Presidente promete anular placa Mercosul no Brasil
R$ 47 milhões: carro mais caro do mundo já tem dono

Segundo o presidente Jair Bolsonaro as rodovias federais deixarão de ter lombadas eletrônicas. Durante uma transmissão ao vivo em suas redes sociais o Presidente da República afirmou nesta quinta-feira que discute com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, o fim das lombadas eletrônicas.

O presidente afirmou que novos equipamentos já não serão mais instalados nas rodovias e as lombadas eletrônicas já existentes não devem ter suas validades renovadas.

“Há uma quantidade enorme de lombadas eletrônicas no Brasil, é quase impossível viajar sem receber uma multa. A gente sabe, ou desconfia, que o objetivo não é reduzir os acidentes”, analisou Bolsonaro.

Ainda em seu pronunciamento, o presidente afirmou que as empresas de estradas pedagiadas “descobriram que o monitoramento pode fazer parte do tipo de serviço que aumenta a arrecadação”.

E aí você concorda com a decisão do presidente? Deixe seu comentário.

Com informações do R7

  • Adalberto Gomes

    Aumentando os acidentes nas estradas em 3. 2, 1.

  • GUSTAVO MENDONÇA

    Para acabar com essa história de indústria de multa, basta que TODAS as multas de trânsito tenham seus recursos direcionados TOTALMENTE ao SUS ou BOLSA FAMÍLIA. As lombadas são importantes.

Deixe uma resposta GUSTAVO MENDONÇA
Cancelar reply