O comandante da Polícia Militar, coronel Antônio Padilha, pediu licença de 15 dias para resolver problemas pessoais. Já assumiu o sub-comandante Deraldo Barros. Este período, estima-se dentro da PM, será suficiente para que se acelere o processo de promoções na corporação – agora é turma relativa ao ano de 2007. A Polícia Militar continua sendo o principal problema enfrentado hoje pelo Secretário de Defesa Social. O delegado Paulo Rubim, com mais de dois meses no cargo, não conseguiu ainda nomear o comando que considera ideal para a instituição. Pior: existem problemas sérios no policiamento ostensivo da capital, principalmente, por conta da falta de veículos – ao mesmo tempo em que há dinheiro em caixa.   

O motorista recordista de diárias

Trabalha na secretaria estadual de Educação e atende à secretária Márcia Valéria Lira Santana. Só este mês, José Ronaldo Vieira Lima recebeu 10 diárias para transportar a titular da pasta da Educação no percuros Maceió-Aracaju-Maceió. Total: R$ 1.600,00. Foram dez dias corridos  transportando " a Senhora Secretária" neste itinerário – de 9 a 19 de junho – segundo a portaria nº 432, publicada no Diário Oficial da última segunda-feira. Coincidência das coincidências,  a secretária, considerada uma técnica das mais competentes e experientes (com convites para trabalhar em outros Estados) residia em Aracaju antes de assumir o posto em Alagoas.

Saúde, de novo, na Justiça

Foi graças a uma liminar concedida pelo juiz plantonista Sérgio Persiano que 28 pacientes internados na Unidade de Emergência Armando Lages puderem ser transferidos para leitos da rede hospitalar privada. Devido à superlotação do pronto socorro, o defensor público Ricardo Melro, mais uma vez, apelou à Justiça para desafogar o único hospital público de Maceió capaz de atender aos casos de urgência e emergência. Na verdade, o pedido era para atender a 36 pacientes, que chegaram a UE em quadro agudo de AVC, coração etc., mas que precisavam dar continuidade ao tratamento depois do atendimento inicial. Alguns (ainda não se sabe o número exato) morreram, segundo Melro. Há um convêncio firmado entre as secretartias estadual e municipal – Maceió- de Saúde, garantindo 240 leitos na rede particular, mas eles nem sempre estão disponíveis. Ou seja: a crise continua grave.

Controladoria vai investigar diárias na Secretaria de Educação
Deputado Dino Filho devolve dinheiro à Assembléia
  • ana

    Que absurdo!Gente morrendo sem está na hora,o dinheiro da saude todo desviado por essa corja suja de politicos corruptos! Isso em todo o Brasil! Que podemos fazer para termos homens e mulheres de bem no comando da coisa publica?ana

  • Beatriz

    Só o coitado do Bombeiro que não ganha diária. Trabalha arriscando sua vida e escuta todo mês o comando dizer que o Estado não tem dinheiro para pagar as diárias. Mas, as dos oficiais… essas são pagas.

  • carlão

    Pois é Ricardo! Ainda bem que vc chegou a prestar atenção nessa farra de diárias a favor de um motorista da SEEE, mas e quanto à Secretária “turista” da pasta? Há fartas diárias também! No mais, até hoje espera-se que esta “cidadã” sergipana (lá domiciliada), mostre a que veio!

  • PMAL=Reino das Injustiças

    Enquanto isso, nós pobres policiais que trabalhamos no Interior, deslocando-nos de carona e arriscando mto mais as nossas vidas, APESAR DAS LEIS DAS DIÁRIAS, não recebemos as que temos direito. Kd MP, OAB e associações precisamos receber nossas diárias, trabalhamos né.

  • Helder Lopes

    As diárias, mal pagas evidentemente, são um ralo por onde escoem muito do dinheiro público. É difícil encontrar um órgão no governo onde não haja um uso indevido desse instrumento… Mais uma demonstração de “esperteza” de nossos gestores.

