Não é a primeira vez que a denúncia chega à OAB, e, por isso, vai ser encaminhada agora à Polícia Federal. Um candidato a vereador em Maceió, que seria dono de vários açougues no Estado, é acusado de distribuir carne com os eleitores, nos bairros pobres da periferia. A "generosidade" só está sendo demonstrada no período eleitoral, não representando, portanto, um ato de caridade constante. A atuação do empresário-candidato se dá principalmente nos conjuntos residenciais do Tabuleiro do Martins. Teria sido assim, por exemplo, no Conjunto Dênisson Mnezes, no último final de semana. Como a criatividade popular não cessa nunca, o empresário já foi batizado de "candidato carniceiro". Faz sentido.  

Coronéis processam procurador-geral do Estado
Luna diz que PF vai fazer operação contra pedófilos em Alagoas
  • Marcelo Silva

    Alagoanos, tomem cuidado! Há um advogado muito famoso e defensor de políticos ladrões e matadores, que está arregimentando um movimento junto a outros advogados inescrupulosos iguais a ele, chamado de “desjudicialização do processo eleitoral e do processo legislativo”,…

  • carlos

    ue eleicao cheia de coisa estranha, Vereador Tatu , Taturana e carniceiro . .. sera q seria d+ dizer aqui ” cadeia neles ” ?

  • VÍTIMA DO DETRAN

    Desculpem comentar outro assunto, mas, preciso desabafar: estou tentando emplacar um veículo zero km desde o dia 28/08/08 e não consigo. Dirigir não pode, nem emplacar também. Será que estão sabotando a administração do dr. Antonio Sapucaia? É uma vergonha!

  • carlos

    Nossa, essa eleicao tem cada coisa estranha . .. . Vereador tatu, tatura e “cadeia neles ” … eu heein ?! ate que tem sentindo . .

  • Jequiá

    A carne é fraca. Lá em minha terra é sexta básica , qd. é semana santa, é regada a vinho jatobá. Não tem mais jeito, acabou. Justiça…

  • Mariana Queiroz

    Partindo de tipo de “político”: essa carne, no mínimo, é de origem clandestina.

  • silvio

    Muito boa Ricardo é bom que se denunccie mesmo estes ratos de igreja que querem mostrar bondade apenas em épocas eleitoreiras.

  • MACEIOENSE

    TEM QUE MOSTRAR. TEM QUE DIZER O NOME DE QUEM ESTA COMENTENDO ESSES CRIMES ELEITORAIS.

  • Republicano

    Deve ser carne de urubu.. De político é só o que se pode esperar! E esse povo de Maceio tem os politicos que merecem!!!!!!!!!!!!

  • Diogo Gonzaga

    Pois é, já dizia o poeta: “Quem tem mel,dá o mel; Quem tem fel, dá o fel; Quem nada tem, nada dá!” Completo eu: …quem tem açougue, dá carne!!! Dê nome “ao boi”, Ricardo Mota!!!

  • MARTA LOURENA

    Denuncia de candidato da carne, cadê as providências sobre as denuncias do Sr. Nery Almeida.

  • Claudio Menezes

    ESPERO QUE TODOS OS CANDIDATOS QUE COMETEM ESTE TIPO DE CRIME ELEITORAL SEJAM PUNIDOS, PRINCIPALMENTE OS COMPRADORES DE VOTOS! SÓ NÃO ENTENDO COMO É QUE TODOS NÓS SABEMOS DAS COMPRAS E A POLÍCIA NÃO!

  • Everson

    faz sentido, e se faz…Carnicero é açogueiro em Espanhol. E se se distribue carne é pq é açogueiro e nada mais justo que denominá-los de carniceros..Faz jus o codinome, kkkkkkkkk.

  • ESTUDANTE DE DIREITO

    Lamentavelmente o politico q confiou no TRE, na PF se ferrou.A propaganda do TER onde uma mulher pede para nao vender o voto por 50,00 teve efeito contrario. So prendendo, politicos importantes, lideres de pesquisas (compradores de votos) e que se resgatara a imagem do TRE,PF,OAB ETC