Desde ontem o Centro de Processamento de Dados –  CPD – do Grupo João Lyra está em greve.

O setor atende a todas as empresas do grupo, mas o atraso dos salários – que já chegaria a cinco meses – levou os funcionários a cruzarem os braços.

Há uma expectativa de hoje possa acontecer um entendimento entre direção e trabalhadores, mas a crise parece se aprofundar.

Expectativa

Uma boa notícia: uma das unidades do grupo, em Minas Gerais, voltou a operar, depois de também enfrentar dificuldades com trabalhadores e fornecedores.

Quanto aos entendimentos com o empresário Bob Lyra, a notícia que corre no Grupo JL é de que até a próxima terça-feira aconteça alguma definição.

O quê? Pois é, o quê?

"PCC decidiu migração do crack para cocaína em Maceió"
BPTran multa vereadores e abre crise com a Câmara
  • Anônimo
  • Eduarda castro

    Essa é a situação do grupo. Se não tiver um salvador, no caso, o Bob Lyra, o caos será geral, todos sairão sofrendo. mas não tem como um pai de família esperar cinco meses pelos seus salários, enquanto o JL continua andando de jatinho e sua dispensa cheia.Os de O jornal que foram demitidos esperam até hoje, receber o que é devido. Só Jesus.

  • José Oliveira Silva

    O pessoal do TI tá a mais de 3 meses sem contar o 13º que só viram metade. E até esse momento não tomaram nenhuma atitude sobre o pagamento desses funcionários.

  • Funcionário

    Mostramos nossos extratos bancários, provando que recebemos até Janeiro, e parte e fevereiro. Sendo que era para estamos recebendo maio agora.

  • igor ricardo

    Gente boa de alagoas aqui em minas só estamos recebendo salarios porq as duas usinas estão moendo quando chegar o mês de setembro outubro que a safra aqui acabar nos vamos passar o mesmo q vcs estão passando 5 a 6 mêses sem salarios.

  • Marco André Rego Souto

    O CPD do Grupo João Lyra não parou por greve não. O link da internet é que foi cortado.

  • GRUPO AÉCIO/DILMA/EDUARDO CAMPOS?

    Desta Feita o GRUPO DILMA ROUSSEFF X AÉCIO NEVES X EDUARDO CAMPOS, possíveis e potenciais candidatos a presidência do BRASIL. Como eles, também sabedores, do maior problema do nosso BRASIL, e depois de tanto comentar de maneira incisiva e sistemática sobre a FAMIGERADA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL e mais uma vez como eles, são sabedores de que ITAMAR FRANCO deixou uma DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL em 1994 de apenas R$ 60 bilhões e entre 1995 a 2013 de forma absurda FHC + LULA + DILMA pagaram, torraram com a referida, mais de R$ 9,2 TRILHÕES via Ministério da Fazenda a títulos de AMORTIZAÇÕES, REFINANCIAMENTOS, JUROS e ENCARGOS nos Códigos Orçamentários nº(s) 25.000, 71.000, 74.000 e 75.000 e ainda se deve R$ 3 TRILHÕES em títulos no poder do Público, do Banco Central e da DEL – Dívida Externa Líquida, é factível dizer diante dos numeroa aqui apresentados que no mnnimo tomaram mais de R$ 5 TRILHÕES em EMPRÉSTIMOS, valor mais do que suficientes se bem aplicados, para resolver todos os problemas da CIDADANIA, entre eles: EDUCAÇÃO, SAÚDE, SEGURANÇA, INFRAESTRUTURA, EMPRWEGO & RENDA. E mais outra vez como eles e sabedores de que são omissos, surdos e mudos com relação a FAMIGERADA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL, fica as BRASILEIRAS, BRASILEIROS, IDOSOS e JOVENS, perguntar, cobrar aos possíveis candidatos AÉCIO NEVES, EDUARDO CAMPOS E DILMA ROUSSEFF:
    1-A Dívida Pública Federal já foi PAGA?
    2-Onde foi parar os EMPRÉSTIMOS de cerca ou até mais de R$ 5 TRILHÕES, fase a quem devia R$ 60 bilhões, foi pago R$ 9,2 TRILHÕES, se deve ainda R$ 3 TRILHÕES, é porque tomaram ++++ de R$ 5 trilhões!!!
    3-Diante do ABSURDO é necessário AUDITORIA na FAMIGERADA DÍVIDA PÚBLICA FEDERAL?
    O resto fica com vocês BRASILEIRAS, BRASILEIROS, IDOSOS, JOVENS, portadores de cérebros sem pensar NACIONALISTA, que se deve cobrar dos três possíveis candidatos, cada posicionamento para definir o que é melhor para o BRASIL com amor a PÁTRIA, FAMILÍA, FILHOS e NETOS.
    Como eles e sabedores de que não acompanhar os meus passos, quanto mais o raciocínio, “intér a voRRta com o fim do esforço repetitivo mãos zeradas.
    P/Arabutan.

