Quase um mês após o envio à Assembleia Legislativa, o projeto que extingue os Gabinetes  Militares  – com exceção do Palácio do Governo – foi finalmente encaminhado pela Mesa para a Comissão de Constituição e Justiça da Casa de Tavares Bastos. 

Em tese, o governo tem minoria na Comissão, presidida pelo oposicionista Ricardo Nezinho, do PT do B, partido liderado pelo deputado Antônio Albuquerque. O governista Rui Palmeira, entretanto, vê chances da matéria ser aprovada, pelo menos, pelo colegiado. Além dos dois, a 2ª Comissão é formada por Maurício Tavares, Cáthia Freitas e Temóteo Correia. O governo teria, hoje, dois votos contra três da oposição, mas a eleição para a presidência da Comissão pode mudar este resultado, por conta das negociações.

O deputado Antônio Albuquerque quer a vaga de Nezinho, mas vai além: quer levar, também, a presidência da Comissão de Constituição e Justiça. É neste imbróglio que a matéria pode avançar dentro da Casa.

Juiz pede ajuda do Ministério da Justiça no caso Fábio Acioli
Partido do vice-presidente José Alencar quer Galba Novaes na disputa para deputado federal
  • ASSESSOR MILITAR DA T.R

    Este é o momento propicio para o prefeito CICERO AlMEIDA, também acabar com o gabinete militar ou assessoria militar,seguindo o exemplo expetacular do gov. TÉO VILELA, a sociedade vai aplaudir essa atitude, porque isso é uma vergonha, pagar tanto dinheiro a esses militares sanguessuga, enquanto que os que estão na rua arriscando a vida e respondendo processo só são promovidos quando já estão arrastando a chinela e com o pé na cova!!

  • ASSESSOR MILITAR DA T.R

    Gabinete Militar é um câncer na segurança pública, são promovidos na frente dos colegas que realmente trabalham…
    Algum especialista em segurança pública me explique qual o objetivo de assessoria militar na prefeitura?,quanto ganha um coronel desses sem fazer piroca nenhuma!? isso é uma falta de respeito com a sociedade e o povo de maceió
    ACORDA PREFEITO,ACABA LOGO COM ESSA VERGONHA,ISSO É CABIDE DE EMPREGO PARA MILITARES BABA OVO!!

  • Cláudio

    Político, aqui , de alagoas , que naõ sabe viver sem um militar de lado, mostra quem é.Heloísa Helena, não se ver falar disso, Rui Palmeira, tambem não…que mistério envolve esses políticos que não sabem andar sem um “guarda costa”.A historia recente de alagoas mostra o grau de envolvimento em crimes de muitos militares ,conforme denuncias- em crimes de mando- , a pessoa que anda com sua conciencia tranquila, nao necessita de segurança, salvo sob ameaça, ou um grande líder de estado.

  • Poca urna

    Policial foi feito para trabalhar na rua combatendo o crime, e não trancado dentro de um gabinete bajulando politico corrupto.

  • Realista

    A SOLUÇÃO PARA A VIOLÊNCIA EM NOSSA CAPITAL NUNCA SERÁ ESSA… GARANTO QUE NÃO SERÃO +/- 300 HOMENS QUE IRÃO RESOLVER, ENQUANTO ISSO TEM QUASE 2000 NA RESERVA TÉCNICA E NINGUÉM FAZ NADAAAA. CASO SEJA APROVADA FICARÁ PROVADO NA PRÁTICA QUE FOI UMA DECISÃO EQUIVOCADA, O “ROMBO” NA SEGURANÇA PÚBLICA É MUITOOOOOO MAIOR DO QUE SÓ 300 HOMENS. CONCURSO JÁÁÁÁÁ PRA CIVIL E CONVOCAÇÃO DA RESERVA NA PM.!!!

  • JOBSON

    Policial em gabinete parece piada, enquanto a maioria arrisca a vida, esses apadrinhados encontram-se ao lados de políticos para não fazer nada. As ruas estão vazias de polícia

  • FUSCÃO PRETO

    Quem gosta de assessoria militar é político BANDIDO,CORRUPTO E CRIMINOSO pra se proteger da morte e amedrontar a sociedade!!
    ASSESSORIA MILITAR NUNCA MAIS!!
    ISSO É CARGO DE PARASITA!!

  • josé nascimento

    O deputado Temóteo nunca precisou de segurança e o único, onde depois de tantos anos de mandato, não se envolveu em falcatruas. parabéns Deputado. P.S.: Pena que seu sobrinho Prefeito de Maribondo não ouviu seus conselhos e hoje está mais perdido que cego em tiroteio.

  • Epaminondas

    Antes tarde do que nunca! Assessoria militar é uma aberração e afronta ao contribuinte. A gente quase não vê uma viatura na rua, assaltos e mortes todos os dias. Bota esse povo pra trabalhar e não ficar servido cafezinho em gabinete, ou como guardador de carros. De sargento pra cima ninguém mais que sair pra rua. Coronel, major,capitão fazem o quê finalmente pra ganhar tanto? Deveriam chefiar suas guarnições nas ruas. Chega de tanta brincadeira com o dinheiro do contribuinte.

  • nandocordel

    a cidade modelo do brasil, o distrito federal brasilia t~eem várias assessorias, e no entanto é uma das capitais mais bem policiadas das américas;sabe qual o segredo disso, investimento do governo federal nas instituiçoes, valorização profissional e um bom efetivo policial bem distribuido.

