O juiz Diógenes Tenório, em entrevista ao Doze e Dez Notícias, afirmou que "tudo indica que partiu de dentro do Judiciário alagoano" a denúncia de pagamento indevidos feitos a magistrados locais, em valores que ultrapassam od R$ 110 milhões. Ele não citou nomes, mas disse que os interessados na divulgação das informações seriam pessoas que pretendem "nivelar a todos por baixo dentro da Justiça de Alagoas".

O ex-integrante do Núcleo de Combate ao Crime Organizado – que resultou na 17ª Vara Criminal da Capital – confirmou o recebimento de R$ 212 mil (sem os descontos), nos últimos doze anos, a título de diferenças salariais devidas ao conjunto da magistratura do Estado. Este valor é bastante inferior ao que consta do documento do TCU (mais de R$ 800 mil) que gerou a polêmica sobre o tema. 

Tenório afirma que todos os desembargadores receberam os pagamentos, o que não aconteceu com a totalidade dos juízes. "A ação da Amalgis, que apresentou a reivindicação legal, beneficia o cojunto dos magistrados. Na condição de juiz auxiliar da presidência nos últimos doze anos, além de integrar o Núcleo, eu vinha recebendo essa diferença salarial em pequenas parcelas a cada mês, o que não conteceu com outros juízes. Mas todos, sem exceção, têm direito ao mesmo crédito, o que varia apenas de acordo com o tempo de cada um na magistratura".

O Extra e o blog

Atendendo até mesmo à cobrança dos internautras que queriam ver reproduzidas, neste espaço, as informações que constam da matéria veiculada pelo Extra, eu esclareço o seguinte: as fontes do jornal não são as minhas fontes.O que é bastante comum em jornalismo. O profissional de imprensa vai criando, ao longo da sua carreira – e eu estou há vinte e nove anos nessa atividade –, as suas fontes, nas quais deposita ou não sua confiança profissional.

Não tive acesso ao "relatório do CNJ"  que deve ter sido entregue aos colegas do jornal por alguém da confiança deles. E eu respeito a decisão dos editores do Extra em publicá-lo segundo a avaliação que fizeram do seu conteúdo. Acho, também, que o semário cumpre um papel importante na imprensa alagoana, mesmo que discorde da abordagem de algumas de suas máterias ( e acredito que o contrário também é verdadeiro).


 

Por outro lado, ouvi alguns dos denunciados no relatório, o que pode ser constatado na postagem acima.

Sapucaia

Quanto ao desembargador Antônio Sapucaia, já hoje pela manhã, ele me afirmou que pediu oficialmente ao Tribunal de Justiça a sua ficha finaceira" – para saber o valor exato de quanto recebeu como diferenças salarias "legais", segundo afirma com vemência. Ele não admite, "em hipótese alguma" que seja o equivalente a mais de R$ 1 milhão, conforme o relatório do TCU.   

 

Sentença de Dilson Alves aponta Cícero Ferro como mandante da morte de Fernando Aldo
Presidente da Almagis diz que não há "relatório do CNJ" e anuncia quanto recebeu
  • ARTUR

    HUM REAL OU HUM MILHÃO ? NÃO IMPORTA O VALOR E SIM O ATO DE RECEBEREM CALADINHOS GOZANDO AS CUSTAS DAS MISÉRIAS DO POVO SOFRIDO E SEM A MESMAS CHANCES DE RECEBEREM OS PRECATÓRIOS. NO JAPÃO TODOS TERIAM SE SUICIDADO DE VERGONHA.

  • Paula

    Ricardo antes de mais nada sou uma fâ, vc é talvez o nosso melhor jornalista, mas acho que o CNJ não pisou na bola e vc tá muito BOMZINHO, com os taturanas do TJ, e o Sapucaia quanta decepção…em quem vamos acreditar!!!! abraço

  • Ricardo

    Tem juiz que empregou a família toda na prefeitura de Maceió. Como pode ele agora julgar contra os interesses do prefeito? É um absurdo!

  • DE OLHO

    -Ricardo.Quer Saber o Que Acho? TJ.ALE.São Todos um Mar de Lama!Temos uma justiça inoperante. lenta.Só Favorece Á Classe Rica Principalmete Politicos Corruptos…O Que vamos esperar de uma Justiça Dessa? É Lamentavel!!!!

  • Edinaldo Marques

    Caro Ricardo, o principal agora não é saber de onde partiu a notícia: dentro ou fora do judiciário. O essencial é saber, se é verdade ou não. Houve ou não recebimento irregular? Cada um dos citados deve apresentar a sua versão e esclarecer os fatos.

  • FRED

    O que se lamenta é que , não são dados oficiais, gente espera para vê, pois o nosso estado tem pessoas que divulgam qualquer coisa por OUVIR FALAR. Os integrantes do nosso judiciário esperam que o Conselho haja com dignidade nas suas AVALIAÇÕES.

  • O Chato!

    Excelente, tava inspirado em rapaz! E os cargos em comissão quando serão abordados?

  • Roberto

    E o entrevistado ainda fala que todos o juízes tiveram direito, mas só alguns receberam. Os demais podem esperar na fila. O restando do funcionálismo podem deixar seus créditos para a terceira geração.

  • Theo

    Caro Ricardo Mota, agradeço por mostrar o outro lado da notícia. Espero que alguns dos personagens envolvidos sejam culpados por alguma coisa. Para os advogados retos, nao há sentimento pior do que depender de magistrado mau caráter.