  • jornalista

    Gente, o coronel padilha foi o unico que se sensibilizou com as promoções travadas na PMAL. Foi o unico que se movimentou para as promoçoes acontecer. Enquanto os coroneis caducos continuam mamando. Ricardo fale algo a respeito.

  • Roberto

    esta secretaria turista so da 2 dias de espediente na semana, sera que foi esse o acordo feito com o governador.

  • Carolina

    Isso é o de menos, à Secretária “turista” (como se referiu muito bem o Carlão)está devendo muito como “técnica competente”, mas como sempre a secretaria mais sofrida e sucateada, com pessoas pouco comprometida é a Educação.Mas para que serve mesmo a educação?

  • mateus

    Dá ma olhada na ADEAL a condição de lá é pior quase todos os dias têm diárias publicadas no Diário Oficial e o que é pior para funcionários terceirizados celetistas que ocupam lugar de concursados. Nosso estado está há muito tempo uma vergonha! Nunca se deixou de fazer tanto…

  • professora

    ricardo, admiro muito sua postura profissional, é lamentável o blog de colegas seus abrir espaço p/ pessoas denegrirem a imagem de outras sem nenhuma responsabilidade. isso é muito sério, e preciso achar um meio de punir quem age c/ tal inconsequência. O site começa a perder credibilidade.

  • Mark Clarck

    Enquanto isso, todas as diarias da PM e BM foram cortadas… alegam contenção de gastos. Quanto as promoções: ninguem quer largar o osso, quem vai querer promover o Dário e o Sena, sabendo q assim q forem promovidos, os outros caem do cargo q hora ocupam? e o tempo vai passando

  • Ronaldo

    Se você verificar direito o diário oficial, verá que todos os motoristas da Educação Estadual, sem exceção, recebem 10 diárias estaduais ao mês independente de viajarem ou não. Dúvidas, pergunte a algum funcionário daquela pasta.

  • Bernardino SoutoMaior Neto

    Honestemanete, nunca se viui tanta diária cedida na Educação. Houve tempo que Educação era tratada como assunto sério. Qdo dra.Eunice Nonô foi secretaria. Ela chegou a devolver diária. Mas, já não se faz secretaria como doutora Eunice Nonô. Acorda governador.

  • Teresa

    Não defendendo a gestão atual, mas… meu caro Bernardino, não foi esse céu azul q vc afirma, pois sabemos que Márcia Souto Maior e mais outros servidores, foram, se não me falha a memória, p/ CHILE, por conta do erário.Época em que o servidor estava com salário atrasado.

  • Carlão

    Em relação ao comentário da “professora”, considero lamentável a postura desta “dependente” que tenta defender a “turista” secretária, atacando o blog do Ricardo. Desconsidere tal bobagem meu nobre e mantenha a postura democrática deste tão importante “instrumento”.

  • Sylvio De Bonis Almeida Simões

    O Chefe do Poder Executivo indiciado em falcatruas; diversos membros do Poder Legislativo também; o Secretário da SEDS não conhece nada da legislação pertinente,…, sinceramente, não há como esperar um processo de promoção digno para os militares estaduais. Sofram: Alagoas e alagoanos!

  • B ernardino Souto Maior Neto

    Tereza, a professora Márcia Souto Maior – por acaso minha esposa – não foi p/Chile. Mas, Colômbia, convidada com tudo pago pelo MEC.E na contabilidade da secretaria tem as devoluções de diária desta honra mulher: dr. Eunice Nonô.Confira.

  • PMAL = Reino das Injustiças

    Ninguém vê o q estão fazendo com os militares… Kd as autoridades competentes. Trabalhamos não recebemos diárias (mas as dos coronéis nunca faltam).Mtos capitães estão em curso no horário de expediente e suas funções nos quartéis a peaozada q dê conta… Só absurdos.