Uma das habilidades mais poderosas do ser humano é a adaptação, por meio dela conseguimos passar por desafios, situações constrangedoras e momentos emocionantes com menos danos e cicatrizes possíveis. Com a chegada das festas de fim de ano, tendemos a festejar e por vezes podemos deixar os limites de lado, junto com o bom senso. A originalidade nos torna únicos e isso deve ser uma prioridade em nossas vidas, afinal de contas, a autenticidade existe para que possamos nos apropriarmos dela.

O ano de 2020 tem sido um verdadeiro desafio para todo ser humano vivente na terra, o isolamento social nos trouxe a certeza de que nossa liberdade é cara demais e estar longe de quem amamos também virou uma prova de amor, no real sentido da palavra. Com a chegada das confraternizações acreditamos que teremos a chance de estarmos juntos e compensar todo distanciamento antes vivido, mas preciso lembrar que ainda devemos ficar alerta e acima de tudo, nos preservarmos. O bom senso nunca foi tão requerido, para respeitarmos o distanciamento necessário, a compostura e o direito do outro de poder estar em segurança.

Muitos de nós passaram meses reprimidos em casa, sem poder sair para ver os amigos, estar com os familiares e viver tudo o que gostaria, e com a chegada das festas de fim de ano podemos imaginar que tudo está voltando ao normal, mas sinto informar que nada mais será como antes, nada! O momento presente pede ajustes necessários e espera-se que cada um de nós possa encarar o hoje de forma madura, com os pés no chão e coração aberto.

Todo comportamento apresentado durante as confraternizações jamais será esquecido, lembrete esse que nos ajuda a entender que tudo que fizermos poderá ficar marcado na vida daqueles ao nosso redor, seja isso bom ou ruim. Por isso a orientação é clara e objetiva, seja você na forma mais autêntica que puder, sem fingimentos, truques ou falsidade, não há tempo mais para isso. Lembre de ser fiel aos seus valores e princípios, isso já será o sufiente para te livrar de constrangimentos.

Atualmente não há comentários.