Um advogado já ouvido pela comissão de magistrados que faz a investigação sobre DPVAT em Arapiraca, e cujo nome está sendo resguardado, também aponta o município de Santana do Ipanema como alvo do mesmo grupo criminoso, responsável pelo golpe milionário envolvendo o seguro obrigatório. 

A forma de atuação seria idêntica a que  Polícia Civil desvendou em Arapiraca. A comarca da cidade sertaneja, muito provavelmente, também será investigada pela Corregedoria do Tribunal de Justiça, juntamente com São Sebastião e mais dois municípios que ainda não tiveram os nomes divulgados. 

A expressão mais usada pelos magistrados que fazem a correição nos Juizados Especiais da maior cidade do interior alagoano é “perplexidade” – uma referência às relações de cumplicidade entre os personagens identificados até agora. Já não há dúvida entre os magistrados: o Judiciário terá de cortar na própria carne.

 

Benedito de Lira: "Se for para proteger A ou B, o PP está fora do chapão"
Almeida articulou eleição "carnavalesca" na Câmara
  • Idalgo

    Será????? Tomara que sim!!! Tem que olhar também na turma recursal daquela cidade!! Não é Dr…., que é natural de P.A. – AL

  • Santanense indignada

    Santana,São josé da Tapera, Pão de AÇÚCAR,Olho DAGUA DAS flores e BATALHA. ESTA É A ROTA DOS ADVOGADOS DO DPVAT. Em PÃO DE AÇÚCAR,QUEDA EM CAMPO DE FUTEBOL,GERA DPVAT.PODE? NA FACULDADE TODOS SABEM. TEM UM ADVOGADO LÁ QUE FICOU RICO DE UM DIA PARA NOITE. E AINDA QUE SER POLITICO.

  • PERPLEXO

    Essa é a nova Gangue do Seguro.Quem não se lembra da ex-Delegada da Políca Civil Graça Cavalcante que após ser condenada pela Justiça em Maceió fora demitida do serviço público. Desta feita espera-se que a Justiça corte na própria carne. E há muita carne a ser cortada. Confiamos no trabalho dos Juízes Auxiliares da Corregedoria.