O governador Teotonio Vilela está se reunindo com jornalistas e dirigentes dos veículos de Comunicação para falar sobre o Plano Nacional de Segurança Pública, aliás, rebatizado como Brasil Mais Seguro – Alagoas. 

A nova denominação foi definida em reunião, sábado, com a presidenta Dilma Roussef e o Ministério da Justiça. 

Vilela quer que a mídia trabalhe para ajudar a desarmas os “espíritos” – no que ele está prenhe de razão. 

O plano, como bem observou, não é de nenhum governo, mas todas as instituições envolvidas, o que inclui Judiciário, Ministério Público, Defensoria e entidades da sociedade civil.

Vilela muda comandos da PM e da Polícia Civil
MP de Contas quer barrar aumento dos deputados
  • Tony PM

    SÓ DÁ CERTO SE COLOCAR GESTORES QUE TENHA REALMENTE COMPROMISSO COM A SERIEDADE EM VEZ DE POLITICOS COLOCAR TÉCNICOS COM CONHECIMENTOS DE CAUSAS E VONTADE DE SOLUCIONAR OS PROBLENAS QUE SÃO MUITOS. A SOCIEDADE TEM QUE AJUDAR A IMPRENSA E O POVO EM GERAL É UNIR TODOS NUM SÓ OBJETIVO, SOBRE A FISCALIZAÇÃO DAS FORÇAS ARMADAS FEDERAL.

  • fred

    O NOSSO GOVERNADOR VEM MAIS UMA MOSTRA QUE A NOSSA IMPRENSA TEM SEU VALOR, E ELE(TEO) DEVERIA SIM VALORIZAR OS POLICIAIS, O QUE NÃO ACONTECE, É LAMENTAVEL, POIS POLICIAIS BEM REMUNERADO O TEBALHO EVOLUI. É SO TEO IMPLANTAR A PRODUTIVIDADE(POLITICA DE RESULTADO), POIS COM ESSES SALARIOS AS ESPERANÇAS SÃO BEM REMOTAS.

  • fred

    SEGURANÇA TEM QUE SER DADA PELO GOVERNO E TAMBÉM EDUCAÇÃO E SAÚDE. O QUE SE LUTA É PARA DIMINUIR OS ALTOS ÍNDICES DE HOMICIDIOS, E SÓ PODERA ACONTECER COM UMA INJEÇÃO FINANCEIRA, NOS SALARIOS DOS POLICIAS. RICARDO, QUANDO SE FALAR EM SEGURANÇA AQUI É: – ARMAS, COLETE, VIATURA E AGORA A FAMOSA MALETA DA CSI. VAMOS INVESTIR PRIMEIRO NO SER HUMANO, POIS SE ISTO NÃO ACONTECER OS RESULTADOS NÃO SERAM OS ESPERADOS.

  • MARCIO VINICIUS

    Como grande parte dos dirigentes e da imprensa pertencem a pol[iticos com seus interesses isso sera facilmente resolvido e as verdades camufladas, claro havera execoes.

  • Alagoano

    Fred, não é dinheiro que vai fazer o mal policial ser um bom policial, tem muita gente na policia como em outras instituição que pelo fato de ter instabilidade não está nem aí para com suas obrigações. Quanto você acha que ganha esse pessoal que trabalha em empresa de segurança? quanto você acha que ganha um motorista de ônibus? será que um polial quer trocar o emprego que tem no estado por um em uma empresa privada? Porque os politicos roubam tanto? se tem um bom salário?

    A violencia no Brasil está generalizada, agora vamos torcer e ajudar no que estiver ao nosso alcance para que esse plano der certo. Vamos esquecer a politica e agir como cidadão. Muitos politicos que estão na oposição ao governador está torcendo para que o plano não der certo, que é para na hora das campanhas falarem bobagem e enganar a vocês.

  • observador

    O PROBLEMA É QUE O TÉO DEIXOU DE INVESTIR NO PROFISSIONAL DE SEGURANÇA, CRIANDO VANTANGENS QUE MOTIVASSEM OS MESMOS IREM AS RUAS OU VOLTAREM AS DELEGACIAS. SE TIVESSE DADO HORAS EXTRAS, ADICIONAL NOTURNO E OUTRAS VANTAGENS, TALVEZ NÃO ESTIVESSEMOS NESTA PINDAÍBA. DELEGACIAS SEM POLICIAIS E AS RUAS DESPATRULHADAS. O POVO ESTÁ CANSADO DA SENSAÇÃO DE INSEGURANÇA VIGENTE. SE VAI NAS DELEGACIAS NÃO HÁ ATENDIMENTO. SE VAI A CENTRAL QUE FICAR MAIS PARA MARECHAL, TBM LEVA MAÇADA E TEM UM PESSIMO SERVIÇO PRESTADO. SE SE SOCORRE DO I90, PELO AMOR DE DEUS, SÓ SE MATAR O LADRÃO, AÍ, APARECEM POLICIAIS PARA MATAR O CIDADÃO QUE LUTA PARA SOBREVIVER.A GUARDA NACIONAL É BEMVINDA. PORÉM, SE PAGASSEM VANTAGENS PARA NOS POLICIAIS COMO ELES DA GUARDA TEM, COM CERTEZA, DOBRARIA-SE O EFETIVO DE POLICIAIS NAS RUAS E DELEGACIAS. ACORDA TÉO.

