CSA conquistou um ponto que precisa ser muito comemorado – Blog do Marlon
Cabo consegue leitura que decide e CRB retoma eficiência fora de casa
Ponto somado para o 1º objetivo mas somente para isso

Gómez comemora muito o gol e o empate com o Atlético – Foto: ASCOM CSA

 

O empate do CSA com o Atlético precisa ser comemorado e muito comemorado como um ponto conquistado. O time mineiro foi superior ao longo de toda a partida, notadamente, no segundo tempo a superioridade foi mais latente.

Sem conseguir fazer uma partida correta e sem inspiração, o CSA acabou sendo envolvido e escapou da derrota em uma ótima atuação de João Carlos.

Apesar de não sair da zona de rebaixamento, o CSA tirou um ponto em relação ao Fortaleza e poderá permanecer com o mesmo número de pontos que o Ceará. Agora é tentar ser competitivo e voltar com um bom resultado contra o Botafogo, visto que   o time da Estrela Solitária vem em viés de queda e poderá entrar no grupo que briga contra o rebaixamento.

O jogo tático

Alecsandro marcou gol importante que abriu o marcador no Rei Pelé – Foto: ASCOM CSA

 

Todo mundo esperava que o Atlético viria com três zagueiros como vinha atuando com Rodrigo Santana. Eu duvidava. Não acreditava que o Atlético faria uma linha de cinco para enfrentar o CSA. Minha suspeita se confirmou quando a bola rolou. O Galo mineiro vinha com Rever centralizado, como primeiro volante, tendo um meia para cada lado ( Vinicius e Elias), dois extremo abertos (Luan e Marquinhos), com Di Santo mais a frente.

O CSA atuava da mesma maneira, com o mesmo modelo, só que Apodi jogando pelo lado direito e Bustamante pelo lado esquerdo. O jogo se desenhou de maneira equilibrada, só que o CSA apresentava muita imperfeição na hora do passe final para a finalização.

Com isso estava desenhado, o CSA construía e não conseguia finalizar, enquanto o Atlético começou a finalizar forçando João Carlos a fazer boas defesas. CSA finalizou com perfeição em duas oportunidades, as duas com Alecsandro. No momento do gol, Naldo roubou a bola na marcação em uma saída de jogo de Fábio Santos e deu uma assistência para Alecsandro ser rápido, se antecipar a marcação do Leonardo Silva e cabecear para abrir o marcador. Assim terminou o 1º tempo.

O Atlético voltou para a segunda etapa com uma mudança. Maicon Bolt no lugar de Marquinhos.  O CSA voltou com o mesmo time. O time mineiro tinha um jogador com uma estatura boa (1,83) mas com velocidade. Falei que o CSA não precisava atrair o Atlético para o seu campo, não precisava marcar baixo. Ele precisava ter a precisão no passe para nestas condições definir o jogo. Até porque o Atlético vive um momento difícil na competição e precisaria se expor um pouco mais.

A mudança feita ativou o corredor esquerdo do Atlético. Bustamante não entrega o momento de recomposição e Fábio Santos passou a aparecer, criar situações de jogo com uma efetividade muito superior ao Guga. E foi por este caminho que o Atlético começou a crescer na partida. Luan flutuava pelo corredor central e possibilitava a superioridade numérica do time mineiro sobre o time alagoano. Em alguns momentos , o Atlético apresentava até quatro contra dois pelo corredor central. O Galo começou a bombardear até que chegou ao gol de empate, com uma finalização do Rever, desvio do Naldo. Gol de empate fazendo justiça ao melhor momento do Atlético. Veio então a troca com Ricardo Oliveira no lugar de Di Santo e aumentou o poder de fogo do Galo. Ele é um atacante que faz a função de meia e ai aumentava mais a superioridade numérica no corredor central. A pressão aumentou e o Galo seguiu bombardeando. Argel percebeu que precisava conter este lado esquerdo ofensivo do galo-MG e trouxe Celsinho no lugar de Naldo. Ainda fez a última mudança tirando Alecsandro por Warley. No momento em que o Atlético era melhor no jogo veio a expulsão. Dawhan fez uma falta tática, eles trocaram agressões e como já tinha amarelo, Vinicius foi expulso. Logo depois, com um jogador a mais, o CSA acabou levando o segundo gol. Luan, alagoano de São Miguel, marcou o gol da virada. O time azulino teve poder de reação logo na saída, Jonatan Gómez criou a jogada, sofreu a penalidade e ele mesmo cobrou e voltou a empatar a partida.

