Até ontem, o mutirão no sistema do prisional de Alagoas, que tem a participação de técnicos do Conselho Nacional de Justiça, já havia analisado a situação de de 1.534 presos. Destes, 447 já conseguiram alvará de soltura, o que não significa necessariamente que já estejam nas ruas. "Há uma pesquisa, antes, para saber se o detento tem outra ordem de prisão além daquela que foi sendo apreciada por nós", disse ao blog um dos magistrados que participam do trabalho".

O objetivo do mutirão é analisar um total de 1.780 casos de presos em Alagoas. O trabalho deve se extender até amanhã. A situação mais comum decidida pelos magistrados diz respeito ao relaxamento de fragrantes, mas há, também, a progressão de pena a que o detento já teria direito, como no caso do ex-policial civil Jesse James, o mais conhecido entre os beneficiados pela ação do Judiciário  até agora.

Com sessenta emendas, LDO de Maceió será votada na próxima semana
Supremo já pode julgar Mandado de Segurança de Washington Luiz - ele quer anular decisão do CNJ
  • Cidadão

    Meu Deus o Jesse James na rua? Joalheiros cuidado, o afilhado de João Beltrão está solto. Socorrrrrrrrrrroooooooooooooooo!

  • Cláudio

    Não entendo; com toda a tecnologia a um custo relativamente barato,(caro é criar taturanas) ainda tenha que se fazer “uma pesquisa para saber se existe outra ordem de prisão”.Se o sistema da justiça fosse integrado com a Polícia,e outros órgãos do estado, isso , não demandaria tempo.

  • Policial Militar

    Alguns ignorantes, revanchistas e derrotados no campo da luta ideológica têm atirado na mídia questionamentos a respeito da PM, cuidado falsos moralistas “O PERIGO REALMENTE EXISTIRÁ, QUANDO A PM ACREDITAR QUE ESTÁ POR SÍ SÓ”, preso merece respeito e não liberdade precoce, pensem nisso.

  • Ricardo Mota

    Obrigado pela observação Fernando.igor. Na pressa, terminamos cometendo horrores. Abraço. Ricardo Mota

  • anne

    esta de parabens o juiz responsavel por esse mutirão,tudo bem que nao são todos anjinhos,mas errar e humano e em muitos casos é primario tem res.fixa,trabalhador c/carteira assinada e por um deslize ou mesmo safadeza caiu no presidio e ate agora nao foi julgado, é justissimo.parabens

  • Jose

    O Jesse James não foi solto pelo mutirão, mas sim pelo próprio Juiz da 16ª Vara de Execuções.

  • FABIANO FERREIRA CAVALCANTE SILVA

    Agora esta explicado o porque de tanto assalto a onibus , bancos e roubos de carro, a policia prende e ajustiça solta!!! so aqui em alagoas mesmo!!!!

  • Carlos Leite

    Belo trabalho do CNJ, Presidência do TJ e Defensoria Pública. Isso prova quantas injustiças são cometidas por juízes retrógados e sem capacidade intelectual.

  • maluco com a injustiça

    para saltar bandido tem multirão, agora para o meu processo de adicional noturno nada. eita país de gente safada.

  • Cidadão

    Cuidado Magistrados para não acontecer do beneficio ir para os perigosos.

  • Ricardo

    Todos tem direito a voltar, mas soltar por soltar não dá, e para onde e o que eles vão fazer, a justiça vai saber?

  • zezinho de marechal

    Faz pena ver minha cidade. Se livrou de um tirano e foi entregue a um grupo de rapazes sarados, que vivem mais numa grande casa em massagueira que trabalhando. Eu fui enganado, votei querendo mudança.E já tem cara nova querendo ser deputado por aqui.

  • incredulo de tudo

    500 DA ONDE? DOS PRESIDIOS É QUE NÃO FOI.

  • Fidelis

    Só esta faltando a justiça pedir para a policia não prender mais bandido!

  • indignado

    Agora Jesse James na rua, um cria do coisa ruim, meu Deus, só na terra das alagoas…

  • Cidadão

    E… CADÊ A RELAÇÃO DOS PRESOS DOS PRSIDIOS QUE SAIRAM NO MUTIRÃO? ONDE ESTÃO ELES? E AS VAGAS QUE SURGIRAM FOI PRENCHIDOS POR QUEM? AS DELEGACIAS CONTINUAS SUPERLOTADAS. CNJ APRESENTE OS NOMES DO BENEFICIADOS COM O ALVARÁ.

  • vania

    o jasse james e um santo . deixe o cara solto home. tem ate evangelicos visitando o rapaz…tadinho. a igreja perdoa kkkkkkkkkkkkkkk