CSA empata em casa mas ainda está na luta por classificação – Blog do Marlon
CRB empata em Salgueiro e tem situação confortável na Copa do Nordeste
CRB vence e permanece lider; CSA é derrotado mas segue no G4

CSA e 4 de Julho empatam no Rei Pelé – Foto: Augsuto Oliveira – ASCOM CSA

O CSA enfrentou o 4 de Julho no Estádio Rei Pelé pela penúltima rodada da fase de classificação da Copa do Nordeste e não passou de um empate em 2 a 2.

Com o objetivo traçado pelo time azulino, o resultado não foi bom. O time desperdiçou a clara oportunidade de antecipar a sua classificação para a próxima fase. Mas dentro da condição do grupo B, os resultados de sábado ajudaram e o CSA se mantém em segundo e dependendo apenas de suas próprias forças para ser um dos classificados.

O time saiu perdendo, buscou a virada mas em um erro do zagueiro Rodolfo Filemon, o contra-ataque foi criado e o CSA tomou o gol de empate. O time ainda criou algumas oportunidades contundentes para marcar. Teve pelo menos três grandes defesas do time de Piripiri, teve bola na trave e um volume de jogo maior, mas é necessário ressaltar que o 4 de Julho não foi um time acovardado, saiu para o jogo, Não ficou todo atrás só dando chutão, nem usou de antijogo para parar o CSA. O time piauiense jogou dentro das suas dificuldades, das suas limitações e fez um bom jogo.

Mais uma vez, Mozart deu sinalizações positivas de uma ideia de jogo voltado para ofensividade. Em determinado momento, o time chegou a ficar sem volantes em campo, dando um claro feedback que acreditava ou que deseja a vitória. O CSA segue apresentando um bom repertório ofensivo, criando mecânicas de construção de jogada bastante interessantes, mas peca muito defensivamente, com erros individuais e de posicionamento. No primeiro gol, por exemplo, o CSA tinha sete jogadores na área e não possuía um posicionamento de rebote básico na frente da área. No segundo, Filemon perdeu a bola na altura do meio campo, ainda no seu campo defensivo, e proporcionou um contra-ataque mortal.

O CSA ainda busca o equilíbrio entre a qualidade ofensiva e a necessidade de ter mais correão na parte defensiva. Nos próximos oito dias, o CSA terá três jogos a disputar, em três competições distintas, com as partidas pela Copa do Nordeste e pela Copa do Brasil valendo R$ 2 milhões de reais em cotas.

Atualmente não há comentários.