Depois foi apenas esperar o final do jogo, onde o CSA conquistou um ponto e tem que se comemorar muito porque o Atlético foi extremamente superior. O craque do jogo João Carlos. Garçom Fábio Santos.

  • Pedro filho

    Bichinho, continua na Zona, êhn, êhn..

  • LUIS MARCIANO BATISTA

    ZONA NÃO É LUGAR DE NINGUEM MAIS ESSE AZULÃO GOSTA

  • Azulão

    A julgar pelo momento atual, creio que não vai ser rebaixado, mas se não for possível evitar o rebaixamento, mesmo assim estará de parabéns, tem dado orgulho a sua torcida e ao seu estado, uma pena a reação ter vindo um pouco tardia, tivesse feito um pouco mais no primeiro terço do campeonato, a situação hoje seria bem diferente. Mas vamos lá, um pontinho aqui e três ali, a gente chega….

  • Abrahão

    COMO FALOU MULLER: TIME MEDÍOCRE.

    • Anderson Douglas dos Santos Souza

      Time que não consegue da sair da série B e que sua torcida com o time no G4 não coloca mais do que 5 mil torcedores no Rei Pelé…uma vergonha dessas e quer vir falar do CSA???hahahah

    • Galinheiro Alagoano

      Medíocre era as orientações do treinador da época e chegou para afundar a barca vermelha rumo a terceirona.

  • Luiz Gustavo

    Medíocre, amigo são vocês 30 trinta anos na série b, e sem Nacional, sem nada pra comemorar. Torcedor com autoestima baixa. Força amigo ABRAHÃOOOOOOO.

  • Carnauba

    Esse Abrahão é um palhaço. Frustado. Vai morrer e não vai vê a galinha na série A. Ele fede.

  • Maior de Alagoas

    Medíocre é empatar com o poderoso operário de ponta grossa do Paraná.

  • Antônio R.

    Eu já falei várias vezes, os rosinhas ficam esperando o AZULÃO jogar, prá derramar todas as suas frustrações contra o CSA, mais quando o maior de roteiro joga, ninguém do maior de roteiro aparece prá comentar, esse abraão é um e baseado nisso, castigo prá fraguinha é pouco, aliás a franguinha jogou terça e o jogo foi tão ruim quê o Marlon nem comentou, na verdade um jogo desgraçado de ruim não tem como comentar nada, não se aproveita nada, a não ser a sorte do maior de roteiro, porquê meu amigo aquela bola na trave se entra, chau crbosta, time ruim, jogando uma série b tão fraca como essa, onde falta poucos jogos prá encerrar e tem time com 40 pontos com chance de subir, enquanto no ano passado a essas alturas os quê brigavam prá subir já tinham passado dos 50 pontos.

  • Felipe M.

    Tem momentos que sinto dó dos regatianos. Sem resenha. Deve ser frustante ver vários times se reerguendo, alcançando seus objetivos, escrevendo suas marcas no cenário nacional e internacional, e o coitado do crb não tem feito nenhum. Orgulham – se até das desgraças dos outros. Mas a vida é assim mesmo, pra uns ganhar outros tem que perder e nesse caso que sempre sai por baixo é o time de roteiro.

    Avante Azulão!

  • Cardoso

    Realmente Antônio R. você tem razão, fui olhar o desempenho da série é do ano passado e vi vários clubes acima de 36 pontos nessa mesma rodada brigando prá não cair, inclusive a 🐔 estava nessa situação e agora, nesse ano, vários clubes tem 36 pontos e estão brigando prá subir, realmente essa série b tá nivelada, agora nivelada por baixo, então é por isso que a 🐔 nesse ano não tá brigando prá não cair, no ano passado a galinha tinha quase essa quantidade de ponto e brigava prá não cair.

