O clássico da Série B já começou: Alarcon vs João Feijó – Blog do Marlon
O aprendizado que o CRB precisará ter depois da pancada tricolor
A clara opção do CSA e o fortalecimento do trabalho de Marcelo Cabo

Pela primeira vez CRB e CSA irão se enfrentar na Série B do Campeonato Brasileiro.  Antes mesmo do início da competição, as disputas fora de campo estão acirradas. Alguns jogadores são oferecidos ou os dois times buscam a sua aquisição.

Também fora de campo, as duas equipes mostram características distintas partindo das pessoas que buscam a captação de jogadores. CRB e CSA buscam em duas figuras oriundas do Corinthians Alagoano: João Feijó e Alarcon Pacheco.

Os dois formaram e trabalharam juntos desde o início do Corinthians Alagoano. Depois Alarcon foi realizar seu trabalho no CRB e profissionalmente, os dois se separaram. A característica dos dois como captadores de atletas são bem distintas. Também são distintas a condição dos dois. João Feijó não é participante da direção do clube azulino, não tem função, mas como conselheiro tem sido um escudeiro de Raimundo Tavares, abre portas para Rafael Tenório em clubes de todo o país. Já Alarcon Pacheco é remunerado, é um funcionário do projeto CRB e é cobrado por isso.

João Feijó é mais experiente mas busca na sua captação jogadores mais jovens, com mais intensidade e alguns que ainda não construíram nome entre torcedores. Além disto tem uma aproximação com dirigentes de clubes espalhados em todo o Brasil

Já Alarcon Pacheco é mais jovem, no entanto, busca na sua captação de atletas aqueles com mais rodagem, mais experientes e em sua grande maioria, jogadores que já foram testados em diversas equipes ou ainda atletas em baixa para serem recuperados. O jovem e competente dirigente do Galo é mais próximo de agentes do futebol, entre eles, Eduardo Uran, um dos mais importantes do pais.

Mesmo dentro desta diferença, os dois possuem muitos méritos nas suas visões e nos trabalhos realizados.

Para a Série B, os dois vão manter suas visões e ideais de futebol. Mas também haverá disputa entre os dois pelos mesmos jogadores. Alguns estão sendo oferecidos tanto ao CSA, quanto ao CRB. Diego Rosa e Tinga, por exemplo, voltarão ao futebol de Alagoas? Qual a camisa que eles irão vestir?

Os bastidores estão bastante quentes e ainda prometem vários capítulos. Vamos aguardar.

  • Thiago

    Terão muito o que mostrar ainda!

    Ainda não vi resultados ostensivos, talvez o fim dos estaduais tragam jogadores que realmente façam jus à experiência de ambos!

  • João CRB

    O CRB tem mais recursos financeiros e melhor estrutura, sem contar que é um clube com muito mais tradição na Série B que o estreante, que irá conhecer 38 jogos em pontos corridos agora. O CRB, como sempre, deve ficar com as melhores peças do mercado à disposição

    • Azulino

      Meu caro amigo João CRB!

      O CRB está tendo uma passagem mediana pela série B, ao qual não o trouxe nenhuma empolgação tampouco alegria para sua torcida, diga-se de passagem. O CSA é o clube que mais tem tradição em todos os aspectos dentro do futebol alagoano. O CRB é usado para fins de cunho um tanto quanto duvidosos, quando diz respeito a licitude dos mesmos.

  • Tiago

    Que duelo … tomara que esse duelo seja interessante para que ambos façam grande campanha .

    • Helio

      João Feijo não vai perder para o aluno .

  • Rogerio Barboza da Silva

    Confesso que ainda não vi essa tal “competência” desses profissionais, talvez sob o aspecto financeiro eles estejam pessoalmente realizados, porém, os clubes não foram impactados com o brilhantismo apregoado. Alarcon, desde o ano passado pisa na bola, foram jogadores que por diversos motivos não corresponderam as necessidades da equipe. Este ano segue na mesma batida, salvo uns 3 ou 4 os demais jogadores contratados pelo CRB não têm nivel para série B, quer técnica ou fisicamente, são jogadores muito medianos, sendo muito otimista. Já o CSA é um desastre nesse quesito, é uma sucessão de equívocos, não bastasse as lambanças, agora estão tentando reinventar o “craque” Joilsom. Acho que Alarcon e João Feijó são bons mesmo é na arte de ganhar dinheiro.

