O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Sebastião Costa Filho, resgatou a esperança dos deputados estaduais que querem ser conselheiros do Tribunal de Contas.

Ele deferiu parcialmente, no início da tarde de hoje, um pedido de suspensão da liminar concedida pela desembargadora Elisabeth Carvalho Nascimento, que obrigava o TC a enviar uma lista de procuradores do MP de Contas para que o governador escolhesse o novo conselheiro.

A obrigatoriedade não mais existe, o que não impede que o TC mande a relação (na verdade um nome: do procurador Gustavo Henrique Albuquerque Santos) ao Palácio República dos Palmares, se assim resolver amanhã – o que é improvável.

Por outro lado, na mesma decisão, o desembargador manteve a proibição para que a Assembleia escolha um dos seus para compor a corte de contas. Também, o próprio Vilela está impedido de nomear qualquer outra pessoa para a vaga deixada por Isnaldo Bulhões – desde que não seja integrante do MP de Contas.

A Assembleia e o Palácio ganharam tempo para resolver o imbróglio, já que a PGE decidiu não decidir sobre o tema – opinar objetivamente, na verdade.

Fernando Toledo e aliados devem dormir mais tranquilos hoje.

Eduardo Tavares: "Querem botar bandido em hotel de luxo"
Chico Tenório no Congresso faz parte do "pacote" da eleição de Célia Rocha
  • Eleitora

    Seria mais fácil e rápido para o TC indicar o Procurador do M.P. de Contas. Depois, os deputados ainda restando 03 anos de mandato, começariam a negociata para a próxima vaga que volta para a Assembléia. O próximo que se aposentará será o Cons Luiz Eustáquio.

  • Jose Eugenio da Silva

    Ricardo Mota esses desembargadores e juizes de alagoas e uma vergonha.

    A Lei que esses caras aplicam só beneficia a eles mesmo.

  • PêCê

    ÊITA FÉRIAS DEMORADA DA PORRA, HEIN RICARDO… rsrsrsrsrsrs
    TÚ FEZ FALTA, CARA. FELIZ RETORNO…

  • Jose Antonio dos Santos

    Caro Ricardo Mota, publique no seu Blog o comentário do jornalista Arnaldo Jabor com o titulo “Os canalhas nos ensinam melhor” publicado no Estadão 31/01/12, terça-feira. Uma verdade que se encaixa perfeitamente na sua linha de jornalista sério, ético e que engrandece as pessoas de bem de Alagoas. Que os politicos e assessores canalhas tenham a felicidade de ler, para refletir.

  • Que país é esse?

    ELIANA CALMON quer moralizar o judiciário e ela mesma está sendo enfrentada pelos companheiros dela de poder, uma mulher que não que fazer do CNJ uma cooperativa do judiciário, uma mulher que não é conivente com a corrupção do qual poder ela faz parte, meu amados políticos de bem deste estado vamos acabar com o fórum especial pra bandido Que país é esse? Todo apoio dos alagoanos e dos brasileiros a Dra.ELIANA CALMON que não criou a cooperativa do judiciário. Que país é esse?

  • ailton

    A pessoa para ser Superintendente tem que ser Engenheiro ou Técnico, então porque que o novo Superintendente é um POLICIAL CIVIL e Segurança nas horas vagas do Cicero Almeida, cadê a imprensa meu Caro Ricardo Mota, tá todo mundo caladinho

  • Jose Antonio dos Santos

    Bom retorno Ricardo Mota. Para as pessoas de bem os seus comentários faz parte de uma rotina decente.

  • ARTUR

    OS PODERES SÃO CRAQUES EM CONFUNDIR E DESNORTEAR NÓS ALAGOANOS, PREOCULPADOS COM A MORALIDADE DO ESTADO SEM RUMO E SEM BEIRA. COMO PODEMOS CONFIAR NESSA CASA DE MARIA JOANA SE TUDO É COMBINADO PARA MELHORAR ELES MESMOS? E ASSIM, QUANTO MAIS PODER DE VOTO, MAIS CHANCE DE SE ESCALAR OU INDICAR PARENTES E AMIGOS.

  • sergio

    Ricardo bom retorno e feliz 2012 para você e família!
    TJ, TC – todo o Judiciário de Alagoas – poder executivo e legislativo. Estão sendo formadas por pessoas indignas, sem caráter, sem respeito aos cidadãos, não dá para acreditar em nenhum deles. Como a sua notícia sobre a Celia Rocha – a defensora dos “suspeitos” de homicídios. Ela quer mandar para o Congresso, que é sinônimo de prisão albergue, mais um e nós vamos votar em quem? Daqui a pouco ela e seu patrão -Collor – estarão apoiando para presidente o Zé Dirceu e como vice o Genoíno.

  • marquinhos

    Oh casinha pequenina mas que, em questão de enrolada, vale por uma Brasília, viu.

  • Ronaldo Campos

    Ricardo, segundo informações da Polícia Federal 90% do dinheiro roubado da Operação RODOLEIRO foi dinheiro estadual e porque mistério o MINISTÉRIO PÚBLICO ESTADUAL ainda não moveu uma palha para punir os envolvidos nessa roubalheira do dinheiro público. No mínimo poderiamos chamar isso de conivencia ou ato de improbidade. Com a palavra o Procurador Geral Dr. Eduardo.

  • poliane santos

    ESTE FAZ DE CONTAS DEVERIA SER EXTINTO;