Paulo Sérgio Barbosa, funcionário da Caixa Econômica Federal, filiado ao PMDB e que atua junto ao prefeito Luciano Barbosa aparece como possível nome para substituir Célia Rocha, na disputa pela prefeitura de Arapiraca.

O clima entre Rocha e seu principal adversário vem esquentando, beneficiando principalmente – neste momento – o popular radialista Alves Correia, candidato do PT do B.

Quando querem trocar elogios, Rocha e Teófilo se referem à traição – da deputada – e vaidade – do secretário de Articulação Política.

E como aparece o nome de Paulo Sérgio Barbosa? Exatamente como uma surpresa, me conta um peemedebista muito ligado – de dentro de casa, mesmo – ao senador Renan Calheiros.

O economiário tem a simpatia do prefeito (que não é lá muito simpático, é verdade) e de um expressivo grupo de empresários arapiraquenses. Ou seja: também arrancaria votos de Ricardo da Coagro, lançado à sucessão de Luciano Barbosa pelo senador Benedito de Lira.

Quando surge o nome dele na disputa?

A estratégia, revela o peemedebista, é esperar para ver os estragos da briga de “chamar polícia e médico” entre Rocha e Teófilo.

Outro detalhe importante: a deputada e o prefeito já conseguiram se livrar, nas eleições de 2004, da velha e permanente acusação de que eles mantêm uma relação estável.

Esta é sempre uma questão complicada, que envolve outros valores e interpretações por parte da Justiça Eleitoral.

Só não sei se o Barbosa de Paulo Sérgio é o mesmo de Luciano.

Perdeu?

Uma questão levantada ontem, na Assembleia Legislativa, depois do embate público entre o deputado Ronaldo do INSS e Olavo Calheiros: o petista rompeu com seu criador?

A dúvida: o líder do PT na Assembleia ganhou projeção política no posto de superintendente do INSS de Alagoas, onde ficou por quase oito anos graças ao apoio do senador Renan Calheiros, que manda no pedaço.

Sem combinar com ninguém, o neodeputado lançou-se candidato a presidente da Casa de Tavares Bastos, numa eleição que já está pra lá de definida: vai dar, de novo, Antônio Albuquerque e Marcelo Victor no comando da Assembleia – com Fernando Toledo se mantendo onde está.

A candidatura de Ronaldo do INSS, portanto, só serviria – é a análise dos ex-aliados dele, para legitimar o processo eleitoral na Casa.

Por que ele tomou a iniciativa?

Só ele pode dizer – e convencer, se for o caso.

Polícia devolve carro de Albuquerque levado por bandidos
Juiz determina "busca e apreensão" na Câmara de Vereadores de Maceió
  • Sérgio Murilo

    Paulo Sérgio, sobrinho do Ex-Prefeito Severino Leão e que inclusive, fez boas gestões no passado.
    É um Homem de Bem, competente etc.. Mas, devido a forma e os padrinhos políticos, abre um grande precedente para interpretações dúbias e temerosas.
    “E CADÊ A CÉLIA???? RESOLVEU MUDAR DE IDÉIA??? MAS, FICA CLARO E NOTÓRIO A CONDUTA E A CAPACIDADE DELA EM TRAIR E SE VENDER (DESDE A TRAIÇÃO À ROGÉRIO TEÓFILO E A POPULAÇÃO QUE A ELEGEU).

  • ARTUR

    ESSE RONALDO DO INSS SÓ FALA BOBAGEM
    E NÃO TEM O MÍNIMO DE SIMANCOL. NÃO TEM PREPARO PARA SER DEPUTADO, NÃO FALA NADA COM NADA E NÃO SABE A POSIÇÃO QUE JOGA, SE É DO PT DO PMDB OU SE É DO RENAN DO PT.
    NÃO VOTO NEM DE LONGE NO OLAVO CALHEIROS, MAS, QUE DEU O RECADO BONITO DEU, TANTO A RONALDO DO RENAN QUANTO A MESA DIRETORA DOS FICHA SUJA.
    MESA DIRETORA DA CASA DOS

  • Julio Verne da Silva

    Esse deputado está se tornando um trapalhão de marca maior.

