É fundamental que algumas questões sobre o escândalo da Assembleia sejam esclarecidas.

O deputado Judson Cabral, por exemplo, não devolveu à Mesa Diretora os recursos da antiga GAP e da GDE por uma razão muito simples: ninguém do gabinete dele recebeu essas gratificações.

E nesse caso ele é, sim, o único parlamentar que pode afirmar isso.

Tomo a iniciativa de afirmar isso até porque, desde que começou a se debater a possível ilegalidade dos mimos, indaguei do parlamentar o que ele havia feito com a grana a mais.

A resposta foi clara: “Ninguém no meu gabinete recebe esse tipo de pagamento”.

Tem como provar?

“Já estou com a declaração por escrito da direção da Assembleia confirmando o que sempre afirmei”.

E tem mais: Cabral fez questão de tornar oficial todas as prestações de contas do seu gabinete.

O jovem deputado JHC tem o mérito inegável de expor as vísceras da Casa de Tavares Bastos ao encaminhar a farta documentação que recebeu da Caixa Econômica Federal ao MP Estadual.

Mas não se pode negar ao petista o permanente combate  às irregularidades na Assembleia Legislativa (é lembrar do caso dos taturanas).

MCCE

Também o MCCE teve papel fundamental nas denúncias que tomaram a mídia nacional.

Ainda em dezembro de 2011, a direção do movimento encaminhou ofício ao MP Estadual apontando a existência de possíveis fantasmas na folha da Assembleia.

Congresso em Foco: a bancada de Alagoas, inquéritos e ações penais
Renan é lançado ao governo mas teme prejuízos com "precipitação"
  • jeconias justino

    Ricardo, ninguém da equipe do deputado Judson não recebeu a tal verba, mas por que ele não denunciou? Porque se a equipe dele não recebeu é porque ele achou a verba irregular. Será por que ele sabia que de nada iria adiantar fazer denúncia, por já ter visto que a operação Taturana não deu em nada? A impunidade vai prevalecer nessa também, e no final todos os deputados vão sair ganhando, quem denunciou e quem foi denunciado. Sabe quem vai perder novamente? O povo sofrido de Alagoas.

  • Vera Freire

    O deputado não precisa sujar suas mãos com a falta de honestidade até porque é um politico que joga sério com o povo que tanto acredita nele.

  • Jose Lenoil Duarte

    FICO FELIZ, COM ESSE SEU COMENTARIO, TRATANDO-SE DE JUDSON, UMA DA RESERVAS MORAIS DA ASSEMBLEIA,FICA ESCLARECIDO QUE O MESMO JAMAIS RECEBEU TAIS VERBAS IMORAIS, QUE SEJA DIVULGADO ISSO NA TV “PONTO CRITICO”, JHC PODERIA TER FEITO ISSO EM REDE NACIONAL.

  • Paulo Rostner de Olivença

    Caro Ricardo Mota, comungo da sua iniciativa de expor os atos coerentes do deputado Judson Cabral, mas seria ele, e apenas ele, o único parlamentar a não receber as tais gratificações? – e por quê? – e quanto ao jovem deputado JHC que coube o “mérito inegável de expor as vísceras da Casa de Tavares Bastos”, foi privilegiado ou não?
    O que assisti, ontem à noite, no programa “fantástico” da rede Globo, para mim, foi mais uma ação orquestrada para encobrir um rombo que até a imprensa já esqueceu: R$ 300 milhões desviados pelos nobres deputados que agora são todos beneficiados pelas gratificações.
    Não há “câncer” na Assembleia Legislativa de Alagoas, apenas alguns “deputados” larápios, pois o verdadeiro “câncer” está no Poder Judiciário desse país e que ainda não foi devidamente diagnosticado.
    REFORMA DO JUDICIÁRIO JÁ!

  • Ismar Macário

    Realmente Ricardo se faz necessário este relato, pois Judson Cabral fez este relato em uma plenária do CREA/AL e justificou não ser ele o autor das denúncias por desconhecer o mecanismo de concessão destas gratificações, já que desde o início se recusou receber. É sempre importante estes esclarecimentos para mostrar a sociedade que ainda existem políticos que cumprem com suas funções parlamentares de forma digna e correta! Forte abraço.

