Isso mesmo, o ano de 2019 chegou ao fim e a melhor notícia é, vencemos! Se você está lendo esse texto significa que superou muitos limites, que fez muitas renúncias, que teve coragem para agir e atitude para persistir. Todo esse conjunto de ações te trouxe até aqui e hoje desejo propor uma reflexão, o que você deve deixar e o que você vai levar para 2020?

Para muitos o 2019 foi muito desafiador, repleto de altos e baixos, cheio de pegadinhas da vida e algumas câmeras escondidas que filmaram nossas reações diante das adversidades. Choramos, sorrimos, abraçamos, amamos, corremos e nos aventuramos em terrenos os quais não tínhamos domínio e cá estamos, com uma bagagem repleta de experiências, frustrações e muitos aprendizados. A virada de ano é um momento muito especial pois podemos ressignificar nossos caminhos dar uma nova cor as nossas histórias. Mas claro que temos a plena consciência que nem tudo saiu conforme planejamos (as vezes parece que nada saiu não é?), então precisamos refletir, o que vai ficar aqui?

Quando refletimos sobre nossas escolhas e o quanto precisamos evoluir chegamos à conclusão que assim como roupas e sapatos que em um dado momento deixam de nos servir, assim são nossas atitudes, comportamentos, permissões e concessões. Quais foram os resultados que você deixou de alcançar neste ano e qual foi tua responsabilidade diante disto? A falta de coragem, baixa atitude, desanimo, baixo entusiasmo, preconceitos, juízos de valor, inflexibilidade, baixa criatividade, excesso de si e falta de empatia são alguns exemplos de coisas que devem ficar em 2019, certamente elas não lhe farão falta no novo tempo que se aproxima. Vale refletir sobre como você pode incrementar essa listinha negra.

Tão importante quanto saber o que não se quer, é saber o que desejamos e para seu 2020 o que foi que você preparou? Muitos já possuem uma vasta lista de sonhos, outros nem se deram conta que precisam ter objetivos e metas para chegar a algum lugar. Se não sabemos para onde desejamos ir, qualquer lugar serve, já dizia William Shakespeare. “Ah Vitor, não sei do meu hoje, imagine o amanhã”, posso imaginar que talvez você se sinta assim, mas já parou para pensar que seu futuro é feito de escolhas do seu presente e que se você não escolher nada hoje certamente não realizará nada do que sonhou quando era criança? Tudo na vida é uma questão de perspectiva e urgência, talvez você precise entender que não lhe resta muito tempo nesta vida e que se apressar talvez seja uma das coisas mais inteligentes a se fazer.

Sobre 2020, espero que o seu seja do jeitinho que você sonhou!

  • Cesar

    Sinceramente 2019 foi um ano que, apesar dos aprendizados e amadurecimento, deverei deixar para trás até cair no esquecimento. O único bom dele já diz o ditado: “o que não mata fortalece”.

    • vitorluz

      Ótimo, que possamos aprender com ele! 2020 promete!