  • D’antanho

    Vivemos atualmente num estado democrático e de direito.SIC.Consequentemente esquecemos nossos deveres.É HUMANO.Só direitos humanos!A HIPOCRISIA,depois da CORRUPÇÃO,é a instituição mais forte!!!As IDEOLOGIAS?

  • Santanense

    Prezado Ricardo como todos sabemos a PM está desistimulada e como já não bastasse na madrugada de sexta pra sábado policiais do 7º BPM, investigaram os esconderijos do foragido da justiça de São Paulo e conseguiram prendê-lo, mesmo sem apoio de ninguem, não participaram da operação nem o GECOC, nem A Força Nacional, só algumns policiais militares do 7º BPM, que mesmo de folga amanheceram o dia nessa Operação. O que desanima é saber que você fez o serviço e logo apareceram o pessoal da Força Ñacional na pessoa do seu comandante dando entrevista a jornais locais e à imprensa nacional, dizendo que foram eles quem prenderam. Passaram mais de mês aqui no sertão com três carros locados e ganhando diárias e não conseguiram prender ninguém, e não foram humildes em admitir que quem prendeu foram os matutinhos aqui do sertão. Veja se não desanima, a PM faz o serviço e depois do serviço todo pronto aparece a Força Nacional E o GECOC só para conduzir o preso pra Maceió, e ainda levam o bônus da prisão. Se tiver alguma dúvida ligue para o comandante do 7º Batalhão, que ele irá contar o que ocorreu, ou entre em contato pelo meu e-mail. Só peço uma gentileza, que não passe meu e-mail para ninguém da instituição SDS. Obrigado.

  • INJUSTIÇADOS

    Como é que o governador Téo Vilela vem pedir apoio a imprensa se nada está fazendo para reduzir estes índices absurdo de violência. Existe dezenas de candidatos à agentes de polícia com processos transitados em julgado hà mais de dez anos, esperando nomeação, e a delegacia geral de polícia civil criando obstáculos para não nomeá-los. É assim que ele quer apoio? não parece que está falando sério.

  • Silva

    Tudo utopia!Tudo perfumaria!Enquanto não se acabar com a roubalheira do dinheiro público destinando-o à população que paga os impostos e reduzindo ao máximo as perspectivas de futuro a essa juventude, nenhum plano do mundo acabará com a violência numa sociedade altamente consumista.

  • eleazar hasten

    Espero que o plano de segurança a ser lançado na quarta-feira não se transforme em mais um show pirotécnico como, me parece, o Território da Paz, lançado há 3 anos pelo , então, Ministro da Justiça, Tarso Genro, no Benedito Bentes. Da “idéia inovadora” constavam vários programas de prevenção a violência, entre eles o Mulheres da Paz; um outro que tinha como objetivo manter jovens em situação de risco em projetos profissionalizantes; promoção da cultura na periferia, etc. Alguns dos programas estiveram ameaçados de perder verbas por falta de execução. E hoje, quais os resultados?! Não sou do contra nem daqueles que acreditam que quanto pior melhor. Mas gato escaldado tem medo de água fria. Não concordam?

  • Humberto Fazio

    Se liga Alagoas. É ano de eleição, vem aí novamente o RENÃO!!!!!!!

  • Paulo Mendes

    ANTES DE DESARMAR O ESPÍRITO DA IMPRENSA, QUE GRAÇAS A DEUS DENUNCIA A VIOLÊNCIA E O CAOS INSTALADO NA SDS, TÉO DEVERIA ARMAR O CIDADÃO DE MAIS ESCOLAS PARA OS JOVENS, QUE ATÉ AGORA, 25 DE JUNHO, TEM MAIS DE 100 ESCOLAS SEM INICIAR O ANO LETIVO, ARMAR DE EMPREGOS, SAÚDE E, SOBRETUDO, DE ESPERANÇA DE SOBREVIVER À ESTE ESTADO DE GUERRA CIVIL, VIVENCIADO POR TODOS ALAGOANOS.

