CRB 1 x 0 LONDRINA – Foi com sofrimento e emoção , O galo segue firme na busca do acesso – Blog do Marlon
CSA 0x0 Confiança - silencio no Rei Pelé e chances de acesso diminuidas
Mesmo com chances desperdiçadas de G4, CRB e CSA ainda estão fortes na disputa

CRB vence a segunda seguida em casa e segue firme na briga por acesso – Foto: Francisco Cedrim

Com desempenhos e resultados diferentes, CRB e CSA desperdiçaram chances consistentes de G4 com um jogando para fechar a 33ª rodada e outro jogando para abrir a 34ª rodada.
A derrota do CRB para a Ponte Preta, o deixou sem possibilidade de depender do seu resultado para assumir a 4ª colocação. Para atingir a posição sonhada, o Galo precisa vencer o Londirna, hoje a noite 21h30, no Rei Pelè e torcer que o Goiás não vença o Coritiba, no mesmo horário em Goiânia.
Já o CSA abriu a rodada e desperdiçou a chance de cravar sua participação no G4 – entrando pela 1ª vez entre os quatro melhores da Série B. Isto porque cedeu o empate ao Avaí. Se tivesse vencido, seria terceiro colocado sem depender de qualquer outro resultado fossse do Goiás ou do CRB, mas não deu. Sendo assim, o CSA dormiu no G4, mas a posição só é definida ao final da rodada, pois o CSA poderá perder até três posições, caindo para sétima posição.
Apesar das posições desfavoráveis e sem depender de si mesmo, CRB e CSA ainda estão muito bem posicionados na briga por acesso, inclusive com chances de subirem juntos. As tabelas são bastantes favoráveis aos dois – CSA tendo Confiança (c), Coritiba (f) e Brasil (c). E, o CRB com Londrina (c), Brusque (f), Vitória (c)) e Operário (f).
Pensamento positivo não joga, não entra em campo, mas é legal neste momento ter uma força a mais, ter estrutura e capacidade para recuperar melhor os jogadores do excessivo desgaste e principalmente ter elencos com força mental para superar as pressões desta reta final. Tão importante quando estes três fatores é que os técnicos continuem atuando bem e que os principais jogadores, aqueles com poder de decisão possam exercem essa capacidade dentro de campo.
Apesar das dificuldades, a oportunidade histórica está batendo a nossa porta e eu sou muito mais Alagoas.

Atualmente não há comentários.