  • thiago wanderley

    O Judson ja teve oportunidade de denuciar e de fazer o que o JHC fez, o menino em seu primeiro mandato ja mostra que é competente, judson ta correndo atras do prejuizo e fica tentando tirar proveito desse escandalo que foi desmascarado por JHC, caro judson deixe os meritos pro garoto, voce teve sua chance….o famoso voto espontaneo que antes só tinha voce como opçao agora tem o menino tambem e vai lhe tirar alguns votos…

  • Pedro Porfírio

    Uma coisa eu não entendo, aqui ou em outro canal de comunicação, quando o assunto é o PT, vem logo um monte de comentários, é petralha prá, mensalão prá cá, corruPTos prá acolá. No entanto , esse é o Estado com os piores índices sociais e que tem mais corrupção que os demais, taí a Assembléia Legislativa e as Prefeituras cheinha de ladrões, no entanto a classe média que navega na internet, só vive a bajular e falar mal do PT, lavem as bocas, inúteis.egislativa e as

  • Williams Roger-Filiado

    Pois é Ricardo, nobre reconhecimento de sua parte fazer justiça para com quem luta tanto por nós, ariscando até a vida em combater a corrupção que assola a nossa Assembléia legislativa, com raríssimas exceções, diga-se de passagem. Não é nada fácil, praticamente só era o deputado Judson que, continua cobrando, fiscalizando e propondo leis em prol da população. A exemplo disso tem-se a fiscalização feita na própria assembléia de um projeto não, aberração que o executivo (governo Téo Vilela); encaminhou para a assembléia que diz respeito a -doação- de terrenos para -novas- empresas se -instalarem- CONTUDO, SEM DIZER QUAL A EMPRESA, SOBRE QUAL LINHA DE PRODUÇÃO, SEM NORMA NENHUMA. E MAIS GRAVE, AINDA PASSA PELA COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO DE JUSTIÇA DA PRÓPRIA ASSEMBLÉIA, É MUITO GRAVE, É UMA CARTA EM BRANCO PARA O GOVERNADOR USAR O TERRENO DA FORMA QUE BEM ENTENDER! OU SEJA, É UM PROJETO INCONSTITUCIONAL, POIS VAI DE ENCONTRO AOS PRINCÍPIOS DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E DA PRÓPRIA CONSTITUIÇÃO. Ele, o deputado Judson, foi o único a denunciar, pedindo vistas para poder contestar e impugnar tal projeto aberratório.

    Parabéns a imprensa, pois se não fosse por ela, a população não teria a informação como arma contra a corrupção, e aos deputados de coragem: Judson e JHC. Precisamos de líderes políticos da estirpe desses homens públicos na majoritária, o povo alagoano já não aguenta mais tanta corrupção, e em detrimento disso, o povo e o nosso Estado se distancia do progresso e do bem estar social.

  • CORINTHO CAMPELO

    Porque o MP não faz um levantamento em TODOS OS ÓRGÃOS PÚBLICOS para verificar quem entrou na folha de pagamento sem CONCURSO PÚBLICO depois de 05/10/2003 e entra na Justiça para retirar TODOS entraram e estão ilegalmente no serviço público? Assim teríamos uma atitude correta e justa não livrando ninguém do apadrinhamento e privilégio. O resto é jogar para a plateia. O Brasil precisa de medidas sérias.

  • Klecia Oliveira

    Pinto de Luna em com um pé fora do PT

    Enquanto a atenção está voltada para o escândalo da Assembléia, um fato importante passa batido nos bastidores políticos: Pinto de Luna, primeiro suplente de deputado federal pelo PT, estaria com um pé no PMDB. O padrinho é o cardiologista José Wanderley. Descontente por ter sido abandonado pelos petistas alagoanos, Luna foi sondado, semana passada, por Wanderley, com as bênçãos de Renan. Mas a coisa não para por aí. Antes, mas na mesma semana, o ex-superintendente da PF em Alagoas foi procurado por Benedito de Lira, que quer arrastá-lo para o PP. Assim que soube da possível defecção do “caçador de taturanas”, Adelmo dos Santos montou um esquema para convencer Luna a não abandonar o barco.
    A semana promete.

  • PT SAUDAÇÕES

    Mestre,

    Infelizmente estou desiludido com o Judson, em quem votei até a última eleição.

