Peugeot 3008 agora é um SUV! Primeiros compradores levam patinete elétrico de brinde
Audi R8 Spyder V10 plus: por R$ 1,2 milhão ele pode ser seu!

Parece que virou moda entre as montadoras apresentar as versões de seus novos modelos a conta-gotas. Depois de apresentar as versões de entrada e 2.0 do Captur a Renault apresentou nesta semana as versões equipadas com motor 1.6 com opção do câmbio X-TRONIC CVT.

A transmissão X-TRONIC CVT, amplamente utilizada pela Aliança Renault-Nissan em todo o mundo, está disponível no Captur 1.6 SCe. Segundo a montadora, o casamento do câmbio continuamente variável – que tem opção de seis marchas simuladas – com o novo motor 1.6 SCe garante um rodar suave e silencioso em velocidade de cruzeiro. Mas o Blog ainda não pode dar uma análise sobre o desempenho porque ainda não testou o modelo.

 

O Captur CVT é fruto do desenvolvimento da equipe de engenharia da Renault Tecnologia Américas (RTA), que tem como objetivo desenvolver produtos voltados às necessidades e ao perfil do consumidor latino-americano.

Segundo a montadora, a opção com câmbio CVT deve corresponder a 60% das vendas do Captur.

Com a oferta do câmbio CVT, o Captur passa a oferecer duas opções de motorização e três de câmbios:1.6 SCe manual, 1.6 SCe X-TRONIC CVT e 2.0 16V automático.

Preços:

Captur Zen 1.6 Manual – R$ 78.900

Captur Zen 1.6 X-Tronic CVT – R$ 84.900

Captur Itense 1.6 X-Tronic CVT – R$ 88.400

Captur Intense 2.0 Automático – R$ 91.900

 

Atualmente não há comentários.