Você sabia que, ao cuidar do seu pet, fazendo todos os protocolos vacinais, de remédio de verme e outros procedimentos, tanto ele quanto você poderão ter uma vida tranquila e saudável? 

Pois é, de acordo com fontes do Ministério da Saúde, Governo Federal, Conselho Federal de Medicina Veterinária e o Sistema Único de Saúde (SUS), os animais domésticos que não recebem cuidados adequados podem transmitir várias doenças para seus tutores.

Confira as doenças mais comuns que podem ser contraídas a partir do contato com pets infectados:

Toxoplasmose: adquirida por ingestão de água ou alimentos contaminados por fezes de gatos infectados.

Raiva: provocada por vírus a partir de mordida, lambida ou lesão de animais raivosos.

Bicho geográfico: adquirida principalmente em área com presença de fezes de animais domésticos.

Leptospirose: transmitida pelo contato com a urina, água e alimentos contaminados pela bactéria.

Esporotricose: causada por fungos, ocorre por mordida e arranho de gatos e cães doentes. Causa lesões na pele e pode chegar a outros órgãos.

Leishmaniose visceral: transmissão por picada de insetos conhecidos como mosquito palha e birigui, dentre outros, que picam animais infectados e, logo depois, picam o humano.

Mas, aí vocês perguntam: quais os cuidados essenciais para a saúde do pet?

Seguem eles aqui:

Vacinação: previne doenças graves e/ou transmissíveis para humanos. Estas últimas se chamam zoonoses.

Castração: evita superpopulação, abandonos, doenças uterinas, câncer e agressividade. É uma questão de saúde pública, pois combate as zoonoses.

Visitas ao veterinário: é importante realizar, pelo menos, uma consulta ao ano.

Controle de parasitas: fique atento a infestações como a de pulgas e carrapatos.

ATENÇÃO: Observe sempre qualquer mudança de comportamento ou h[abito do seu animal, pois pode sinalizar doenças.

Leve seu pet periodicamente às consultas veterinárias e previna quaisquer possíveis problemas de saúde!

Fontes: CFMV, Governo Federal, SUS e Ministério da Saúde

Como agir para que seu pet não passe mal durante a viagem?
Linha de vinhos JoliPets, da Vitivinícola Jolimont, apoia entidades que acolhem animais após as enchentes do RS
Atualmente não há comentários.