  • cláudio

    Parabéns Ricardo pela sua lucidez. Eu gostaria muito que nenhuma autoridade fosse envolvida em qualquer tipo de irregularidade.Mas Existe,agora há pessoas que querem nivelar por baixo,estar correto D

  • Carlos Nepumoceno chaves

    Muita gente quer realmente que todos sejam nivelados por baixo, Dr. Díogenes estar correto, e eu duvido que Juizes como Dr. Sapucaia, tenha recebido algum valor indevidamente, de má fé.

  • olival

    Caro Ricardo falta o cnj ir na prefeitura de maceio pois lá é um cabide de emprego de desembargadores e juizes,principalmente agora que o prefeito que salvar seu primo neri almeida da cassação

  • flanelinhs do sinal do hiper

    Fico no sinal do hiper, trabalhando tentando ganhar o pão de cada dia, sem rouba ninguem, estou aquipor que não tem emprego, nem educação. E esse juizes tem coregem de roubar a gente, cadeia é pouco a morte tambem, deve se expulso do cargo e banido do país.

  • Vitor

    Ricardo, vai ver que foi pela falta de memória q Dr Sapucaia se aposentou;1º não lembrava da renovação da cnh, depois que o sindicata do DETRAN não era legal e agora esqueceu a quatia que recebeu? imagina se fosse pouco dinheiro.Vê se publica cara!.

  • luis alberto

    Ricardo quantos servidores do TJ recebeu o seus atrasados pergunte os poderosos do TJ,queremos o que é nosso de direito. fora falsos moralista tente encobrir agota as falcatruas, tj de lama.

  • Marta Mafra

    Olá Ricardo, Parece brincadeira o que vcs fazem. Soltam a notícia de qualquer maneira sem fazer prévia análise. Isso é maldade pura. É anti-democrático, chega a ser cruel. Ouve o pessoal caramba…. depois informa com exatidão a sociedade.

  • JAIRO SILVA

    EM ALAGOAS EU NAO VIVO MAIS FIZERAM UM PACTO FOI COM O SATANAS.OS TATURANAS ESTAO DE PAPO CHEIO POR SORTE NOSSA FIZERAM O BLOQUEIO.OS MAGISTRADOS?NAO,OS GOGOZEIROS ACHARAM POUCO E LEVARAM O DINHEIRO.MAIS OH MEU DEUS A QUEM VOU RECORRER SE A IMPRENSA É MUDA E A JUSTICA NAO VE.

  • Antonio Alves

    Tem taturana aqui como se fosse leitor imparcial. Sapucaia é um homem de bem. O Extra é uma metralhadora giratoria, acerta tudo, até inocentes. Existem, sim, pessoas de bem e muitos aqui nao sabem nem o que essa complementação é. Respeitem os outros e não façam julgamentos precipitados.

  • Hagá

    É preciso muita prudência, para avaliar esse tipo de situação, evitando cometer-se alguma injustiça. A apuração é essencial, mas frequentemente servidores e empregados de empresas públicas em Alagoas, como em qualquer lugar do Brasil, têm reconhecidos direitos a diferenças.

  • xxxx@xxx com br

    Ricardo, por que até agora ninguém fala nos valores que os serventuários do TJ têm direito? Direito este reconhecido pelo STF e que o TJ se nega a pagar dizendo que não tem dinheiro para isso. E sei de um monte de juiz que recebeu essas “diferenças salariais”!A maioria RECEBEU!

  • Cicero

    É impressão minha ou o nobre jornalista está condescendente com a togaturana descoberta no TJ-AL? Ricardo não ponha sua credibilidade em dúvida, por um judiciário corrupto em sua grande maioria,todos os recebimentos foram ilegais, por falta de uma lei que regulamentá-se estes pagamentos.

  • JOSÉ M FILHO

    Eita Alagoas sem jeito. Até quando a corrupção nos tres poderes vai ficar apenas em mais uma noticia para ser esquecida em poucos dias.

  • luiz gomes

    vou dá de presente ao senhor Sapucai uma aurela de Santo Sapucai, ele canta onde esta o dinheiro o gato comeu e ninguem viu o gato sumiu onde esta o dinheiro………….

  • PAULO TEIXEIRA

    CARO RICARDO MOTA: VERGONHOSO É UM EX CORREGEDOR DE JUSTIÇA ENVOLVIDO NESSES MILHÕES, SE O CNJ INVESTIGAR ESSE SEBASTIÃO, VAI APARECER MAIS COISAS ABSURDAS. QUE TRISTEZA!!!CADÊ A SERIEDADE DA JUSTIÇA.

  • Bruna Dias

    Ricardo você é um jornalista respeitado. Não é igual aos que fazem o Extra. O povo precisa acordar e ver que o Extra está a serviço dos deputados Taturanas. Todo mundo tem direito a receber diferenças salariais devidas. Por que então, estão crucificando o Judiciário?

  • Bruna Dias

    Ontem o Dr. Sapucaia era um homem de bem. Basta um jornaleco que vive de manchar a honra dos outros (jornalistas do Extra respondem a muitos processos por calúnia, para o povo deixar de acreditar nos mais de 30 anos de serviços prestados com dignidade pelo Dr. Sapucaia no Poder Judiciário. Pode?

  • DÊVIS KLINGER

    ACREDITO QUE O JUDICIÁRIO ALAGOANO EM SUA GRANDE MAIORIA É FEITO POR JUÍZES HONESTOS,ENTRETANTO, EM TODAS AS CARREIRAS E PROFISSÕES EXISTEM OS QUE PEGAM NA MERDA E NÃO QUEREM SE MELAR(DESCULPE A EXPRESSÃO) MAS É A NOSSA INDIGNAÇÃO E O NOSSO REPÚDIO AOS QUE COLOCAM EM XEQUE A NOSSA JUSTIÇA