    Acontece que ele, com tantos mandatos, convivendo diariamente com aquela bandalheira da sua Assembléia, ignorava tanta imoralidade ?

    Se proibiu q seus assessores recebessem era porque não achava correto, logo, CADÊ A DENÚNCIA ?

    Caladinho fficou até quando JHC botou a bôca no trombone, aí passou a querer fazer média em cima da carniça.

    Tal qual o guru e grande “rei Lulla”, com certeza não sabia de nada, seguindo bem o “professor”.

    Omissão, às vezes, é pecado maior que Ação.

    Ex eleitor de Judson, e muito decepcionado.

  • Sejamos justos!!!

    Concordo plenamente!

    Só não compreendo, o porquê dessa bandalheira não ser anunciada, confrontando os valores desviados com os indicadores sociais do Estado.

    Até nisso: nossa “malha rodoviária” é muito pequena, porém estamos entre as cinco mais perigosas para assalto.

    Enquanto isso, na Assembleia, o Presidente falou ao Fantástico sobre esse desvio de recursos com tanta naturalidade, que acho que envergonhou até seus parentes.

  • Marcio Falcão

    Judson já votei bastante nele, mas ele anda calado d+ pra meu gosto!
    Com a experiência que tem deve se pronunciar sempre e chamar os Olofotes pra cima com fez JHC mesmo que não vá dar em nada, Judson tá perdendo as energias e votos!

  • Gregório de Matos

    Concordo como internauta THIAGO WANDERLEY em gênero, número e grau. Na verdade o dep. Judson é um do tipo: nem é carne, nem é peixe. Passou esse tempo todo – alguns mandatos já – dando uma de bom moço, pois, se não sabia das safadezas e irregularidades da casa que ele habita, por que o menino JHC em seu primeiro mandato soube. Acho que faltou-lhe CORAGEM pois optou por ficar navegando na maionese; opção mais cômoda para ele. JHC o meu voto JÁ É SEU.

  • ROGERIO BARBOZA

    Caro Jornalista,
    O desempenho do Deputado Judson em seu mandato é digno de reprovação. Cala, omite-se e depois tenta passar uma imagem de atuante , defensor da ordem e da moral, sinto muito, sinceramente, em publicitar minha decepção com o referido parlamentar. A sua postura é digna dos omissos. Tavez ainda por isso continue no seio desta “entidade” chamada PT.(de triste fim, diga-se de passagem). A história não pode ser condecendentete com os omissos, tampouco a imprensa.

  • bebeto

    RICARDO PORQUE A POLICIA PRENDEU HOJE EM MACEIO , ESSA QUADRILHA QUE VEM ASSALTANDO RESIDENCIAS, E NÃO FOI VISITAR A CASA DO POVO , POIS LA EXISTEM BANDIDOS MAIORES DO QUE ESSES, SÃO AQUELES QUE DESVIAM DINHEIRO PUBLICO , SAUDE , EDUCAÇÃO, SAUDE E MUITO MAIS.

  • Rosita Cardoso Silva

    O Judson é um cisco no olho do PT.

  • Pedro

    Só lembrando, o SINDPOL protocolou uma denúncia no MP/AL, questionando os repasses do Governo para a Assembleia, sabe o que o Procurador falou que estava tudo dentro da legalidade, esperar que essas denuncias dê em alguma coisa é esperar sentado. Quanto ao Dep. Judson, não entendo porque não procurou a justiça para ter acesso as contas da Assembleia.

  • Rocha

    Enquanto isso os monitores do CRM RECEBEM 644,00 REAIS!

  • inez

    Qt ingenuidade dos comentarista realmente não entendem de politica,ha verba dos partidos,auxilio paleto e vários beneficios que tem que ser pago aos assessores é tudo hipocrisia,todos recebem todos desfrutam das vantagens e o povo sofrendo sem informção,medicamentos e balançandoa cabeça pra mentiras absurdas.

  • A.S.Marques

    Concordo em gênero ,número e grau com o internauta “PT SAUDAÇÕES” infelizmente é verdade a omissão em certos momentos é pior que a ação, se ao menos o Judson tivesse “ESPERNIADO” no início, mas não, se calou e esperou o que de fato iria acontecer e outra coisa há quantos mandatos o Judson está na ALE e ele não poderia ter feito isso?MAIS NÃO, precisou vir um “marinheiro” de primeiro mandato para jogar tudo no ventilador….Sem sombra de dúvida é honesto até prova em contrário PORÉM no Brasil de hoje NÃO HÁ ESPAÇO PARA OMISSOS E NEM LADRÕES..

