Só ontem o PSDB protocolou a renúncia de Eduardo Tavares como candidato ao governo do Estado.

O partido, ao ritmo, continua se reunindo para definir um nome para substituí-lo: tem dez dias agora para fazê-lo.

O novo candidato terá como missão mostrar no Guia Eleitoral o que foi feito pelo governador Teotônio Vilela Filho em mais de sete anos no Palácio República dos Palmares.

Será uma propaganda em retrospectiva.

O objetivo é tentar melhorar a imagem de Vilela junto ao eleitorado alagoano, muito desgastada em razão, principalmente, da violência.

Aliás, Renan Filho, seguindo as pesquisas qualitativas, deve explorar ao máximo esse tema – de forte apelo popular.

Biu de Lira também deve fazê-lo, mas sem a mesma ênfase.

Ainda que seja uma condição ideal, espero que surja o debate central e estratégico sobre o futuro de Alagoas: Educação em tempo integral.

Rui Palmeira vai anunciar seu apoio a Biu de Lira
Célia Rocha entra de cabeça na campanha de Ronaldo Lessa em Arapiraca
  • luis eugênio salgado

    Cada vez mais me convenço de 2 coisas; 1) Téo Vilela, junto com Renan Calheiros, enganou o povo de Alagoas com o enredo Eduardo Tavares e, 2) Alagoas é terra de tolos..

  • WAL

    O Galego do Veneno, e o Palhaço Pirulito, não confirmaram suas candidatura ao governo, agora estou sem candidato…

  • mario jorge

    a queda do PSDB começou no proprio partido,o psdb municipal que apoiava marco fireman,não gostou da escolha de eduardo tavares,o governador não comsultou o partido dando uma de ditador isto causou revolta dos militantes do partido que começou a apoiar benedito de lira presidida pela verea dora teresa nelma, que acertou na escolha ate hoje,uma casa dividida a tendencia e cair e caiu o PSDB.

  • Pedro

    VEJAM SO COMO EH A CIDADE QUE OS RENANS DOMINAM HA 30 ANOS, IMAGINA SE O RENAN FILHO FOR GOVERNADOR DO ESTADO!!! VEJAM ESSE LINK PRA VER A REALIDADE DE MURICI: http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/politica-cia/murici-a-cidade-onde-a-familia-de-renan-calheiros-manda-ha-30-anos-e-chafurda-nos-piores-indicadores-sociais-e-economicos/

  • Henrique Moura

    A decisão de ser candidato a algum cargo, primeiro é pessoal, depois precisa do apoio de um partido político. O apoio partidário, a legenda pra se candidatar, ET já tinha, foi declarado publicamente como candidato do governo pelo próprio governador. Ao aceitar devia saber que a responsabilidade por sua candidatura não podia ser transferido pra o governador ou outro qualquer, se havia interesse dele, ele teria de articular meios pra que a campanha fosse a frente. Acho que perdeu uma grande oportunidade de aparecer pra o cenário político estadual, teoricamente seria um bom nome pra compor o corpo político do Estado, independente do resultado. Das alternativas uma, ou foi muito ingênuo e foi enganado ou tudo foi pensado pra ter esse final. Como não há inocentes nesse meio……………

  • jane correia

    Implantar o tempo integral nas escolas mostra o despreparo e que não leva a educação a sério, hoje precisamos é estruturar a educação na jornada normal, para depois pensar em TEMPO INTEGRAL, como implantar o tempo integral se FALTA PROFESSORES, recursos, estrutura para a jornada normal, quem tiver o discurso não entende o que se passa na educação, seja na esfera estadual ou municipal.

  • Augusto Ferreira

    Defender Téo é impossível, seu governo foi o governo da ausência de políticas públicas. Para corrigir, só tem um jeito. Eleger políticos que não fizeram parte do seu governo. Nestas eleições, só Renan Filho pode ser a alternância de poder.

  • Bruna

    Cada dia mais me convenço que o ET fez foi certo!!! Ele quem ia ter que limpar 8 anos de omissão?? Pobre Alagoas..

  • REGINALDO

    NINGUÉM QUER EDUCAR NINGUÉM EM ALAGOAS. ESSES POLITIQUEIROS PRECISAM DOS ELEITORES ANALFABETOS, PARA CONTINUAREM COMPRANDO VOTOS POR 20 E 50 REAIS COMO OCORREM NOS ANOS DE ELEIÇÃO. SE O POVO FOR EDUCADO E CIVILIZADO, JAMAIS COMPRARAM VOTOS DESSES MAUS POLÍTICOS. MEU SECRETÁRIO DOMÉSTICO ME FALOU NO DIA DE HOJE, QUE UM DETERMINADO CANDIDATO A DEPUTADO FEDERAL E ESTADUAL ESTÁ OFERECENDO NA REGIÃO DO DIQUE ESTRADA, 30 REAIS POR VOTO, MAS OS ELEITORES SABIDOS E VIVOS ESTÃO ACHANDO POUCO, SÓ QUEREM DE 50 EM DIANTE. SALVEMOS ALAGOAS DESSES MAUS POLÍTICOS.

  • Luiz Alfredo

    Renan Filho, vai explorar tema “violência” ? Como se o painho dele foi um dos principais fomentadores do Estatuto do Desarmamento que dobrou a violência e ainda só deixou os bandidos armados!
    Olhem que foram mostrados estudos e exemplos de outros países onde foi implantado o desarmamento civil e eles sabiam que iria explodir a violência.

  • ana

    por que vocês não falam do escândalo que esta ocorrendo na secretária da mulher, da cidadania e dos direitos humanos?? foi vendida pelo governador teo ao canditado jorge IV, que exonerou todos e colocou toda sua familia, é só checar no diário só da lamenha lins….inclusive dois superintendentes… é um absurdo!!!!!!

  • paulino lopes

    Murici é o futuro retrato de Alagoas! Querem botar a culpa da segurança, que não presta, só para o Téo. E os Senadores, deputado Federais, Ex. Governadores. Acham que os alagoanos são idiotas. Se tivesse êxito no combate a segurança, todos eles estavam esbravejando que eram os responsáveis.

  • roose

    Todo político demagogo adora usar o período de propaganda eleitoral, para criticar e prometer melhoras no que diz respeito a segurança, educação e saúde, como se o cidadão eleitor fosse ingenuo e acreditar nessas promessas. Para mim o Brasil encontra – se acometido de câncer maligno cujo nome chama-se PMDB.