O secretário Luiz Otávio Gomes, do Planejamento e Desenvolvimento Econômico, disse que já abriu mão de todos os seus sigilos – fiscal, bancário, contábil, eletrônico – para que seja apurada a denúncia que o Estado traz neste final de semana.

A matéria do jornal diz que na investigação para descobrir fraudes no Panamericano, a PF encontrou e-mails sobre uma suposta “negociata” com o governo de Alagoas, através do secretário.

O que diz a matéria?

A coleção de e-mails sugere, ainda, que em Alagoas uma taxa denominada “retorno” – 25% sobre pagamentos efetuados ao Panamericano e a outros bancos credores – teria sido destinada à campanha eleitoral do PSDB sob a rubrica “doação”.

As correspondências citam Luiz Otávio Gomes, secretário de Planejamento do governo Teotônio Vilela Filho (PSDB), como personagem central das negociações com instituições financeiras que tiveram de arcar com a taxa. A PF abriu inquérito para investigar “provável ocorrência de corrupção passiva e ativa”.

Deságio

O secretário do Planejamento garante que “não existe um só e-mail ou telefonema meu para os banqueiros e seus representantes para discutir esta questão”.

Ele disse, inclusive, que todas as negociações com os bancos que tinham dinheiro a receber pelos empréstimos consignados dos servidores – que deixou de ser pago pelo governo do Estado em 2006 – foram feitas pelo secretário da Fazenda, Maurício Toledo.

“É importante que se diga: o secretário Maurício Toledo conseguiu um deságio em torno de 80% no pagamento aos bancos, inclusive o Panamericano. Alguém pagaria um “por fora” recebendo com um deságio deste?”  

Gomes diz que conversou, sim, com banqueiros e grandes empresários para discutir a questão dos débitos do governo do Estado: “Mas, as negociações sempre foram feitas pela Secretaria da Fazenda, com o aval da PGE”.

Ou seja: este não é um problema apenas do secretário Luiz Otávio Gomes – quem deve responder a denúncia é o governo como um todo, à frente o governador Teotônio Vilela Filho.

O que resta ao governo? Apresentar os números das negociações com os bancos – esta é uma questão fundamental.

Juiz marca audiência para "bater o martelo" sobre licitação dos ônibus
Por que temer o inevitável?
  • Internauta

    Os provedores (yahoo, hotmail, ig…) do e-mails dos envolvidos serÕ de grande utilidade!

  • PêCê

    ÓIA A MÁFIA AÍ, GENTÊÊÊÊÊÊÊÊÊ…
    Ô RICARDO, É ROUBO PRA TUDO QUANTO É LADO, TODO MUNDO ROUBA AQUI EM ALAGOAS, NOSSO ESTADO NÃO AGUENTA MAIS TANTA IMPUNIDADES E INJUSTIÇAS, TEMOS UM JUDICIÁRIO CORROMPIDO, QUE PRATICA A INJUSTIÇA TODOS OS DIAS. TÁ EXPLICADO O PORQUE DE SERMOS EXCLUÍDOS E INDISCRIMINADOS PELO RESTO DA NAÇÃO. UM ESTADO QUE SÓ PRODUZ CORRUPÇÃO, DEIXANDO A POPULAÇÃO EM CONDIÇÕES EXTREMA DE MISÉRIA E POBREZA, SEM SAÚDE, SEM SEGURANÇA, SEM EDUCAÇÃO.
    ESTADO RICO, É ESTADO DESENVOLVIDO E ESTADO POBRE, COMO O NOSSO?
    E ASSIM CAMINHA A CRIMINALIDADE…

  • Sandra Coutinho

    Este governo esta mesmo perdido! Afogado nos índices sociais e na corrupção.

  • Sandra Pinho

    É arrecadação para a eleição milionária de 2010. Foi um derrame de dinheiro em todo Estado de ALAGOAS.

  • manoel da Silva

    Ricardo, como é que pode? O servidor que vai presidir a Sindicância no TC é o mesmo que presidiu a Auditoria do TC na Assembléia Legislativa no caso da Taturanas.Além do mais, é da cozinha do Isnaldo Bilhões.É sempre visto varando as madrugadas com ele.Foi escolhido a dedo para que o processo resulte em nulidade.Ele é daqueles no rol da Ação Civil do Ministério Público que questiona o sei ingresso no cargo de procurador sem concurso público. Leia o Diário de hoje.