  • nandocordel

    durante muitos anos as autoridade deram as costas para a segurança pública e para as questões sociais, agora v~eem um bando de demagogos se apresentando como salvadores da pátria,minha gente segurança pública é assunto sério .tem gente se aproveitando do momento atual para se promover politicanente,isso é uma vergonha. abram os olhos para esses aventureiros politicos.

  • Gm x Pm

    NÓS DE MACEIÓ, GOSTARIAMOS DE SABER PORQUE OS POLÍTICOS DE MACEIÓ E DE ALAGOAS, GOSTAM TANTO DE MILITARES AGARRADOS EM SEUS SACOS PARECENDO CARRAPATOS,ACBAR ESSAS ASSESSORIA MILITAR É A COISA MAIS ESPETACULAR QUE O CONSELHO JÁ DELIBEROU, SE O VERNADOR JÁ ENCAMINHOU O PROJETO PRA ASSEMBLÉIA, AGORA SÓ FALTA O PREFEITO CICERO ALMEIDA FAZER O MESMO NA CÂMARA DE VEREADORES!!

  • Joilson Gouveia Cel RR PMAL

    É a regra que faz a exceção ou esta que faz aquela? A questão não está em acabar umas e outras não. Sem elas a briosa sairá perdendo o espaço que conquistou ao longo dos anos – Os EUA são fortes e respeitados, justamente, por terem uma representação deles em cada rincão desse planeta – e não serão esses que resolverão o caos da insegurança pública porque passamos todos os alagoanos…
    Cada assessoria, por ser assessoria, deveria ter um efetivo de até 31 PM por corresponder a um pelotão, um gabinete equivalente a uma companhia, com efetivo de 131, e uma casa igual ao de um batalhão, além da exigida alternância temporária, mas alguns estão nelas por décadas, inclusive alguns do alto escalão nelas estiveram por mais de três lustros. Hoje, esses mesmos querem seus fins por não mais servir aos seus íntimos fins.
    Afastada a falácia hipócrita ou demagógica, o factóide em nada contribuirá para otimizar a necessária segurança que o alagoana merece, clama e nem reclama.
    Em verdade, aqui na terra dos marechais, nada funciona sem um brioso a tiracolo: não se promove sem ele; nem se procura; se delega; se judica, se investiga, se policia; se trafega; se transita; se fiscaliza, se reintegram posses e domínios; se administra, enfim.
    Sem a briosa nem há vida comunitária, bem por isso urgir sua filosofia para o povo, com o povo, pelo povo e do povo enquanto povo que o é o cidadão brioso – a despeito de muitos sequer o tê-lo como tal-, antes do fim dela mesma, como no passado já a extinguiram, mas torna feita fênix.
    “Os governos passam, as sociedades mudam ou morrem e a briosa é eterna”.Enquanto existir povo, haverá polícia. Creiam!
    Joilson Gouveia Cel RR PMAL

  • marcelo pinheiro

    Procurem saber quantos policiais trabalhão no quartel geral,quantos homens vão pra atividade de rua,porque será que o governo quer acabar com as assessorias e permanecer coma dele?Esses comentários contra as casas militares ou vem de gente que não tem conhecimento nemhum,são ignorantes mesmo e só repetem oque os outros dizem,ou são na grande maioria de militares recalcados que sabem que nunca irão pois só vão pra lá os melhores,casa militar existe pra quem não sabe en todo lugar do MUNDO,não é do Brasil não é do MUNDO,parem de ser inocentes isso não vai resolver nada,é só tirar o foco pra oque acontece de verdade deixem de ser burros!

  • JUVENAL FREITAS CEL R/1 DO EB

    AO Jailson Golveia CEL R/R DA PMAL,É UMA FALÁCIA HIPÓCRITA ESTÁ COMPARANDO SUA POLICIA COM AS FORÇAS ARMADAS AMERICANA, PAÍS DE 1° MUNDO COM PAÍS EMERGENTE, ONDE ATÉ OS UNIFORMES DAQUI SÃO DESBOTADOS E OS EQUIPAMENTOS ULTRPASSADOS, OS QUE REPRESENTAM HOJE AS SSESSORIAS DESSES LOCAIS SÃO HOMENS DE FIBRA QUE FORAM PRA FRENTE DE BATALHA, NÃO ESSES QUE FAZEM OS MELHORES CURSOS E QUANDO VOLTAM AO INVÉS DE COMANDAR A TROPA E PASSAR PARA OS COMANDADOS VÃO PRA TRÁS DE BUREAUS!! AO MARCELO PINHEIRO ELE SE ACHA MELHOR EM QUÊ? VEM PRA AMAN APRENDER SER UM MILITAR DE VARDADE, VC NÃO PASSA DE UM EMBUSTEIRO.

  • Moacir Batista Viana Silva

    Primeiramente, Sr. Cel Juvenal Freitas,R/1,EB,é lamentável um Oficial Superior das Forças Armadas não saber escrever, pois o verbo “está” se encontra mal empregado: seria “estar” (auxiliar). Sobre sucatemamento, tal situação não é privilégio somente das polícias, igualmente da sua Instituição, eis que também já servi ao Exército e conheço a realidade. Ademais, procure dirigir-se com mais respeito à nossa PMAL que tem homens valorosos.

  • Joilson Gouveia Cel RR PMAL

    Acho que o agastado leitor não entendeu nada do que escrevi, pois até meu nome grafou errado.
    Será que ele é mesmo o que diz ser?
    Não falei de forças armadas nenhuma e menos ainda sobre as americanas, lamento! É muito triste não ser entendido. Ou não sei me expressar?