  • SANTOS

    Olha os pontos perdidos para Santos 0x0 ATACANTE PASSOU PELO GOLEIRO E NAO FEZ O GOL , Botafogo 2×1 TOMAMOS A VIRADA NO REI PELE , Bahia 1×0 EMPATAVAMOS E NO FINAL TOMAMOS O GOL , Sao paulo 1×1 GANHAVAMOS E DEIXAMOS EMPATAR NO FINAL , Cruzeiro 1X1 DEIXAMOS DE GANHAR EM CASA, Grêmio 0x0 DEIXAMOS DE GANHAR EM CASA TBM , E ONTEM 2X2 ATLETICO MG UM PURO VACILO E FALTA DE CONCENTRAÇAO , TOTAL 14 PG perdidos 26+14 = 40

  • Santos

    Eu já falei aqui várias vezes, regatianos vamos nos focar no nosso time, deixe os caranguejos prá lá, nós temos quê ir ao trapichão torcer pelo galo, se a caranguejada fica ou sai, pouco mim interessa meu foco é o MAIOR, é o galo, galo eu te amo, vamos dá a volta por cima e subir pra série A, aí vamos mostrar a essa caranguejada como se joga uma série A e quando chegar o próximo ano vamos mostrar como se joga uma série A, galo, galo.

  • LUIZ RIBEIRO DA SILVA FILHO

    Abrahão retorna à comentar em alto estilo…….pura verdade…. TIME MEDÍOCRE O DE ROTEIRO, que não consegue vencer o Operário de Ponta Grossa PR (que merece todo o respeito). Mas também uma TORCIDA MODINHA, que não comparece ao Estádio, vai arrumar o quê???? Simples……. mais 20/30 anos rastejando por um acesso à Elite. O Cidadão Honorário de Maceió, veio completar salário até dezembro.

  • Eduardo

    Tem Clube que vai morrer na CéRieBê!

  • GEDSON kbça

    é muito Ruim de aceitar . sou crb mas essa é a realidade o css está acima de nós mesmo estando no z4 e com o risco de voltar pra série B.. Eles foram até la é nós nem conseguimos vficar 3 rodadas no g4. é amargo mas não engulo esse momento…..vê mas uma vez estamos lutando pra ficar ja série b…..como sempre

  • Cardoso

    O porteiro do prédio onde moro falou, ei seu Cardoso, sabe quem tá de volta prá Maceió eu disse não, então ele disse o seu Marcelo Cabo, aí falei, mais ele não estar no Vila Nova, então o rapaz disse, ele agora é o técnico do crb,aí falei é não, ele é, porquê ele mandou limpar o apartamento e disse quê tava de volta, mais quê agora era o regata, menino tão rápido, hora ele agora ganha três salários, o do CSA, Vila Nova e agora do crb, menino desse jeito é bom demais, ele disse quê vinha passar uns descansando em Maceió, mais o crb pediu tanto quê terminou aceitando, depois de muita insistência da diretoria do maior de roteiro.

  • Cristiano

    Sequencia dura pro CSA agora.
    Botafogo (Fora); Flamengo (Fora); Corinthians (Casa); Athlético/PR (Fora); Grêmio (Fora); Vasco (Casa).

    se sobreviver a isso, fica na Série A.

  • emanuel

    admiro seu trabalho como comentarista , mas discordo nao podemos comemorar esse empate nao ganhamos 1 ponto perdemos 2 csa tinha 6 jogos em casa e dever ganha desse time do atlético, time com varios desfalques e que vinha de 9 ou 10 jogos sem ganhar , ja relacao ao jogo ponto crucial foi a entrada do Bruno alves que no jogo contra o sao paulo fez a falta que nos custo 2 pontos e novamente ele foi culpado diretamente , nao entendo como argel coloca um cara como ele para jogar, nao fez um jogo que justifique ao menos ficar no banco fabio santos foi anulado praticamente o jogo todo quando Bruno alves entrou , fabio santos fez a festa , tanto que os 2 gols surgiram pelo lado direito do csa .

  • Cardoso

    Eu só queria quê o AZULÃO tivesse 10% dá sorte da 🐔 de roteiro, aí meus amigos o CSA estaria brigando prá não cair.