O juiz Manoel Cavalcante revogou, agora há pouco, a decisão que concedeu segurança oficial ao deputado estadual Cícero Ferro, afastado do mandato. Presidente do Conselho Estadual de Segurança Pública – a quem cabe a decisão sobre o tema-, o magistrado soube hoje, depois da publicação em Diário Oficial, do atendimento ao pedido feito pelo parlamentar a um dos conselheiros – que resolveu acatá-lo. Pela decisão, dois policiais militares passariam a fazer a segurança do deputado, que já teve, disse o juiz, dois pedidos com o mesmo objetivo rejeitados pelo colegiado. Com a cassação da decisão, determinada pelo doutor Manoel Cavalcante, a questão será levada à reunião do Conselho, no próximo dia oito de setembro. E já conta com o voto contrário do magistrado que preside o colegiado. A revogação da decisão, garantiu ao blog o juiz Manoel Cavalcante, é automática."Os policiais só farão este trabalho se o Conselho, por maioria de votos, assim decidir. Até lá, eles retornam às suas atividades na Polícia Militar".   

Eleição em Palmeira dos Índios põe em confronto Vilela e Collor
OAB investiga denúncia de troca de água por voto
  • justo

    Até que em fim, um Homem que faz o certo. Que se publique o nome deste conselheiro, para que outros solicitem segurança particular paga com o dinheiro público; ele acha pouco o dinheiro desviado, ou ele recebeu também?

  • Artur

    SERIA MAIS ÚTIL OS POLICIAIS NAS RUAS DEFENDENDO QUEM NUNCA MATOU E QUEM NUNCA PENSOU EM ROUBAR MAS,COMO OS VALORES EM ALAGOAS ESTÃO INVERTIDOS, QUE SEJA ASSIM.

  • CIDADÃO INDIGNADO

    SE ELE DESVIOU TANTO DINHEIRO DA ASSEMBLÉIA, PORQUE NÃO PAGA SUA SEGURANÇA PARTICULAR????

  • jobson

    Por que se meteu em encrencas? não tem coragem de enfrentar? resolva só, segurança é para a população.A populaÇão paga imposto ate demais, deputados, recebe e desviam verdadeiras fortunas.Será se vai desmentir a P.F?

  • alagoana

    è interessante, como estes taturanicos continuam com regalias dadas pelo próprio governo..de que adianta isso?Continuamos jogados a traças por esse governo fraco.

  • robson

    Parabéns Meritissímo, enquanto o povo da periferia sofre com constantes assaltos e descargas de drogas pelos jovens por falta de policiais, pessoas como essas desfilam com três ou mais seguranças pelas ruas intimidando o povo.

  • Bel

    Mais uma piada de mal gosto! O cara é um dos acusados de surrupiar o erário público e o povo alagoano, que foi surrupiado, é que tem que pagar a sua segurança! Conta outra, que o pessoal da Sururu de Capote esta morrendo de rir (ou de fome).

  • HIPOCRISIA

    QUANTA HIPOCRISIA DO POVO ALAGOANO, VAMOS FAZER O CERTO, DEIXA O FERRO RESPONDER AOS CRIMES DELE VIVO, E NÃO O JOGANDO PARA OS CÃES QUE QUEREM VÊ-LO MORTO. JUSTIÇA NÃO É ISSO E CONTINUA A LEI DO TRABUCO AQUI NESTA TERRA SEM DESTINO.

  • carlos lima

    Só faltava essa, taturana de guarda-costas pago com o erário público!

  • Rúbio

    Correto! Que empregado contrate? Até que fim…

  • Artur

    RICARDO, AGRADEÇO AO GERENTE DO BANCO BRASIL PONTA VERDE PELA SUBSTITUIÇÃO DAS BANDEIRAS. O GERENTE É O RESPONSAVEL PELO CONCEITO DO BANCO EM QUE TRABALHA. OBRIGADO PELO ESPAÇO.

  • Feliz

    Deixem o coitado livre e solto!!!

  • Ana

    Sr. quer ter seguranças? Pague.

  • PORCELANA

    É BRINCADEIRA UMA COISA DESSA! SEGURANÇA PAGA POR NÓS! ELE QUE PAGUE COM SEU DINHEIRO NOJENTO!ENQUANTO ISSO NÓS ALAGOANOS ESTAMOS A MERCÊ DE TODA INSEGURANÇA POSSÍVEL!!