  • sara

    Espero que esse plano dê certo,mas a notícia do veto do Ibama pra não instalar o estaleiro em Coruripe-AL,nos deixou tristes e com pouca esperança de melhorar a situação do nosso povo.Sem educação,saúde,emprego etc,qual a esperança dos jovens alagoanos?Até esse plano de segurança pública teve político que foi contra,esses políticos do mal,não são contra o governo Vilela,e sim ao povo alagoano.E o povo já está sabendo quem são eles.Sr Fred,o senhor esqueceu que estamos em Alagoas, um estado pobre e que os políticos chamados poderosos são contra qualquer crescimento do nosso estado.Policiais,professores,seria maravilhoso serem bem remunerados mas aqui é Alagoas,pobre e sem sorte com os seus senadores e a bancada federal,é muito triste,mas é a verdade!

  • Sylvio De Bonis Almeida Simões

    Considerando o que prescreve a Constituição do Estado de Alagoas, e que abaixo trancrevo:

    Art. 244 – A segurança pública, dever do Estado e direito e responsabilidade de todos, é exercida para a preservação da ordem pública e da incolumidade da pessoa e do patrimônio.

    § 1º – São responsáveis pela segurança pública, respeitada a competência da União:
    I – a Polícia Civil;
    II – a Polícia Militar;
    III – o Corpo de Bombeiro Militar.

    Considerando que o governo foi o único responsável pela emissão de incontáveis inverdades direcionadas ao povo alagoano a respeito do setor de defesa social, fazendo com que ninguém consiga enxergar que ele esteja “prenhe de razão” em coisa alguma, sinceramente.

    Considerando que a sociedade contemporânea se insere em múltiplos cenários complexos, dinâmicos e interativos que apresentam características desafiadoras.

    Considerando, também, que a Defesa Social é o conjunto de mecanismos coletivos, públicos e privados, para a preservação da paz social, e consiste em três vertentes:
    – a garantia dos direitos individuais e coletivos;
    – a segurança pública; e,
    – o enfrentamento de calamidades.

    Pode-se afirmar que a Segurança Pública se torna apenas parte de um todo maior, composto ainda pela tutela jurisdicional e pela unificação da exposição das pessoas ao perigo.

    Cosiderando que a adoção do conceito de Defesa Social (defesa do Estado e das instituições democráticas) pode se traduzir em quatro mecanismos operacionais fundamentais:
    – Inteligência;
    – Negociação;
    – Proteção; e
    – Repressão.
    E que, para tanto, quatro políticas devem ser estudadas, implementadas e avaliadas de forma sistêmica, integrada e padronizada, permitindo, então, a sinalização de objetivos, estratégias, ações e metas, a saber:
    – aumento da eficiência, eficácia e efetividade dos órgãos vinculados à segurança pública;
    – combate ao risco da população em área e atividades sob responsabilidade da Secretaria de Estado de Defesa Social;
    – combate è criminalidade e à violência; e
    – integração e parceria com a sociedade civil, com órgãospúblicos afins, em especial com os voltados para segurança, em qualquer nível.

    Por tudo isso é que precisamos conhecer a metodologia adotada no plano “Brasil mais Seguro -Alagoas”, os seus produtos e os seus benefícios a serem atingidos, sem os quais, como acreditar na fala do governo que aí esta? Como podemos imaginar que a ajuda da imprensa, sem que a população seja devidamente procurada pelo governo para participar ativamente, surta o efeito que eles estão a esperar?

    Ninguém é bobo.

    Temos sim que pagar para ver, infelizmente,

  • Ivaneide Pinheiro

    Brasilia paga o melhor salário do Brasil a policia. Lá a violência tá incontrolável. Aqui em Alagoas salario de delegado é milionário, e eles – a maioria – não trabalham. A Guarda Municipal de Maceió tem salários de fazer inveja a um policial mas a Guarda não faz nada. Claro que os policiais merecem ganhar bem, como todo trabalhador merece ganhar bem. Agora o policial precisa GOSTAR de TRABALHAR. Para o policial preguiçoso não tem dinheiro que faça ele trabalhar. O governo deve EXPULSAR o POLICIAL PREGUIÇOSO, MACETOSO, ESCORÃO. Vamos limpar as 2 policiais e ai sim, teremos uma policia atuante.

  • wal

    Nossa imprensa, vai de péssima a pior, só um se salva RICARDO MOTA.

  • Cristiano marques

    Acho que a maior açao de combate a violência seria a implantação do Estaleiro Eisa, que daria 50 mil empregos. Ou seja, tiraria muita gente da marginalidade. Mas as forças contrárias derrubaram.

  • v.santos

    Ajuda da imprensa,esse governador não tem noção da gravidade do que está acontecendo ou está brincando de faz de conta,a imprensa já faz sua psrte,falta o governo fazer a dele,sempre inventando algo,enquanto a violência está desenfreada,quem sofre com tudo isso somos nós o povo alagoano.