  • ELIEZER DE AZEVEDO FALCÃO

    TERMINARÁ EM PIZZA. QUEM PERMANECE NA CADEIA É O POBRE QUE NÃO TEM DINHEIRO PARA PAGAR ADVOGADOS. ESSES LADRÕES DO COLARINHO BRANCO,NÃO DEVOLVEM O QUE DESVIARAM DO ERÁRIO, E NEM PERMANECEM PRESOS. O BRASIL É UM PAÍS ESCULHAMBADO, BAGUNÇADO. E SABEMOS DESSES FATOS ATRAVÉS DA IMPRENSA, QUE APESAR DA MÍDIA PERTENCER AOS PODEROSOS, INCLUSIVE MUITOS POLÍTICOS, AINDA TORNA PÚBLICO MUITAS MAZELAS QUANDO É DO INTERESSE DAQUELE VEÍCULO DA IMPRENSA, SENÃO A MATÉRIA PODE SER FEITA PELO JORNALISTA, PORÉM CENSURADA PELO DONO, OU DONOS DA MÍDIA. FELIZMENTE HOJE EXISTEM CÂMERAS ESCONDIDAS, TAIS COMO CANETAS, BOTÕES, RELÓGIOS, ETC., POIS ANTES QUEM TINHA ACESSO A ESSES EQUIPAMENTOS TECNOLÓGICOS ERA O SERVIÇO DE INTELIGÊNCIA. PORÉM HOJE TODAS AS PESSOAS TÊM ACESSO, E PODEM DENUNCIAR, CRITICAR, OPINAR, SUGERIR, ELOGIAR,ETC., ATRAVÉS DO WIKYLEAKS, YOUTUBE, ETC. INFELIZMENTE O BRASIL ESTÁ ENTRE OS PRINCIPAIS PAÍSES CAMPEÕES EM CORRUPÇÃO E IMPUNIDADE NO PLANETA, ATÉ QUANDO? NO PRÓXIMO ANO O ELEITOR PODERÁ DAR A RESPOSTA NAS URNAS, OU SE PREFERIR MANTER OS PODEROSOS NO PODER, ROUBANDO, MATANDO, COMETENDO TODO TIPO DE CRIME, E O POVO SOFRENDO, OS ELEITORES ESCOLHERÃO EM 2012.

  • Passado sujo

    Fazendo uma varredura o que achei a respeito do ilustríssimo diretor do banco foi um passado um pouco suspeito e que o mesmo responde a vários processos, esse sim tem que se explicar e ainda mais agora querer acusar esse Secretário Alagoano das suas falcatruas.

  • A CASA CAIU PACERO PRA VOCÊ

    RICARDO, SE NÃO ESTOU ENGANADO A POLICIA FEDERAL ESTÁ A PROCURA DESSE MELIANTE NO QUAL ATENDE POR SER O “DIRETOR DO BANCO”, O MESMO RESPONDE A ALGUNS PROCESSOS JUDICIAIS E AGORA PARECE QUE A CASA CAIU.

  • jogadinha política

    oxe isso é jogada política para derrubar o secretario, mas não vão conseguir não, ele é forte e vai superar essas falsas acusações contra sua pessoa. luiz o povo está ao seu lado.

  • Inveja mata viu

    A inveja é um mal da humanidade, sempre que alguma pessoa desenvolve algo que dá certo sempre existem pessoas do contra que com suas invejas querer acabar com a imagem dos outros tudo por inveja ou incapacidade de fazer o mesmo.

  • VAI ARRUMAR O QUE FAZER

    PORQUE ESSE POVO NÃO VAI ARRUMAR TRABALHO PRA FAZER, FICAR ACUSANDO UM CARA DA ÍNDOLE DO LUIZ OTÁVIO DESSAS ACUSAÇÕES, UM CARA QUE É RESPEITADO POR ONDE PASSA E NUNCA SE ENVOLVEU NESSAS BAGUNÇAS, ISSO DEVE TER OUTRA INTENÇÃO, SÓ PODE SER ALGO PESSOAL.

  • Mais um para sua grande coleção

    Tenho todo respeito pelo Jornal O Estado de São Paulo, mas acredito que se tem alguma coisa de irregular nisso tudo deve ser por parte desse diretor, o cara tem um histórico cheio de processos na justiça esse deve ser mais para sua coleção.

  • Marcelo Alves

    Verdade Manoel, concordo contigo.

  • uira

    KD O DINHEIRO DO PASEP GOVERNADOR ?! OS SEUS SECRETARIOS SÃO BONS,O POVO MAIS UMA VEZ LESADO.

