A eliminação pela falta de eficiência – Blog do Marlon
Em novos áudios, Alex Fabiano mostra ter trânsito em CSA e CRB e revela resenhas e erros dos dois clubes
Figueira passeia no Rei Pelé com direito a um baile completo

 

 

O CRB não conseguiu chegar a semifinal da Copa do Nordeste. O principal motivo para este insucesso foi a ineficiência, a falta de qualidade na finalização. A equipe regatiana criou e perdeu uma boa quantidade de oportunidades.

Existem diferenças entre o comportamento do Ceará, classificado com dois empates, e o do CRB. Em Maceió, o Galo desconcentrou após já está vencendo por 2 a 0. Tomou dois gols nos minutos finais do 1º tempo e quando teve Diego, expulso no 2º tempo, viu o Ceará imprensar, pressionar, mas definir, marcando o gol do empate com Arthur Cabral.

O CRB ficou com um homem a mais ontem na Arena Castelão. Dominou, pressionou o Ceará, mas não conseguiu fazer o gol lhe desse a classificação.

Lamentar o fato de não chegar na semifinal quando observou-se que o confronto desenhou-se para isso.

O Jogo

O tempo inicial apresentou as duas equipes muito abaixo no quesito transição ofensiva e ataque. Não houve finalização certa e apenas quatro tentativas foram realizadas. Apesar do péssimo tempo inicial, o CRB ganhou consistência defensiva com o retorno de Diogo Matheus e Lucas Siqueira pelo lado esquerdo.

Júnior Rocha repetia uma estratégia defensiva já exibida anteriormente: duas linhas de quatro com Diego Rosa e Neto Baiano à frente das linhas.

O Ceará voltou para o tempo final com outra postura e até os 20 minutos pressionou muito o CRB. A pressão fez o time cearense forçar o goleiro João Carlos a trabalhar e fazer algumas defesas.

O árbitro da partida cometeu um erro ao ter marcado uma penalidade de Luis Otávio em cima de Neto Baiano. A falta foi fora da área. Após um contato com o assistente , voltou atrás e anulou a marcação equivocada. Luis Otávio foi expulso e a partir deste momento, o Ceará somente se defendeu. Em pelo menos três oportunidades, o CRB poderia ter marcado. Em uma falta cobrada por Neto Baiano, Everson fez grande defesa. Rafael Costa cabeceou com muito perigo, tirando tinta da trave e aos 51 minutos, Diego Rosa serviu Mazola, mas faltou recurso técnico ao jogador para fazer o gol da classificação.

Mesmo com a eliminação valeu por não sofrer gols pois demonstrou um alento na evolução defensiva. Mas Júnior Rocha ainda não conseguiu o sonhado equilíbrio entre atacar e defender.

Diego Matheus foi o destaque da partida. Júnior Rocha trabalhou melhor. O jogo foi fraco no aspecto técnico.

  • Luciano

    Se fosse o CSA o título era : CSA erra mais uma vez no planejamento e está eliminado da copa do nordeste … vai entender !

    • makyssilva

      Verdade! eu acompanho esse blog, porque gosto de futebol e na empresa que eu trabalho não pega outro site. Ta ficando feio esse passa mão na cabeça do crb,time sem expressão.

  • THIAGO MUSSURI

    Não sei até aonde vai essa diretoria com essas contratações,”mazolá,Diego rosa,e outros bestas, o ratinho já deu para o CRB. Fora Alaecon e esses jogadores de time de várzea.se cair da série B a desculpa vai ser caiu pra ser campeão da série C? Ou muda agora ou vai ser tarde fica a dica,Alarcon vai fazendo currículo porque com essas contratação que está trazendo tu vai ficar desempregado.

  • Raphael

    O time jogou bem, apesar da desclassificação. Neto Baiano tem se destacado, com muita raça. Diego Rosa precisa ganhar mais confiança e mostrar o potencial que possui. O Mazola tá muito fora de ritmo.

    • Marcos

      O CRB tem um bom elenco. Só que os caras não dá oportunidade a outros jogadores. O Ruan joga muito, mas não querem da oportunidade ao garoto.

  • DAVID SAMUEL BARROS DA SILVA

    não faltou apenas eficiencia, faltou foi atitude e vontade de querer vencer isso sim, ceara ficou com um a menos durante quase todo o segundo tempo, e o q se via era um time totalmente desorganizado, alem de peças que me desculpe diretoria regatiana, esses jogadores que voces tinham como sonho eles na realidade não são os sonhos nem dos times de serie D, imagina de um time gigante como o CRB, Sr. Marcos Barbosa, vamos rever o conceito do departamento de analise e desempenho do crb, pois so estão contratando pernas de pau, Mazola, Rafael costa, Rafael bastos, juninho potiguar entre outros que foram contratados. O jogo de ontem não precisava muito não apenas que nosso time tivesse vontade de vencer, pois com todo respeito ao ceara, mais qualquer time mais ou menos conseguia sair do castelão classificado.

  • Helder Morais

    Infelizmente, é difícil separar o torcedor do comentarista?
    Acredito que o resultado deve ser valorizado, afinal, empatamos com o Ceará (time de Série A) em Fortaleza. Pressionamos, arriscamos, evoluímos no sistema defensivo. Há mais o que comemorar que lamentar. O CRB foi eliminado, contudo, com duas boas apresentações. Sobre o primeiro jogo, há muito não se via um jogo no Nordeste com tanta emoção, pegada e belos gols. Já o segundo, com um primeiro tempo sem muitos destaques, mas com um segundo tempo jogado e equilibrado. Podemos dizer que, como torcedor, o Galo saiu de cabeça erguida.

    • Luciano

      Ceara cachorro morto sem treinador e com menos um .. o problema do regatiano é se contentar com participações

    • Eduardo

      O torcedor regatiano está acostumado e conformado em ser coadjuvante nas competições, essa é a verdade. Medíocre dentro e fora das quatro linhas.

  • RAMONES AZULAO

    CRB TIME MEDÍOCRE QUE SE CONTENTA COM POUCO. O CEARA É UM TIME FRAQUÍSSIMO E SEM QUALIDADE. PRIMEIRO REBAIXADO DO CAMPEONATO BRASILEIRO DA SERIE A E TIME DE SEGUNDO ESCALÃO DO NORDESTE.O CEARA NÃO É NENHUM PARÂMETRO. SER ELIMINADO PELO CEARA COM UM JOGADOR A + MOSTRA O QUANTO O CRB É UM TIME FRACO E SUPERVALORIZADO. SE O CRB FOSSE TÃO BOM E ORGANIZADO QUANTO A IMPRENSA FALA, PASSARIA FÁCIL FÁCIL PELO FRACO CEARA.O CEARA É TÃO MEDÍOCRE QUE A PRÓPRIA TORCIDA VAIOU O TIME, AFINAL DE CONTAS, EMPATAR EM CASA COM O CRB É MOTIVO DE MUITA VERGONHA.