Nova pesquisa aponta que “13 Reasons Why” aumentou buscas na web por suicídio – Popzeira

Voltamos a falar de “13 Reasons Why” e sobre as consequências que a série da Netflix, lançada em março deste ano, trouxe para o mundo.

É verdade que muita gente já falou que a série, por relatar a história de uma protagonista que suicida, incentiva à prática de tirar a própria vida. Mas também é verdade que outras pessoas disseram que a produção quebra o tabu do tema e faz com que pessoas procurem ajuda.

Para dividir ainda mais as opniões, uma pesquisa da JAMA Internal Medicine, divulgada recentemente, aponta que houve um crescimento na busca online pelo termo “suicídio” durante os primeiros dias após o lançamento de “13 Reasons Why“, 31 de março e 18 de abril.

Veja também:

Netflix está produzindo nova série do “Cavaleiros do Zodíaco”

Você vai se emocionar com “In a Heartbeat”, curta animado com temática LGBT

Segunda temporada de “Westworld” tem data de estreia revelada

O estudo foi baseado nos dados do Google Trends e no histórico de buscas do site. Segundo ele, durante o período, foi constatado um número de 900 mil a mais do que o esperado nas buscas – e estavam entre os mais pesquisados termos, como: “métodos de suicídio” e “prevenção ao suicídio”.

O estudo ainda apontou que a produção SIM está correlacionada com o número de pessoas que tiraram sua vida e o aumento daquelas que procuraram ajuda. Porém, argumentou que os produtores deveriam ter dado mais ênfase à prevenção.

Após a veiculação da pesquisa, a Netflix declarou à imprensa: “Nós sempre acreditamos que este programa aumentaria a discussão em torno deste assunto difícil. Este é um estudo interessante e quase experimental que confirma isso. Estamos ansiosos por mais pesquisas e considerando tudo o que aprendemos com coração, à medida que nos preparamos para a 2ª temporada“.

SE VOCÊ CURTIU ESSA MATÉRIA E QUER FICAR POR DENTRO DE OUTRAS ‘POPZEIRAS’, SIGA A GENTE NO INSTAGRAMFACEBOOK E TWITTER!