebulosidades no que diz respeito à gestão do Sistema Penitenciário Alagoano.
    O Governo Renan Filho há de saber explorar a maneira de abrir e conhecer essa Caixa de Pandora…

  • Luís

    Será?Me parece que o governo de Renan segue o mesmo destino dos primeiros 4 anos do governo Teotônio Vilela o discurso é o mesmo Lei de Responsabilidade Fiscal pra lá e pra cá e pelo visto também caminha para 4 anos de congelamento do salário do servidor público.Não vejo a luz no fim desse túnel!

  • Nunes

    Acredito que o SINDAPEN não seja filiado a CUT, porque se não já teria aceito as migalhas abraçadas pelo SINDPOL,ficou algo obscuro por trás dessa negociação, está faltando transparência, entramos com direito ao IPCA ao PCCS garantidos por lei, e saimos só com promessas para o fim de 2015…

  • fred

    RICARDO, POR FAVOR MIM RESPONDA, ELE QUE EU MIM LEMBRE ATÉ HOJE SE ESCONDE DOS SERVIDORES PÚBLICOS, POR QUE?, GOVERNAR É UM ATO DE CORAGEM E DE DECISÃO, POR QUE ESSA OMISSÃO, TEM QUE BOTAR A CARA, E RESOLVER.

  • carlos

    Será,que o governador está confundindo diálogo com discurso?Diálogo é a procura de uma soluçaõ que satisfaça as duas partes.