  • Tenório

    Pois é, meu caro jornalista, todas as vezes que agis por afinidades parece-me que erras. O que sempre me impediu de votar no Judson foi o PT. Que bom que agora vai ser o JHC.

  • Paulo Marcos

    Ricardo mota por favor nao fique calado com esse spescandalo da assembleia, isso que saiu no fantastico é pinto pro que voce sabe que existe.
    Voce é nossa reserva moral, por favor se posicione.
    A conversa na rua é que cada deputado mesa ganha 400 mil por mes nesses esquemas de fantasmas.

  • Hilton Galvão

    O Judson já deveria ter saído do PT há muito tempo; desde o início (?) do mensalão petista. Agora é candidato a presidente do partido em Alagoas, mas a turma do estado não vai deixá-lo ganhar. Ele tem que se conscientizar de que os votos que recebe nas eleiçoes que participa são de pessoas que o fazem pela pessoa que ele é; com certeza a maioria não é petista, muito ao contrário, é anti.

  • carlos

    O que está se tornando questionável é atuação em relação o tempo e a experiência que Judson Cabra,diante destes fatos nada que supreende a sociedade que é repassados cerca de 5 milões há mais do que necessário em nome da governabilidade!Para ser repartido de maneira fraudulenta e só o jovém parlamentar em seu primeiro mandato conseguiu tornar público através de documento o que todos já sabia e não tinha como provar!Judson Cabral,esta passando uma imagem acanhada diante de fatos tão novivos para educação,saúde,segurança! Onde a secretário da Fazenda joga de maneira desumana mostrando os numeros duvidoso da economia Alagoana negando qualquer tipo de reposição salárial para os servidores públicos e deixando os cobres escancarados para Assembleia Legislativa em nome da famigerada governabilidade!

  • Marcelinho Gomes

    Acho que muitos não entenderam o que o Ricardo disse ou fingem não entender. Judson fez todas essas denúncias já no primeiro mandado, quando o nome da gratificação não era GDE, era GAPE. Por que as denúncias não tiveram a mesma repercussão que hoje? Foi no meio da Taturana e não havia uma apelo forte para a questão política como hoje, após os protestos de rua. Então dizer que Judson se omitiu é muito errado. Ele denunciou. Façam o seguinte: procurem saber quem foi o procurador de justiça responsável pelo caso na época quando o Judson apontou indícios de fraude na folha da ALE e qual foi a providência tomada por ele! Agora, DETALHES DO ESQUEMA da GDE só tinha quem recebeu. Onde há omissão nisso? No mandato anterior, 26 deputados receberam, um não (Judson). Neste mandato, 26 deputados receberam, um não (Judson). Até agora somente dois deputados, nos últimos 8 anos, recorreram ao MP sobre problemas na folha da ALE, Judson e JHC. Então, a pergunta é: se Judson, em todas as entrevistas e no plenário apoia e elogia as iniciativas de JHC, por que JHC, sabedor que é da verdade sobre a folha, quando indagado sobre o assunto, não isentou Judson? É correto agir assim? Quem está querendo se sobrepor a quem? Os dois têm o mérito, porque foram os únicos que denunciaram, em tempos diferentes. No entanto, só um nunca sujou as mãos com a irregularidade. Simples assim.

  • Selminha

    Omisso? como chamar de omisso o deputado que mais critica o governo, apresenta os fatos errados em todas as areas, defende os educadores e todas as causas sérias da população? omisso quem mais denunciou – com responsabilidade – todos os problemas da assembleia desde o primeiro mandado, inclusive durante a operação taturana, e que chegou a levar a mesma denuncia do jhc para o MP, so que nao deu em nada. omissso porque uma denuncia teve mais repercussão que a outra? e é assim é? vamos ver quem foi o procurador que recebeu a outra denuncia feita por judson e o que foi que este promotor fez e porque fez. não é mais justo assim? alem disso, quer atitude maior de denuncia do que a renuncia à ilegalidade? é melhor do que receber e depois ficar pedindo empréstimo pra devolver o que recebeu porque precisa se justificar perante a opinião pública! acordem.