  • Funcionario

    Caro Ricardo Mota o engracado é q a Procuradoria do Trabalho nao faz nada.
    Tem um advogado arrogante la q diz q conhece todo mundo da justica e q resolve tudo com a amizade que tem.
    É bom q todos parem e so voltem com dinheiro na conta.

  • Marcio medeiros da silva

    Kd a justiça q só tem pra pobre,vegonha para o pais,os politico honesto,tire esse ditado do poder.

  • jonas antonio de freitas

    Quando é que é o todo poderoso João Lyra vai jogar a toalha?…

  • João Santos

    Sr. Ricardo.

    Exalto a posição dos funcionários do CPD do Grupo João Lyra, alguém precisava fazer algo em nome do escritório central. Todos os outros setores não aderiram por pura falta de coragem, até entendo, cada caso é um caso. A diretoria mostra-se totalmente apática quanto a situação, não fazem nada, e os poucos recursos que entram são minados para o uso pessoal do presidente do grupo. Toda empresa, penso eu, que tem o mínimo de responsabilidade e mesmo sem recursos deveria estabelecer um cronograma de pagamento dos salários, porém, o que se vê é uma apatia de todos e nenhuma satisfação é dada, toda semana dizem: Na próxima semana sai salário e nada acontece, esse dilema acontece semana após semana e se quer um E-Mail é enviado aos funcionários que estão trabalhando. Vem aí a próxima semana e ainda digo, João Lyra não assina acordo algum e ainda tenho dúvidas acerca de decisões da justiça de nosso estado. Infelizmente as coisas tendem a piorar.

    Ps. Isso não é pessimismo são pensamentos baseados em fatos vistos e testemunhados por todos.

  • ubirajarafvieira

    A expectativa é que tudo se resolva da melhor maneira possível.

  • Luiz

    Caro Ricardo Mota,

    Venho acompanhando, não é de hoje, a situação vivida pelo grupo JL,presenciei por inúmeras vezes o desespero de inúmeros pais de família implorando por seus salários para alimentar com dignidade seus familiares, visto que, os mesmos prestaram seus serviços e seu suor para este grupo, em especial a usina Laginha, onde o detentor maior O Sr. João José Pereira de Lyra, mencionava em seus inverídicos discursos, seja na campanha ou mesmo na missa natalina, que se sentia fortificado a medida que sempre estava na sua usina matriz, mencionando que nunca abandonaria e não deixaria o povo desta usina e região sofrer já que era um empresário honroso e destemido. Não deixo de dar mérito a este empresário pela construção do patrimônio, porém fico enojado com o sentimento de orgulho e prepotência desta pessoa, que não vê o que vem acontecendo a mais de um ano com milhares de famílias dos seus funcionários. Rogo sempre por eles, para que tenha paciência e fé, e que em breve, muito breve, tenham uma solução que traga novamente a vontade destes em continuar prestando o mesmo serviço com entusiasmo e alegria. O que realmente está faltando é a tinta na caneta de João Lyra para realmente assinar o acordo com o Bob, e o mesmo pensar na sua velhice, antes que leve tudo para o buraco negro e os funcionários sofram mais ainda com sua atitude.

  • maria vierira

    lamento pelo o que estão passando. Mas valeu apenas votar no empresário para manter o emprego? Será que o voto é uma moeda de troca? Vamos refletir sobre isto, em 2014 tem outra eleição se cuidem!!!
    Que a solução do grave problema que estão passando seja breve!!!!

  • Nildo

    Pessoal Já Chega de tanta conversa e bla bla bla é hora de partir pra cima.

  • Jessica Nicole de Andrade

    Minha gente chega de tantas promessas, o que nós queremos agora é resultados!!!!!!

  • Sandro da Silva

    Jornalista Ricardo Mota o senhor tem alguma Informacao se ouvi Reuniao do sr. Bob Lyra e do sr. Joao Lyra?? Estamos sem saber de nada.

  • Sem salário

    Alguém tem alguma novidade sobe o acordo, em virtude que hoje grande parte dos funcionários que gozaram 70 dias de férias foram demitidos! Restando em média no máximo 100 funcionários por unidade no nordeste, número este que ainda pode ser reduzido segundo boatos. sem contar que ainda falta metade do 13º salário e 5 meses de salários atrasados.