Empate em uma estreia onde se esperava mais – Blog do Marlon
CRB larga forte em rodada de abertura do Alagoano; CSA empata e ASA também vence
Apesar das adversidades, novo CRB conquista bela vitória

Bruno Veiga foi o autor do gol de empate do CSA na estreia na temporada – Foto: Pei FOn – TNH1

O CSA largou na temporada 2018 com um empate contra o Sampaio Corrêa: 1 a 1 no Rei Pelé. Separando desempenho e resultado, o time azulino teve um resultado normal e um desempenho abaixo do que era projetado.

Após começar perdendo, o CSA foi buscar o empate. Criou alternativas, foi na empolgação e viu o goleiro Andrey fazer algumas boas defesas, até que Bruno Veiga finalizou com oportunismo. O resultado foi dentro de uma normalidade para o começo de temporada e para o nível do time enfrentado.

O desempenho do time do CSA foi abaixo da expectativa esperada. A equipe manteve a base campeã no ano passado, começou a trabalhar em dezembro e mostrou alguns problemas físicos, técnicos e por que não dizer táticos. Visivelmente, o CSA apresentou um estágio físico inferior ao que foi apresentado pelo adversário. Observei um Sampaio mais  inteiro na partida. Alguns jogadores do CSA ainda mostram dificuldades em termos de condição física. É preciso lembrar que o time azulino atingiu um outro patamar dentro da temporada.

No aspecto técnico alguns jogadores não estão bem. Difícil imaginar que o lateral Paulinho esteja em nível inferior a Rafinha, assim como Echeverria também esteja pior que Caique e até mesmo Cristiano esteja pior que Rodrigo Lobão.

No aspecto tático, o time do CSA veio com uma mudança de característica. Perdeu a velocidade que tinha como Edinho e optou por ter uma formação com mais posse de bola, com trocas de posições ao optar por Didira no time base. O CSA não funcionou assim e mesmo quando se assemelhou a característica do time do ano passado, a equipe não mostrou desenvoltura semelhante aquilo que o time campeão apresentava.

É claro que a avaliação é inicial e que poderá mudar bastante ao longo da temporada, mas ficou a impressão que o time não evoluiu e que o pior, perdeu aquilo que tinha de melhor no final da temporada passada.

O Jogo

Encaixe de marcação -individual – do Sampaio e CSA travado no 1º tempo: leitura de Francisco Diá – Imagem: TaticalPad-Marlon Araújo

 

A partida foi iniciada com Francisco Diá travando o time azulino com um 4-1-4-1muito bem definido e com execução forte. O volante César Sampaio (5) foi utilizado para jogar pelo corredor lateral esquerdo e marcar individualmente Didira (19), acompanhando inclusive nos deslocamentos para o corredor central. Projetou o lateral James para duelar na segunda linha de quatro com o lateral Celsinho repetindo a mesma coisa com Junior Rocha (2) em cima de Marcos Antonio. Neste caso, fazendo uma dobra de lateral com Bruno Moura, evitando ultrapassagem de Rafinha. Yure (ex-CRB) individualizou marcação em cima de Daniel Costa, com isso o CSA ficou travado. O time somente chegou com bolas paradas e com finalização de média distância, na melhor delas, Daniel Costa  finalizou com grande qualidade, mas Andrey fez uma linda defesa.

O Sampaio chegou ao gol em um erro na saída de jogo azulina, Reginaldo Júnior fez deslocamento para o lado, abriu espaço na defesa do CSA e deixou os zagueiros sem referência. Bruno Moura acompanhou a jogada desde o roubo da bola, atacou o corredor central em grande velocidade e surgiu no meio da área, como homem surpresa, para abrir o marcador.

CSA começou o segundo tempo um pouco melhor. Em três minutos criou mais chegadas que durante os 45 minutos iniciais. Mas o time melhorou desempenho a partir da entrada de Bruno Veiga. O time voltou a característica que se habituou a jogar, mas Veiga mostrou ser um jogador de velocidade, mas ainda longe do desempenho do antigo dono da posição ( Edinho) . Mesmo assim, o time azulino, criou, forçou Andrey a realizar algumas boas defesas. Até que chegou ao empate após uma bola alçada na área , onde o goleiro Andrey , chegou a ser tocado fora do lance e  Bruno Veiga marcou empatando. No abafa, o CSA quase consegue a virada em outra bola parada com Leandro Souza (3).