  • Kelsen

    O Ronaldo tem 3 bons motivos pra fazer o joguinho da mesa: G-D-E

  • Casca

    Eita INSS bom.

  • beto olegario silva

    Tentar confundir o eleitorado com essas colocações é bobagem; Célia está determinada a gerenciar Arapiraca, com o mesmo zelo do passado, com a experiência que lhes é peculiar, e pelo populismo conquistado pela forma transparente, humilde e sincera de ser! dar para mudar a vontade do povo?

  • joão ramalho

    Ricardo, sempre acompanhei seu blog e o 12 e 10 not, porém de tempos em tempos eu percebo q vc não tem sido muito criterioso nas notas q escreve! Sou muito ligado ao grupo q administra Arapiraca e posso afirmar c convicção q ñ existe possibilidade d Célia desistir de sua candidatura e se algo acontecesse, o competente Paulo Sergio ñ seria um nome c apoio do grupo p substitui-la, pelo fato de o mesmo ser sobrinho do ex-pref Severino Leão e ñ ter nenhuma proximidade c Célia. Quem lhe informou isso ñ deve ser d Arapiraca! Procure fontes + confiáveis p q possamos acompanhar seu trabalho tendo a convicção d q suas notas tem fundamento!

  • saulo amorim

    Ricardo, você se sentitia melhor ao lado de um traidor ou um “vaidoso”?
    O maior vaidoso do Brasil é o ex-presidente Lula, que diz aos quatro cantos que inventou o Brasil(claro, com todos os defeitos).
    Chamar de “vaidoso” um homem de bem que não senta à mesa, para capitular, diante de acordo descumprido, pela ex-prefeita Célia Rocha?
    À verdade é que depois que a população de Arapiraca “assimilou” a traição(e o nosso povo tem horror, à isso) e o “beneficiário” da empreitada(lembram porquê CECI foi morta?).
    A coisa, obviamente, ficou feia para Célia, e para o grupo do seu ex-marido.
    Some-se a isso a fortaleza que é o discurso do Rogério Teófilo, que é grande tribuno e com razão será impiedoso.
    As mazelas de Arapiraca são conhecidas: ÁGUA DEFICIENTE, SANEAMENTO SOFRÍVEL, ENERGIA CURTA E DESENVOLVIMENTO PÍFIO. A cidade é uma maquiagem mal aplicada.
    Conta a favor de Rogério, a postura do Governador Téo Vilela, conhecido campeão de votos na região.
    A verdade é que Arapiraca nunca teve tanta obra governamental.
    Cito, apenas as mais importantes: a implantação do Pólo Moveleiro de Arapiraca; a nova Rodoviaria; a triplicação dos leitos da UE do Agreste; a implantação da Central de Policia de Arapiraca e Casa de Custódia; a duplicação do trecho da AL-220, uma avenida maior que a Fernandes Lima, que cuja sua implementação viabilizou o primeiro shopping de Arapiraca; a conclusão de mais um etapa da Adutora do Agreste; e a futura Estação Experimental da Agroindutria de Alagoas, investimento de 12 milhões, entre outras tantas.
    Uma coisa é certa: a candidatura de Rogério, não sofrerá nenhum revés. Não há acordo.
    E porquê o “frisson”? Eles sabem do potencial de Rogério.
    O povo de Arapiraca, não precisa de “cinquentinha” para votar. Vai à pé ou de carro.

  • carlos

    A vaidade está tirando o bom senso,que sempre acompanhou a deputada Célia Rocha,acha pouco o povo de Arapiraca,lhe confiar um mandato federal.Deixe der ser orgulhosa e apoie outro nome que também possa ser bom para Arapiraca é muito feio se achar que insubstituível.Será,que Arapiraca não tenha outras inteligências que possa dar continuidade o que a sra e Luciano Barbosa,já fizeream por Arapiraca,cuidado que vocês estão usando o ato de subserviência com o povo de Arapiraca!!