    • Wagner

      Falou tudo!!! Até quando a impressa alagoana vai alimentar essa ganância disfarçada de “competência”? Ambos não vislumbram outra coisa a não ser o LUCRO! O presidente do CRB, através de Alarcon, “transforma” a grana que adquire em “investimentos” nada bons pro clube. O presidente do CSA ajuda o Feijó a encher o bolso em troca de uma moral que o clube perdeu no mercado durante as últimas décadas. Os resultados estão aí: futebol de péssimo nível e uma decepção atrás da outra.

  • João

    Só tem uma correção a fazer no texto Marlon!

    Alarcon não é funcionário do crb, ele é funcionário da AlE-AL. É lá que aparece seu nome na lista de funcionários.

    🤐

  • Thiago

    Boa tarde,

    CRB x csa, já se enfrentaram sim na Série B em 1989,1991 e 2000.

    30/09/1989 – Sábado
    CSA 0x2 CRB

    28/10/1989 – Sábado
    CRB 1×0 CSA

    5ª Rodada
    1991
    CRB 0x2 CSA

    11ª Rodada
    1991
    CSA 2×1 CRB

    10ª Rodada
    07/09/2000 – Quinta-feira
    CSA 0x2 CRB

    Vlw

  • Junior

    Quero aproveitar a oportunidadepara mandar um recado para seu Marlom, Parar de ta batendo de frente comMazola e outros do CRB,a torcida do CRB ja ta de olho. Se nai vc sabe como vau sei coro

    • fernando soares

      fala isso pro Marlon quando ele passar com a Viatura na sua rua kkkkkkkkkkkk

  • pelota

    Pela experiência e o conhecimento que o João Feijó tem, acredito que ele tenha uma boa vantagem nos demais, mais para isso os dirigentes do csa precisa coça os bolsos, digo ter dinheiro para gastar não é só a experiência ou conhecimento logico que conta também,um pouco que eu o conheço ele faz o csa um time competitivo até para disputar a primeira divisão, basta lhe dar a garantia ou o aval que ele faz isso muito bem.

  • João José

    Esses dois mesmo, são ótimos na arte de enrolar otários…Só tem bagaço nos dois times, o Crb já enrola a mais tempo e vem dando até agora certo, já o csa irá começar a iludir os torcedores agora. Crb já é mestre na arte da enrolação enquanto o cara irá começar …vamos ver se terá longevidade na B como o Crb tem.

  • Herbert

    Alarcon, João Feijó, Manoel Nascimento…
    Esses são mais pra lendas de algum descoberto esporádico a trabalho bem feito e com regularidade.
    Precisam mostrar essa regularidade.

  • Jadson Oliveira

    Só não sei onde falam quer o João Feijó fez ano passado , pois o mesmo não contratou um atleta do time campeão da série C , ao contrário de quer toda imprensa faz questão de divulgar , e todos dentro do csa sabe que ele não ajudou em nada , vou repetir em nada na série C .

  • Raphael

    Marlon, esqueça que o CRB existe e vire setorista do CSA, fale apenas dele.

  • Sampaio

    Sem investimentos na base,seguiremos contratando turistas, para apreciar nossas praias e comidas típicas.

  • Sampaio

    Rafael Tenório,Raimundo Tavares, bota esses maloqueiro na rua.

  • Regatiano

    Já começou errado que não é a primeira vez, em 2000 os dois se enfrentaram pela Serie B. CRB 2 x 0 CSA.

  • Regatiano

    Pensei que tinha escrito algo importante, perdi meu tempo lendo isso.

  • CAMPEÃO BRASILEIRO REVOLTADO

    O que falta para o futebol alagoano é o pesado investimento nas categorias de base. Há décadas que o Azulão não revela ninguém, o resultado disso são os jogadores que não tem identificação com o Manto Azul e Branco. Uma prova disso é o que está acontecendo com o CSA nos primeiros meses deste ano, a diretoria optou por renovar com a maioria do grupo campeão brasileiro de 2017, segundo erro foi ter renovado com o péssimo Flávio Araújo e o terceiro e o mais grave é a omissão da diretoria azulina em cobrar mais dos jogadores que fazem o que bem entendem, fingem que treinam e fingem que jogam. A situação do elenco (mercenário) azulino já escapou das mãos dos dirigentes, a maior torcida de Alagoas não aceita o corpo mole desses jogadores