O craque da partida foi o goleiro Andrey (1-Sampaio). Marlon (10-Sampaio) foi o garçon e Francisco Diá foi o melhor treinador. O árbitro paraíbano Renan Roberto de Souza fez uma boa atuação e mostrou estar ‘voando’ no aspecto físico no início da temporada. Nota 8.

  • Rogério Barboza

    Bom dia Marlom, gostaria dd falar do estado do gramado do Rei Pele. Esses rachas vão acabar com a grama. Estão brincando. A ótima qualidade daquele gramado sempre foi uma referência, mas esses meninos que dirigem o futebol alagoano precisam ser contidos. É uma bagunça. Tenho fontes seguras que foram muitas peladas esses dias. Tá virando meio de vida para alguns que respondem pelo estadio.

  • Abrahão

    Marlon, é por essa e outras que o CRB é o MAIOR DE ALAGOAS.

    Saudações regatianas.

  • Luiz Gustavo

    O time do roteiro é maior em quê ? em título Nacional ou estadual

    • Fabão

      É melhor sim, em rebaixar o rival 02(duas)para segundona do AL, ser Tri Campeão atual, e ter a melhor posição dos Alagoanos na CBF.

      • Jr.

        Fora ser campeão no nosso centenário em cima da mundiça, e campeão no centenário deles, em cima deles.
        Isso é os 2 rebaixamentos, #NadaApagará

      • silva

        chora não bebê… segue nós….

      • Silva

        É melhor sim??????? em ser saco pancada da serie B…segue o azulão…

    • Silva

      Elas são maiores em tudo kkkk…elas choram e sofrem com os nossos titulos mas são difíceis de sair do salto. time de roteiro e na vida real sem roteiro…sobrevivem com o alagoano…passa o ano todo levando pau na serie B… e se alegram com titulo estadual. atitude de time pequeno mesmo…

  • ivo

    O empate foi um bom negocio para o csa. Tinha torcedor sonhando de olhos abertos, pensando naqueles amistosos realizados, Acorda galera, agora é pra valer, se não melhorar muito vai ficar na primeira etapa. Foi só pegar um time certinho, com um esquema de jogo bem montado e o azulin desbotou, foi por pouco, contra o Ceará o coro come.

  • Ivo de Lima

    Boa Noite
    É logico que olhando como o csa jogou vimos um time sem evolução tática e Física e mesmo assim se eu não assistir outro jogo o csa foi superior se manteve com a bola teve as melhores chances e eu digo se tivesse virado o jogo não seria um resultado espantoso,logico que algumas peças não atuaram bem os exemplos de Daniel Costa, Rafinha, Celcinho, Boquita e Lobão esse ultimo com uma péssima atuação no entanto o csa mesmo com esses problemas chegou ao gol do adversário com perigo fazendo assim o goleiro ser um dos melhores jogador da partida se não o melhor, é de se esperar de um time que manteve a base uma excelente partida mais isso é futebol nem sempre o melhor ganha. As criticas só vão fortalecer esse csa que esse ano na minha opinião é favorito ao titulo alagoano e vai fazer campanha excelente nas competições. O anos estar apenas começando o Tec. Flavio Araujo vai saber bem trabalhar essa equipe creio eu que contra o santa rita teremos mudanças táticas e de peças vamos aguardar.

  • Sampaio

    É só o começo!

  • Joeliton

    Pq o csa nao tem um nove fixo na frente o michel vem pegar bola direto nas lateral o csa contratou um jogador bichado esse Leandro kivel nao gosto de quem faz essas contratacoes e de quem trouce esses cara ai muito fraco.

  • André

    Empate não foi ruim, CSA vai brigar com o Sampaio pela classificação e o Sampaio joga melhor fora de casa, tanto que ganhamos deles lá ano passado. Temos que colocar com urgência os reforços da zaga pra jogar e entrar com o Bruno Veiga de primeira. Saudações do Maior de Alagoas, Maior em nível estadual com mais títulos, em nível nacional em mais títulos e em nível internacional, em disputa de final, o resto é mimimi.

    • regatas

      O freguês tem sempre a razão 😁😁😁

      • silva

        É verdade que o crb tem mais vitorias, sobre o csa…isso é fato! mas o que me alegra é que vocês se alegram por vitorias e a nossa torcida por titulos…segue o azulão…