  • Evaldo Moreira

    aff!!! Quando isso tudo vai parar?
    Evaldo

  • celso

    Luiz Otávio está sendo vítima de inveja dos opositores de Teotônio que não querem ver Alagoas se industrializar. Luiz Otávio é o braço direito do Governador para trazer muita industria ao nosso Estado gerando centenas de empregos, e os opositores que sempre fizeram o discurso em cima da miséria e desemprego, estão apavorados de ficar sem discurso. Quanto mais Alagoas ficar na miséria e no atoleiro é melhor para a oposição. MAIS DEUS É MAIOR QUE ESSES OPOSITORES DO MAL, E VAI ESMAGAR AS CABEÇAS DELES NO NOME DE JESUS CRISTO. A VITÓRIA É NOSSA, A VITÓRIA É DE ALAGOAS.

  • É muita eficiência!

    É o resultado quando coloca pessoas erradas nos lugares errados, o Planajemento é lugar de economista, e não de advogado, deu certo? Saiu? Depois substituiram novamente o lugar de um economista por outro advogado e o que poderia acontecer, enganos e possíveis erros e mais ainda quando não está preparado, quando a vaidade sobe para a cabeça. Aí é um Deus nos aguda É uma pena Alagoas, estourou a primeira sobre possíveis renúncias fiscais, parece que até restaurante teve direito, será? E agora com a banca financeira, o que está por trás, existe alguma coisa de errado? É a hora governador Teotonio Vilela de mostrar, provar que não tem nada de errado no seu governo e de mudar o secretário Otávio Silva no período de subspeição, é assim que funciona a DEMOCRACIA.

  • Marcos Paulo

    Quero concordar com o pessoal que assim comentou.
    Deixem o Téo Trabalhar!

    Tenho todo respeito pelo Jornal O Estado de São Paulo, mas acredito que se tem alguma coisa de irregular nisso tudo deve ser por parte desse diretor, o cara tem um histórico cheio de processos na justiça esse deve ser mais para sua coleção.Porque esse povo não vai arrumar trabalho pra fazer? Ficar acusando um cara da índole do Luiz Otávio dessas acusações, um cara que é respeitado por onde passa e nunca se envolveu nessas bagunças, isso deve ter outra intenção, só pode ser algo pessoal.

  • Adailton

    O SECRETÁRIO LUIZ OTÁVIO É DA MESMA LINHAGEM DE UMA PESSOA QUE ADMIRO MUITO:
    O EX DEPUTADO JÚNIOR LEÃO (CUNHADO DELE!)!

  • João Batista

    Eu acho engraçado, as pessoas nem sabem interpretar direito a matéria, aí vem aqui, na maioria escondidos por trás de nomes falsos ou cód-nomes, e xingam, e denigrem a imagem de uma pessoa como Luiz Otávio Gomes, que até PROVEM, eu falei PROVEM, o contrário tem a ficha limpíssima! E aos Lessistas, só pra lembrar, quem robou o dinheiro do consignado dos servidores e não pagou ao Banco Panamericano, foi o Sr. Ronaldo Lessa, ou vocês não sabem ler?

  • Joaquim Brito

    Que deva ter havido deságio na negocia –
    ção, ou seja, redução da dívida para qui
    tação, eu acredito. Agora, deságio de 80
    porcento, É MENTIRA|

  • Luiz Carlos R Santos

    BANCO DE MENTIRAS

    É meu caro Silvio Santos
    Agora eu entendo teu desaponto
    Com o tal banco PanAmericano.
    Se iludem o próprio dono
    Imagine alguém do povo?
    Achei que falava com pessoas sérias,
    Mas caí no conto do Paschoalotto.
    Fiz um acordo amigável
    Pensando que era verdade,
    Quanta ingenuidade nesse acordo,
    Se o que vale para eles é dinheiro no bolso.
    Sou um mero cidadão brasileiro
    Onde a justiça é cega
    E só enxerga o que lhe convém.
    Se usaram de trapaça com o dono,
    Imagine um mero cidadão do povo?
    Explorado em financiamentos,
    Pobre trabalhador honesto
    Que cai nas garras desses banqueiros.
    Esse é meu manifesto
    Que indignado relato,
    Exprime meu grito de revolta
    Ao PanAmericano e a Paschoalotto
    Que unidos me fizeram de bobo
    Assim como fizeram com o ex dono.