“Todo talento é 1% inspiração e 99% transpiração”

Desde pequenos possuímos sonhos e muitos deles já realizamos, mas alguns ainda estão na fila da realização esperando sua chance para saírem do papel e se tornarem realidade. Os dias vão passando e vamos adquirindo novas habilidades para enfrentar a vida de peito aberto e cabeça erguida, com uma ousadia que nos é própria e original. O ambiente o qual crescemos e orientações que recebemos durante nosso desenvolvimento possuem uma influência muito grande em nossas escolhas de carreira e tendências profissionais, conduzindo-nos para caminhos os quais nos encontramos neste tempo presente.

Passamos a vida desempenhando algumas tarefas as quais podemos pensar que só sabemos fazer isso e que se tal atividade deixasse de existir perderíamos o sentido da nossa existência. Imagine um Advogado que passou 10 anos atuando na advocacia e em um dado momento ele descobre que isso não o faz mais feliz e ao olhar pra trás ele chega à conclusão que não sabe fazer mais nada, pois dedicou-se exclusivamente a essa atividade e acabou não aprimorando outras habilidades.

Quando crianças recebemos vários estímulos que aguçam nossa criatividade, nesta fase aprendemos a desenhar, pintar, cortar, colar e até a modelar, tudo é válido quando o assunto é inventar e ser artista por um dia. Ao crescermos desenvolvemos novas habilidades e deixamos outras para trás, junto com nosso processo criativo e ajustamentos necessários. A vida sempre nos impõe desafios os quais precisamos dobrar a aposta e mostrar do que somos feitos.

Criatividade Inca

Em abril deste ano pude conhecer um pouco da cultura Inca no Peru, a cidade de Cusco reserva mistérios milenares, um povo acolhedor e cores inesquecíveis. Durante o tempo que permaneci na cidade antiga não encontrei pedintes, me parece que tudo se transforma por lá. Encontrei peruanas vestidas a caráter, juntamente com suas crianças e Lhamas, que pediam alguns soles (moeda local) em troca das tradicionais fotos que os turistas gostam.

Outros vendiam artesanato e roupas produzidas da lã das alpacas, animais apaixonantes que despertam amor por onde passam. Tudo é muito artesanal e produzido a mão, o que nos demonstra a criatividade e inteligência dos peruanos.

Um dos passeios imperdíveis do Vale Sagrado é a cidade turística de Chinchero, em uma das casas que visitei pude participar de uma aula sobre tecelagem, como os tecidos são tingidos e como tudo é produzido na cidade Inca. A experiência foi maravilhosa, me fazendo lembrar que dom e talentos podem andar juntos, unidos e em harmonia.

Por vezes escuto alguns relatos de amigos que não se acham criativos, que não conseguem produzir algo novo ou que simplesmente não sabem fazer nada além do que já fazem. Os dons são capacidades inatas que servem para desempenharmos com destreza e maestria determinadas tarefas e os talentos são habilidades que podem ser desenvolvidas ou aperfeiçoadas.

Não é porque não sabemos cantar, dançar, desenhar ou falar bem em público, que não podemos aprender e nos aperfeiçoarmos nessas práticas. Esse aprendizado fica mais fácil quando possuímos o dom, mas na ausência dele, vale fazer uso da determinação, disciplina e vontade de ser diferente.

Minha Coach de Carreira, Danielle Maciel Brandão, hoje está à frente do Great Place To Work – PE & AL, que é uma autoridade global no mundo do trabalho, e especialistas em transformar organizações em um Great Place to Work, ajudando as empresas a aproveitarem o melhor das pessoas e atingir resultados excepcionais e, acima de tudo, sustentáveis.

 

 

Durante o inicio de sua carreira ela foi Geógrafa, trabalhando com pedras, solos e assessoramento remoto. Ao longo de muitos anos ela se dedicou ao seu trabalho na Chesf, mas em um dado momento ela resolve mudar o curso de sua vida e escolheu o Coaching como estilo de vida. Escolha essa que a permitiu lidar com o desenvolvimento de pessoas e suas respectivas carreiras. Atualmente ela segue cumprindo seu propósito de vida e permitindo com que mais pessoas se encontrem pela estrada da vida.

Esses exemplos nos ensinam que não importa de onde partimos ou onde estamos, o que interessa é onde desejamos chegar e como podemos usar nossos dons e talentos para cumprir nosso propósito de vida. Seja criativo, entusiasmado e tenha vontade de fazer diferença, isso o ajudará a estar mais próximo dos seus sonhos!

Confira uma matéria sobre o assunto aqui.

—————

Se você deseja ficar por dentro de mais dicas como essas, me segue nas redes sociais, Facebook e Instagram, Psicólogo Vítor Luz.

Caso deseje enviar sugestões, relatos e conversar, aguardo seu contato [email protected].

 

Atualmente não há comentários.