Estou passando para informar que o ano de 2020 não foi e nem será cancelado, tenho ouvido muitas pessoas desejando excluí-lo de suas histórias, mas acredito que a reflexão deva ser exatamente o contrário, ele precisa ser preciosamente considerado. Aprendemos muito, nos desafiamos até onde pudemos, evoluímos bastante e reconhecemos o quanto viver é precioso. O ano passou e com ele a nossa vitória e se você não se deu conta disso, vamos comigo até o fim deste texto.

A grande maioria de nós nunca vivenciou uma pandemia e claro que toda essa novidade nos pegou “desprevenidos”, seja financeiramente, fisicamente, intelectualmente, energeticamente e emocionalmente. Foi um abalo considerável em nosso equilíbrio e por vezes talvez tenhamos pensado em desistir, mas cá estamos nós. Esse ano de 2020 foi riquíssimo e gostaria que você se esforçasse para reconhecer a beleza de tudo que vivemos. Precisamos nos adaptar, reconhecer que na distância também podemos ser presentes, que sozinhos nós podemos mais e que possuímos uma força que nem imaginávamos.

Cancelar 2020 seria abrir mão de tudo que conquistamos, de tudo que aprendemos e de tudo que conseguimos ser. Nenhum ano merece ser cancelado, principalmente aquele que nos desafia a sermos ainda melhores. Com a chegada da passagem de ano devemos fazer uma reflexão sobre o que fomos, quem estamos sendo e quem desejamos ser. Não volte seu planejamento para coisas externas, coisas que deseja comprar ou ganhar, foco em você e em seu processo de crescimento. Chega que buscarmos do lado de fora, tudo aquilo que só encontraremos dentro de nós.

O ano está chegando ao fim e ainda temos tempo de realizarmos algumas coisas pendentes. Faça uma listinha de tudo aquilo que foi procrastinado, escolha um prazo e encontre os meios para tudo isso. Existem experiências que podem ser jogadas no mar do esquecimento, mas o ano de 2020 merece ser sempre lembrado, para não repetirmos erros do passado, aproveitarmos o momento presente e aprendermos a nos planejarmos para o futuro.

Feliz Ano Novo!

 

Atualmente não há comentários.