  • Paulo Rostner de Olivença

    Caros internautas e jornalista Ricardo Mota, enganam-se aqueles que acreditam que apontar os holofotes da imprensa para a Assembleia surtirá algum efeito positivo.
    A sujeira embaixo dos tapetes da Casa de Tavares Bastos é muito maior do que possa imaginar a nossa vã filosofia.
    Por que o processo contra os taturanas continua na gaveta do STF? – por que os inocentes ainda acreditam que o nobre deputado Judson Cabral iria se transformar num Dom Quixote como fez o deputado JHC?
    Vocês acham que quem está mamando quer perder a direção das tetas.Esta denúncia do deputado JHC surgiu por algum motivo ainda não bem explicado!
    Cabe ao jornalismo investigativo buscar a verdade dos fatos.
    Sugiro ao jornalista divulgar o que de fato o MP-AL apurou até agora.

  • MANOEL BRAGA NETO

    so o judson, veja bem cade o Ronaldo medeiros,jeferson morais

  • jacira

    Como corrupção puxa corrupção, tornando-se uma única cadeia, e você tem feito o bom combate, como cidadã traipuense aguardo ansiosa a sua palavra em defesa da nossa comunidade já que estamos vivenciando o caos político, ao trocar seis por meia dúzia. Fale alguma coisa. Obrigado pela atenção.

  • Alagoano Consciente

    Judson, meu filho, SAIA DO PT pelo amor de Deus! Você merece mais do que isso e você perde muitos votos por fazer parte desta sigla que desiludiu milhares de pessoas em todo Brasil. Procure alguma outra alternativa, ainda que seja um partido de menor expressão.

  • Leonardo

    Caro jornalista Ricardo Mota, só ´para esclarecer a verdade gostaria de lhe informar que não é apenas o deputado Judson Cabral que não recebe a GDE, o deputado Antonio Albuquerque também não recebe esta verba, bem como também não recebe a verba de gabinete, isso desde 2007. Portanto gostaria que para esclarecer os fatos, você retificasse o seu comentário e divulgasse este fato.

  • Gildelson Sampaio

    Meu caro conterrâneo, O Colega Judson Cabral Engenheiro Civil, somos velhos conhecidos, e sempre tivemos por ele elevada estima, as suas posições são incostestáveis desde suas lutas universitárias, e classistas, COERENTE, OBJETIVO E DE RESULTADO, INSUSPEITO, as denúncias tem sido feitas permanentemente, mas em Alagoas cada momento e um niovo momento, mudanças nos quadros legislativos, mudança na Chefia da Promotoria pÚblica, Sérgio Jucá, Advogado, Promotor de primeirissima linha INTRANSIGENTE COM A ILEGALIDADE, DEFENSOR DO CUMPRIMENTO DO DIREITO E DA LEI, ABNEGADO, ASSAZ, DECIDIDO, é um outro momento o DEPUTADO JHC teve seu “mandato cassado por essa turma da Assembléia de forma tecnicamente ilegal”, aí está o troco. É um jovem com uma visão do mimento atual de alagoas e não quis deixar barato para os esperto que lhe pucharam o tapete, ele retorna por cima e vai por os bandidos na cadeia. É apenas isto, por enquanto, o futuro político deste menino é alvissareiro e alagoas muito lhe deverá pela sua ousadia e coragem. Tenho dito.

  • carlos

    Judson Cabral está sendo injusto com sua atuação em relação estes escândalos rotineiro da Assembleia Legislativa!Concordo com o comentário nem é carne,nem é peixe!!

  • Tiago

    MARCELINHO GOMES, meus PARABÉNS pelo seu comentário!! Perfeito!!!
    Me enoja alguns comentários infelizes que leio aqui!!
    Aí então entendo o por que desse quadro político do nosso Estado.
    JUDSON CABRAL nunca se calou! Quem se cala é o povo, que não da a atenção e o apoio às denuncias feitas por ele.
    Aí, quando estoura uma bomba – já acesa varias vezes por Cabral – vem querer criticar o único que ainda se mantem limpo e atuante. Existem novos bons políticos? Existem! Rui, JHC… mas JUDSON CABRAL já está a mais de 15 anos na política sem uma mancha se quer, e com a mesma conduta de sempre!
    Por favor pessoal, vamos refletir!!!!!!!!!!!!!